Conselho nacional do PSD pode acabar em batalha jurídica

Miguel A. Lopes / Lusa

Braço no ar ou secreta? A forma de votação da moção de confiança a Rui Rio no Conselho Nacional do PSD ameaça ser uma verdadeira batalha jurídica.

De um lado estão os apoiantes de Rio, que defendem que os conselheiros devem dar a cara pelas suas posições. Mas, por outro lado, a oposição à liderança considera que só com um escrutínio secreto há verdadeira liberdade para votar. A verdade é que este diferente interno pode mesmo ir parar aos tribunais, avança o Público esta quarta-feira.

O regulamento do partido esclarece que as deliberações podem ser por voto secreto desde “que tal seja solicitado, a requerimento de pelo menos um décimo dos membros do conselho nacional presentes”. Para a oposição a Rio, esta norma significa que não é necessário votar este pedido, de forma a proteger a substância do voto secreto e das minorias.

No entanto, a atual direção do PSD é de opinião contrária. O vice-presidente do partido, David Justino, defende que “se existe tanta gente corajosa, disposta a dar a cara pelas posições defendidas por Luís Montenegro, a votação explícita de braço no ar era a mais adequada”.

Mota Amaral, antigo presidente do governo regional dos Açores,vai avançar com um requerimento para que a votação seja feita de braço no ar e nominalmente. “Não faz sentido uma votação secreta. No Parlamento não é assim. Acho que se deve chamar um a um para dizerem que sim ou que não”, afirmou.

A forma de votação parece ser decisiva nos resultados, pelo que se avizinha uma batalha jurídica entre os conselheiros nacionais.

Como presidente da mesa do conselho nacional, cabe a Paulo Mota Pinho decidir como se processará a votação. O também apoiante de Rui Rio remeteu para a reunião a sua decisão, mas o líder da distrital de Viseu, Pedro Alves, desafia-o a esclarecer já esta questão. No limite, os críticos de Rio admitem recorrer aos tribunais, adianta o jornal.

Esta guerra jurídica junta-se assim às fraturas nas distritais que se têm vindo a acentuar nos últimos dias. Os líderes das 19 distritais mostram estar divididos entre o apoio a Rui Rio e a intenção de destituir a direção.

A verdade é que o PSD corre o risco de não ficar pacificado depois do conselho nacional desta quinta-feira. Certo é que a direção de Rui Rio, que tem sido muito criticada pela forma como comunica com os jornalistas, contratou o consultor João Tocha para facilitar essa tarefa, adianta ainda o matutino.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. O MonteCastanho não é um molho de bróculos. É um Maçon manhoso numa demanda para colocar a máquina partidária ao serviço dos interesses da maçonaria.

Cabify deixa de operar em Portugal a partir de 30 de novembro

A Cabify, que estava no mercado português desde 2016, vai deixar de operar em Portugal a partir do próximo dia 30 de novembro. "Queremos partilhar consigo que o próximo dia 30 de novembro será o nosso …

Presidente da federação russa de atletismo suspenso por obstruir investigação

O presidente da federação de atletismo da Rússia e outros seis elementos da federação foram, esta quinta-feira, suspensos, devido a irregularidades relacionadas com uma investigação antidoping. O presidente da federação de atletismo da Rússia, Dmitri Shliajtin, foi …

Avó e tios do bebé deixado no lixo estão a tentar a guarda da criança

O embaixador de Cabo Verde em Portugal explicou, esta sexta-feira, que a mãe e os irmãos da cabo-verdiana suspeita de abandonar o filho num ecoponto estão a tentar obter a guarda da criança por acreditarem …

Esta tecnologia de edição de genoma pode mudar o mundo (mas o seu criador tem receio disso)

A inovação de Kevin Esvelt tem potencial para ser usada tanto para o bem como para o mal. Os perigos que pode advir dela, deixam o biólogo reticente em relação a esta tecnologia, que também …

Governo quer "conciliação" entre tribunais criminais e de família em casos de violência doméstica

O Governo quer que os juízes de instrução possam determinar simultaneamente as medidas de coação a um agressor em contexto de violência doméstica e as medidas provisórias relativas às crianças, seja de promoção e proteção …

Sp. Braga critica autarquia por transmitir jogo do Flamengo em ecrã gigante

O Sporting de Braga acusou a Câmara Municipal de Braga de desrespeitar o clube e os seus adeptos por colaborar na organização da transmissão da final da Taça dos Libertadores de futebol, entre Flamengo e …

Hermínio Loureiro pede suspensão de mandatos na FPF e COP

Hermínio Loureiro pediu a suspensão dos mandatos de vice-presidente da FPF e do COP, esta sexta-feira, na sequência da acusação do Ministério Público na operação Ajuste Secreto. Numa carta enviada à FPF, a que a agência …

Oxford escolhe "emergência climática" para Palavra do Ano 2019

A Palavra do Ano 2019 escolhida pelos Dicionários de Oxford foi "emergência climática", "situação na qual é requerida uma ação urgente", revelou na quinta-feira esta componente da editora da Universidade homóloga. A Palavra Oxford do Ano …

Erro no IRS de 2015. Contribuintes podem contestar nova liquidação

O novo apuramento do imposto abrange cerca de dez mil declarações no valor de 3,5 milhões de euros. A Autoridade Tributária e Aduaneira já enviou uma carta aos contribuintes cuja liquidação do IRS relativo a 2015 …

Jesus vai receber título de cidadão honorário do Rio de Janeiro

O técnico português do Flamengo será condecorado, na próxima segunda-feira, com o título de cidadão honorário do Rio de Janeiro. A distinção a ser entregue pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro foi anunciada num cartaz …