Costa atinge popularidade mais baixa desde que é primeiro-ministro

Paulo Novais / Lusa

O primeiro-ministro recuou, em dezembro, para o pior nível de popularidade desde que assumiu a liderança do Governo. Só Catarina Martins e Jerónimo de Sousa merecem avaliação positiva dos portugueses inquiridos pela Aximage.

António Costa já não é considerado o líder partidário mais popular em Portugal. Em dezembro, a sondagem da Aximage para o Jornal de Negócios e para o Correio da Manhã atribui uma nota de 9,7 numa escala de 0 a 20 ao primeiro-ministro, a primeira negativa desde que assumiu a chefia do Governo. No mês passado, Costa já havia registado a pior avaliação desde a formação da atual maioria parlamentar.

Apesar de todos os líderes partidários verem a respetiva avaliação piorar em dezembro face ao mês anterior, a coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins (10,6), e o secretário-geral comunista, Jerónimo de Sousa (10,0), são os únicos com nota positiva.

Rui Rio (6,4), presidente do PSD, e Assunção Cristas (8,1), líder do CDS, acentuaram a avaliação negativa que mantêm há vários meses.

A popularidade de António Costa está cada vez mais distante do pico de 15,6 atingido em junho de 2017, o mês que ficou marcado pela tragédia de Pedrogão Grande. Mas mesmo ao longo desse verão e mesmo depois dos incêndios de outubro de 2017 nunca a avaliação do secretário-geral do PS foi tão baixa como agora.

Marcelo volta a perder popularidade

Mesmo continuando a contar com níveis de popularidade elevados, o nível de aceitação de Marcelo Rebelo de Sousa recuou em dezembro para um novo mínimo desde que chegou à presidência do país.

Depois de em Novembro ter repetido a nota de 17 valores registada em outubro, que era o pior registo desde que é Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa caiu no presente mês para uma avaliação de 16,8.

Queda constante do PS

Não é só António Costa e Marcelo Rebelo de Sousa que vivem um momento negativo. Também o PS está em queda nas sondagens da Aximage, tendo tido em dezembro o terceiro recuo seguido.

Ainda assim, a queda de 0,8 pontos percentuais para 37% dos socialistas é menor do que a perda de 1,7 pontos para 24,7% registada pelo PSD. Com o PS a cair menos do que o PSD, o partido liderado por António Costa acaba por solidificar a liderança.

Os restantes partidos com representação parlamentar – excluindo o PAN – beneficiaram da queda das duas maiores forças políticas do espectro partidário português. O Bloco de Esquerda (+0,9 pontos percentuais) e o CDS (+1 ponto) sobem respetivamente para 10% e 8,7%, enquanto a CDU apresenta uma pequena variação positiva para 6,3%.

ZAP //

PARTILHAR

14 COMENTÁRIOS

  1. espero que se mantenha assim até às legislativas e que seja confirmado depois de contados os votos!
    Mesmo que não sejam eleitos devem de arranjar maneira de voltar a governar!

      • Desculpe desapontá-lo, não está pendurado por arames, está pendurado por fios de seda e com a insuficiência de recursos existentes a mais pequena variação nos juros vai ser o descalabro! Isto para mal de todos nós.

  2. Espero que continue assim a cair até às legislativas e que o seu amigo professor martelo lhe aconteça o mesmo. O objetivo dessa corja é defender ladrões e corruptos e arquivar a operação marquês para que o 44 e todos os poderosos sejam absolvidos e o zé contribuinte ainda lha pague uma brutal indemnização. Corja do Diabo!

  3. É só uma das sondagens, mas tem algum significado. os Portugueses gostam cada vez menos dos políticos e a crise de credibilidade nas “notícias” divulgadas pela internet.

  4. Se a Catarina e o Jerónimo estão com nota positiva é sinal de que a geringonça ainda mexe e a maioria dos portugueses se lhes calhar um Maduro no prato ficarão todos contentes. Anda tudo marfado!

    • Não esqueça que neste país há por aí uns quantos atrasados mentais que não perceberam que as politicas comunistas falharam por todo lado. ainda entendem ver nesses partidos uma espécie de seita religiosa, o mais triste é que Portugal na Europa é a excepção, temos parte do povo amorfo, hipócrita, estupidificado e canalha que traído o legado dos nossos mais obras antepassados vendem este país por trinta dinheiros a qualquer um.

  5. O mais extraordinário nesta história, é que esta geringonça de esquerdalhos, só tiveram a maioria porque assaltaram o poder por uma maioria vergonhosa miserável.
    Esperemos que não volte a acontecer tal.
    Finalmente. não defendo maiorias, agora desta natureza? apetece-me dizer que os homens são como os vinhos: a idade azeda os maus e apura os bons.”

    • “só tiveram a maioria porque assaltaram o poder por uma maioria vergonhosa miserável.”
      Chama-se democracia e aconteceu situação semelhante em TODOS os actuais governos nórdicos!!
      Espero que volte a acontecer muitas vezes e que nunca mais haja maiorias absolutas para o poder não estar só nas mãos de um partido!

