Covid-19. Governo espanhol recebeu alerta a 7 de março, mas não cancelou eventos

Alberto Morante / EPA

O Departamento de Segurança Nacional (DSN), em Espanha, avisou nos dias 7 e 8 de março o Governo, os vice-presidentes e os 11 principais ministros sobre o aumento de infeções e mortes relacionadas com o novo coronavírus.

De acordo com o El Mundo, que teve acesso a relatórios confidenciais, o Governo recebeu vários alertas sobre o aumento do número de infeções e mortes por covid-19 mas, apesar disso, não foram cancelados eventos como a manifestação para a igualdade – a 8 de março – ou o congresso do Voz e o jogo Atlético de Madrid-Sevilla que aconteceram nesse fim de semana, em Madrid.

O Diário de Notícias, que cita o diário espanhol, refere que o primeiro alerta incidiu sobre o aumento da letalidade e o segundo apontou o crescimento acelerado da curva de contágio.

“O aumento dos casos nas últimas horas tem sido maior do que o normal“, lê-se no documento, que adianta que esta frase foi “sublinhada”. “É importante destacar isto, porque o DSN não valoriza nem comenta as informações que transmite”, destaca o El Mundo.

O jornal adianta ainda que, das seis anotações do DSN, quatro foram comunicadas dia 7 de março, tendo sido recebidos membros do Governo às 8h da manhã. Segundo um estudo da Fundação de Estudos de Economia Aplicada (Fedea), se o Governo espanhol tivesse declarado o estado de alarme naquele dia, 62% das infecções teriam sido evitadas.

No domingo, dia 8 de março, a Segurança Nacional alertou que “Madrid continua a ser a comunidade autónoma com o maior número de casos e já há mortes”.

Os relatórios confidenciais de 7 e 8 de março são os dois mais contundentes das dezenas que alertaram sobre a ameaça do vírus. Segundo o El Mundo, o Governo de Pedro Sánchez recebeu informações deste tipo pelo menos 11 vezes: nos dias 27 e 31 de janeiro; 7, 13, 17, 20, 23 e 29 de fevereiro; e 5, 6 e 7 de março.

No dia 29 de fevereiro surgiu um dos alertas mais graves: o risco de propagação do novo coronavírus em todo o mundo é elevado a “muito alto”. Se nesse mesmo dia, a Suíça vetou a realização de atos públicos e eventos, em Espanha essa medida só começou a ser aplicada no dia 9 de março.

Mais de 5,2 milhões de espanhóis enfrentam restrições à mobilidade nos seus municípios. No entanto, os especialistas alertam que, embora esta medida seja necessária, será insuficiente se não for acompanhada de limitações sociais dentro do território confinado.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Foram avisados no dia 7 !!!
    Treta, ja tinham sido avisados antes, até o MWC em Barcelona foi cancelado (Em Fevereiro) por falta de segurança e prevenção, iniciativa da organizadora do evento.

    Dias antes do 8 de Marco, ja se falava no risco do covid em Espanha, ate porque Italia já tinha muitas mortes, o problema, se os jornais quiserem realmente investigar, foi que o 8 de Março era uma bandeira política e não podia ser cancelado porque o PODEMOS não deixava, um pouco como o PCP em Portugal que ignorou todas as regras aplicadas ao comum cidadão e fez os seus comícios e festa.

    Tanto que assim é que o D.Simon dizia que Espanha não teria mais que um caso isolado, o Sanchez dizia á boca cheia em entrevistas de TV que “Espanha não é Italia” e que o “SNS Espanhol era dos melhores do mundo” e numa entrevista (creio que a 5 ou 6 de Março”) a ministra que organizava o evento quando lhe perguntavam o que dizia ás mulheres que não iriam ao 8M por medo do covid, a ministra respondeu “que se lles va lá vida” (algo do estilo “são parvas, tontas, etc”, não creio que temos uma expressão de tradução directa)

    No dia 9 de Marco, o Sanchez informa que vai pedir o estado de “alarma” foi votado no dia 11 e entrou em vigor no dia 13 de Marco

    Agora, como a maioria dos regimes comunistas (em que Espanha se está a tornar) vão tentar rescrever a historia porque a realidade não lhes dá jeito.

RESPONDER

Juno fez a maior aproximação a Ganimedes das duas últimas décadas (e as imagens são de cortar a respiração)

A NASA divulgou, recentemente, um vídeo da sonda Juno a passar por Júpiter e Ganimedes, uma das suas luas. As imagens são de cortar a respiração. Juno visitou Ganimedes em junho. As imagens foram captadas no …

Homicídio com 32 anos resolvido com a menor amostra de ADN de sempre

Um caso de homicídio ocorrido há 32 anos, que muitos consideraram impossível de ser resolvido, foi finalmente desvendado (e tudo graças à amostra de ADN mais pequena de sempre usada para decifrar um caso). De acordo …

Braços robóticos controlados remotamente podem vir a realizar cirurgias delicadas

Um equipa de investigadores está a trabalhar para eliminar movimentos rígidos nos braços robóticos, de modo a torná-los mais ágeis. O objetivo é que no futuro estes possam empilhar pratos ou até realizar cirurgias delicadas. Os …

Alemão foi forçado a remover estátua do pai por esta se parecer com Hitler

Um alemão foi obrigado a retirar uma figura de madeira de um cemitério, que seria para homenagear o seu falecido pai, por ter semelhanças com o antigo ditador nazi. As autoridades do município de Weil im …

Podcast evita morte de um condenado (seis vezes)

Curtis Flowers foi julgado seis vezes pelo mesmo promotor de justiça. Um programa de investigação mudou o seu destino. O promotor continua a acreditar que Curtis é culpado. A própria equipa responsável pelo 60 Minutes, programa …

EUA venderam álbum único dos Wu-Tang Clan (que pertencia a Martin Shkreli)

O álbum do grupo Wu-Tang Clan, confiscado em 2018 ao antigo gestor de fundos Martin Shkreli, também conhecido como "o empresário mais odiado do mundo", foi agora vendido pelo Governo norte-americano. Num comunicado divulgado esta terça-feira, …

Bezos ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA para entrar na corrida da próxima viagem à Lua

O empresário norte-americano ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA numa tentativa de reacender a batalha espacial entre a sua empresa, a Blue Origin, e a do "rival" Elon Musk, a SpaceX. De acordo com …

Clientes com certificado digital válido impedidos de entrar em restaurantes

Estão a ser reportados vários casos de clientes que, ao apresentarem o certificado digital para poderem entrar num restaurante, não conseguem fazê-lo porque o documento está a ser considerado inválido pelos dispositivos eletrónicos. Segundo a rádio …

Covid-19 trouxe "paranoia" ao mercado

Diretor do Norwich City, da Premier League, acha que os responsáveis por alguns clubes não sabem bem o que estão a fazer nos últimos tempos. O Norwich City iria jogar contra o Coventry City, num encontro …

Israel cria "task force" para reverter boicote da Ben & Jerry's na Cisjordânia

Israel criou uma task force para pressionar a empresa de gelados norte-americana Ben & Jerry's e a sua proprietária, Unilever, a reverterem a decisão de boicotar a ocupação israelita na Cisjordânia. "Precisamos de aproveitar os 18 …