CP deixou prescrever 22 milhões de euros em multas

Entre 2014 e 2017 prescreveram 22 milhões de euros em multas. Só nos primeiros cinco meses deste ano, a “fatura” da CP já vai em 734 mil euros.

Segundo o Diário de Notícias, nos cinco primeiros meses deste ano, a CP já conta com 734 mil euros em coimas não pagas sendo que, entre 2014 e 2017, prescreveram 22 milhões em multas. A média é de cinco milhões e meio de euros por ano.

Tratam-se de 12 mil multas de um total de 15 mil, com três mil deste número a terem sido pagas de forma voluntária. Questionada pelo jornal, a empresa recusou-se a dizer qual é o valor das multas passadas antes de 2018 que ainda não prescreveram.

Relativamente à estimativa que faz da média de viagens “fraudulentas” e dos passageiros sem bilhete, a CP indica ao DN que, entre janeiro e maio de 2018, “transportou nos seus serviços cerca de 50 milhões de passageiros, tendo a percentagem de multas emitidas correspondido a 0,03%“.

Além disso, adianta que, neste período, considerando a totalidade das fiscalizações efetuadas, versus as coimas emitidas, a taxa relativa ao número de viagens efetuadas sem título de transporte válido corresponde a cerca de 11%“.

Recorde-se que, esta semana, o mesmo jornal já tinha avançado que há passageiros que circulam nos Intercidades sem pagar bilhete, sobretudo nas viagens entre Lisboa e Faro, por problemas de cobrança a bordo.

Numa altura em que se fala do eventual “colapso da CP”, o DN também tentou perceber a existência de várias entidades com as quais a CP protocolou descontos, no entanto, a empresa preferiu dar uma resposta vaga.

“No que concerne aos Protocolos estabelecidos, a CP tem uma atividade transversal que se estende ao longo de toda a rede ferroviária nacional e, de uma forma proativa, continua a assegurar Protocolos que traduzem parcerias, permitindo incrementar o seu volume de negócios, com base em critérios económicos e de rendibilidade de que resultam vantagens recíprocas para a Empresa e seus Parceiros. Na assinatura de Protocolos, está sempre presente uma estratégia de segmentação, target e posicionamento e o conceito de valor para as partes envolvidas”.

A CP foi obrigada a reformular os horários neste mês de agosto, ou seja, passando inevitavelmente por uma redução da oferta, com menos comboios em praticamente todas as linhas e serviços.

Em causa está o facto de as viaturas estarem avariados ou em muito mau estado, tendo de substituir alguns comboios por autocarros e, noutras situações, por outros comboios de categoria inferior.

Esta terça-feira, a imprensa nacional avançou que a administração está de saída e que a tutela já estará à procura de uma nova equipa para substituir Carlos Nogueira, Abrantes Machado e Ana Malhó.

ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Mas alguém acredita que havia 22 milhões de euros de multas por viagens não pagas? Eu pergunto, houve mesmo 22 milhões de euros de receita de bilhetes de comboio vendidos? Isto configura claramente uma campanha para denegrir a CP, o Governo, etc. Há pouco mais de um mês atrás, estava tudo na paz do Senhor. De repente, a (des)comunicação social, alerta para comboios suprimidos, atrasos, falta de condições, avarias, linhas tortas, ar condicionado que não funciona (no meu carro também não e ninguém reclamou), etc. Ou seja, Num mês, avariou tudo na CP. Interessante a forma como se manipulam as opiniões. Há cerca de 2 semanas fui a Lisboa no Alfa Pendular, e sinceramente, não tenho do que me queixar. Chegou 6 minutos depois da hora prevista, mas sobrevivi à angústia que isso me provocou. Se o ar condicionada estava a funcionar, não sei, não tive frio nem calor. Não estou com isto a defender ninguém, apenas me repugnam certas formas cobardes de prejudicar seja lá quem for.

    • Oh amigo Sousa, tem duvidas do número de bilhetes vendidos?
      Ou melhor, que a CP tenha transportado em 5 meses, 50.000.000 de pessoas ( fora os Deputados que viajam de borla !!!! ) ?
      Dê uma vista de olhos no relatório de contas da empresa, que é de publicação obrigatória, e veja os dados que lá constam.
      Em 5 meses 50.000.000 x 2.5€ = 125.000.000.00€ ( isto porque há bilhetes de 1,8€, dos mais vendidos, aos de 25.00€ que vc pagou para andar no Alfa Pendular ) e acha que a CP não vendeu 22.000.000.00€ num ano ?
      Deve andar muito distraído !!!!

    • Tento a CP “poupado” 127 milhões de euros nos anos de 2016 e 2017, tendo gasto apenas menos que 10% do orçamento autorizado neste o 1° semestre de 2018, não se percebe a dita falência, a não ser que seja propositada para vender um dos pouquíssimos serviços que ainda temos.