  6. Ainda há acéfalos que acreditam na geringonça?!!!!! Tristeza… Vão deixar o país de pantanas, mas o povo idiota vai mamando a propaganda do governo que este país está uma maravilha e um paraíso. O rei vai nu…. o país está a cair de podre, em todos os aspectos… podre, desde as vias de comunicação à saúde, passando pela educação, é unicamente um caos completo…..

  7. A se impresa e comunicação social não levassem estes parasitas esquerdalhos ao colo há muito que o povo, mesmo os mais brutamontes já teriam aberto a pestana, enquanto isso vamos ter de aguentar como o mais pais comunista da Europa, um paradoxo inexplicável a não ser pela queda do Q.I. em alguma acamadas da população, e aonde os lideres são vistos como uma espécie de salvadores. Alguém quer convencer-me que os comunas da Catarina Martins a do partido dos betos do charro e o Jerónimo o dos tremoços e aguardente são os populares? Porquê? Só isso é paradoxal, representam infelizmente no meu país perto de 20% do eleitorado e andam a vender-nos a imagem que estes obscurantistas são populares? Devem estar bêbados. Só pode

  8. Está tudo dito aqui nestes comentarios dos portugueses – Estamos saturados deste governo de promessas e mentiras. Que fizeram? Nada, é tudo fruto da conjuntura economica e do aperto de cinto que a troika nos impôs. Nada fazem:
    – Na saude porque não concedem aos privados os mesmos direitos e regalias dos FP da ADSE?
    – O IRS deveria baixar bem como IVA e imposto sobre os combustiveis
    -Onde estão a criação de creches, jardins de infancia e aumento do abono de familia?
    Se não chega o orçamento aprovado eliminem custos de staffs do (srs) PM e do PR, e promovam a equidade. Com o devido respeito, BASTA DE DISCURSOS DEMAGOGICOS DO PM e de CAMPANHA PERMANENTE DO PR, consumindo rios de dinheiro em deslocações/passeios… num pais onde 25% da população vive no limiar da pobreza. Srs governantes ponham a mão na consciencia.

Augusto Inácio abandona comando técnico do Desportivo das Aves

O treinador Augusto Inácio deixou hoje o comando técnico do Desportivo das Aves, informou em comunicado o 18.º e último classificado da I Liga de futebol. "Augusto Inácio já não é treinador do Clube Desportivo das …

"A Google sabe sempre onde são os primeiros surtos de gripe"

Hoje em dia, "há uma tendência para disponibilizar tudo na Internet", o que pode ser perigoso e ter consequências para toda a vida. O alerta é da presidente da Comissão Nacional de Protecção de Dados …

Queda de avião ligeiro causa três mortos no Brasil

Um avião ligeiro caiu hoje na cidade brasileira de Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, deixando três mortos e três pessoas feridas, segundo informações do corpo de bombeiros divulgadas pela imprensa local. O acidente aconteceu em …

Austrália pressionada a restituir 5000 milhões de dólares a Timor-Leste

A Austrália deve devolver cinco mil milhões de dólares (4470 mil milhões de euros) a Timor-Leste, defenderam entidades que foram depor num inquérito no Parlamento australiano, responsável por examinar a conduta do país durante as …

Joacine deverá ter tolerância devido a gaguez

Uma fonte parlamentar disse ao Expresso que Joacina Katar Moreira, deputada eleita pelo Livre, deverá ter "flexibilidade" pela mesa da Assembleia da República durante o seu discurso. A entrada de novos partidos para no Parlamento traz …

"Gostaram da geringonça." Manuel Alegre diz que eleitores de esquerda estão "desiludidos"

Em entrevista à Rádio Renascença, Manuel Alegre disse que quem votou à esquerda pode sentir-se desiludido por não haver uma nova geringonça. Manuel Alegre considera que, para existir um novo acordo entre os partidos de esquerda, …

Em Portugal, há 153 idosos para cada 100 jovens

O retrato estatístico da Pordata revela que há em Portugal 153 idosos por cada 100 jovens, o que equivale ao terceiro maior rácio da União Europeia. São 10,2 milhões, mais velhos que novos, num país em …

Estamos a viver um "apartheid climático" (e quem tem menos dinheiro vai sofrer ainda mais)

O mundo está a viver um "apartheid climático" e no futuro, serão os mais pobres os que mais vão sofrer as consequências das alterações climáticas. O alerta é do cientista Alexandre Quintanilha. "Estamos a viver um …

Catalunha. Manifestações provocam 199 detidos e 289 polícias feridos numa semana

Quase 200 pessoas foram detidas e 289 agentes da polícia ficaram feridos desde a passada segunda-feira nos protestos na Catalunha contra a sentença que condenou 12 dirigentes políticos catalães, segundo fontes policiais. Desde a passada segunda-feira, …

Quase metade do rendimento das famílias na Grande Lisboa é para pagar renda

A prestação derivada da compra de uma casa na Área Metropolitana de Lisboa (AML) representa uma taxa de esforço de 28% para as famílias. Contudo, arrendar é ainda mais dispendioso, com as rendas a representarem …