  2. Só quem nunca viajou na linha de Sintra, e viu quem é autuado por viajar sem bilhete, pode ter a esperança que aquela multa/coima venha a ser cobrada.
    Pessoas sem identificação, ou dizem que não a têm consigo, dando uma morada falsa, que não é confirmada – só quando a notificação para pagamento voluntário é devolvida pelos CTT!!!

  3. campanha para denegrir o governo…please.

    esta pseudo empresa estatal está em falência desde que nasceu ou quase, a minha questão é pq não acabam de vez com estas pseudo administrações e ou a privatizam pq realmente não sabem administrar tal coisa ou fazem como na TAP e contratam alguém que sabe.

    mas isto vai bem mais além, provavelmente o sr tb deve ser um férreo admirador do putativo engº que atirou ao lixo largos milhões de euros em relatórios e para os amigos do TGV qd na realidade os deveria ter investido em formação de pessoas da CP, correr com os instalados habituais e adquirir equipamento novo e manter o que poderia ser mantido.

    • Privatizar, claro!…
      Por isso é que praticamente todos a ferrovia (e a melhor do mundo) é privada… ou não!!…
      Pois, a TAP…. sim, o brasileiro da TAP percebe muito daquilo, por isso é que a TAP, depois de lhe pagar durante décadas um ordenado brutal, teve sempre resultados tão bons que o Passos até a queria oferecer (oferecer não, pois quando a brilhante gestão privada desse para o torto (nas mãos dos privados), ainda iríamos ser chamados a pagar a factura)!…
      E se era necessário “limpar” a CP no tempo do Sócrates/TGV (o seu amigo Vara e o Godinho é que “limparam”!!), o que foi feito no tempo do Passos/troika?!
      A Maria Luís Swaps até tinha sido gestora financeira da REFER…
      Pois… oferecer, perdão, vender CTT, EDP’s, etc, qualquer palerma vende (com os resultados desastrosos para país que se conhecem!); agora fazer alguma coisa de útil (como fazia/faz falta fazer na CP, etc), é que está quieto…

RESPONDER

TAP baptiza avião em homenagem a Raul Solnado

Raul Solnado, um dos maiores nomes do humor português, vai dar nome, a partir desta quinta-feira, a um avião da TAP. A homenagem acontece no Dia Mundial da Televisão. O batismo do "Avião Raul Solnado" acontecerá …

Fisco quer devolução de 3,5 milhões de euros por erro em declarações de IRS de 2015

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) identificou um erro na liquidação de declarações de IRS relativas a 2015, que implicou um novo apuramento do imposto em cerca de dez mil declarações no valor de 3,5 …

Afeganistão declara derrota do Daesh no principal bastião no país

O Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani, anunciou esta terça-feira a derrota do grupo extremista Daesh na província de Nangarhar, no leste, considerado um dos principais bastiões do grupo 'jihadista' no país. "Quem poderia imaginar há um …

Parlamento vota Orçamento do Estado a 10 de janeiro

O Orçamento do Estado para 2020 será discutido na generalidade em 9 e 10 de janeiro, na Assembleia da República, com votação final global marcada para 7 de fevereiro. Segundo o jornal Público, as duas primeiras …

Legionella. Fase de instrução do surto de Vila Franca de Xira começa hoje

O início desta fase facultativa, em que o Tribunal de Instrução Criminal de Loures vai decidir se o processo segue e em que termos para julgamento, está agendado para as 09h30 e decorrerá à porta …

Um dos mais influentes empresários de Malta foi detido no caso da morte de jornalista

Foi detido no seu iate o magnata Yorgen Fenech, um relevante empresário de Malta, no âmbito das investigações à morte da jornalista Daphne Caruana Galizia que estava a investigar pessoas influentes do país pelo alegado …

Presidente argentino diz que vai pagar dívida ao FMI, mas recusa mais ajustes fiscais

O Presidente eleito da Argentina, Alberto Fernández, assegurou na terça-feira ao Fundo Monetário Internacional (FMI) que o país vai cumprir com os compromissos em matéria de dívida, mas rejeitou aplicar mais ajustes fiscais. "Desenvolvemos um plano …

Vieira garante "reforma" de 3,8 milhões de euros com OPA do Benfica à SAD

A OPA parcial lançada pelo Benfica à sua própria SAD desportiva vai beneficiar os accionistas com um encaixe potencial de mais de 24 milhões de euros. Luís Filipe Vieira está entre esses beneficiados, podendo encaixar …

Pingo Doce

Trabalhadora do Pingo Doce terá sido impedida de ir à casa de banho (acabou por urinar na caixa)

Uma funcionária de um hipermercado Pingo Doce terá solicitado, por várias vezes, para ir à casa de banho, sem ter sido autorizada para isso, o que a levou a urinar-se no posto de trabalho. Uma …

Senado dos EUA aprova projeto de lei de apoio aos direitos humanos e democracia em Hong Kong

O Senado norte-americano aprovou, na terça-feira, por unanimidade, um projeto de lei de apoio aos direitos humanos e à democracia em Hong Kong, numa altura em que os protestos no território se tornam mais violentos. O …