Num restaurante do Dubai, deixar comida no prato dá multa (e é mais cara que a refeição)

Com o Dubai a tornar-se mais consciente do desperdício de alimentos, um restaurante lembrou-se de uma maneira de fazer com que os clientes não deixem comida no prato.

O restaurante Gulou Hotpot, em Al Barsha, uma sossegada área residencial no Dubai, acrescenta 50 dirhams – equivalente 4,59 euros – à conta de qualquer cliente que deixe sobras no final da refeição, informa o portal Time Out Dubai.

A taxa, que foi apresentada assim que o restaurante abriu portas em setembro do ano passado, aplica-se apenas ao pedido do negócio de “hot pot”: um caldo quente que é cozido no centro da mesa, ao qual carne, peixe, tofu, legumes e outros alimentos que são adicionados de acordo com o gosto do consumidor.

Esta oferta custa 49 dirhams (4,50 euros) e inclui duas horas de ingredientes o caldo e bebidas ilimitados. Mas, se o cliente perder o apetite, terá de pagar uma multa que é ainda maior que o preço do prato.

A medida tem como objetivo que os proprietários das instalações reduzam a quantidade de resíduos produzidos pelo restaurante e também ensinam os clientes a pensar antes de encomendar as suas porções.

Há muito tempo que o Dubai tem uma imagem de excesso quando se trata de eventos culinários, como brunches, onde quantidades excessivas de comida preparadas apenas em grandes quantidades são desperdiçadas.

O residente dos Emirados Árabes Unidos produz 2,7 quilos de resíduos por dia, segundo a Dubai Carbon, em termos de alimentos e embalagens. Estima-se também que cerca de 11 mil milhões de euros em alimentos sejam desperdiçados por empresas e consumidores no país.

Para muitos hotéis e restaurantes, especialmente no Dubai, os brunches luxuosos são um grande ponto de venda.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Refeições tardias podem realmente fazer engordar

Um jantar tardio pode contribuir para o aumento de peso e para altos níveis de açúcar no sangue, concluiu um pequeno estudo recentemente publicado. "Este estudo lança uma nova luz sobre como é que ingerir …

Salgado. "A montanha vai parir um rato" (mas ainda vamos saber o que aconteceu)

A defesa de Ricardo Salgado disse, esta sexta-feira, que ficou claro, na instrução da Operação Marquês, que o mais provável é a absolvição do ex-presidente do BES dos crimes de corrupção e que “a montanha …

Covid alastra na América. EUA bate recorde diário com mais de 60 mil infetados

Os Estados Unidos registaram 754 mortos e 60.383 infetados (um novo recorde) por covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo com um balanço da Universidade Johns Hopkins. Depois de a Europa ter sucedido à China como …

Os maiores tubarões do mundo têm pequenos "dentes" nos olhos (e já se sabe porquê)

Uma investigação sobre os olhos dos tubarões-baleia, os maiores tubarões do mundo, revelaram que os seus olhos estão cobertos por pequenos dentes chamados "dentículos dérmicos". O tubarão-baleia (Rhincodon typus) é o maior peixe do oceano, com …

Astrónomos localizaram com precisão o centro do Sistema Solar

Pela primeira vez, uma equipa internacional de cientistas foi capaz de localizar com precisão o centro de gravidade do Sistema Solar. De acordo com o portal Science Alert, que recorda que o baricentro (centro gravidade) …

Misteriosa cruz de mármore com 1.200 anos encontrada no Paquistão

Uma cruz de mármore foi recentemente descoberta no cimo das montanhas do Baltistão, no Paquistão. Os investigadores acreditam que tem cerca de 1.200 anos e que pode ser um sinal da presença de uma antiga …

Nona Sinfonia de Beethoven revela novos detalhes sobre o cérebro humano

A Nona Sinfonia de Ludwig van Beethoven, 250 anos após a sua criação, ajudou a demonstrar a existência de células conceituais no cérebro. Quase 200 anos depois da morte de Beethoven, a maior obra do músico …

Governo vai suspender devolução dos manuais escolares

O ministro da Educação informou hoje que o Governo vai suspender a devolução de manuais escolares, em curso desde 26 de junho, cumprindo a decisão do parlamento, que aprovou uma proposta nesse sentido. O plenário da …

Cuba prestes a abrir portas ao turismo (exceto aos cubano-americanos)

Depois de fechar as suas fronteiras para os turistas no final de março por causa da pandemia da covid-19, Cuba prepara-se agora para reabrir várias das suas baías ao turismo - mas há algumas exceções. …

Cidade do México enterrou os rios para prevenir doenças, mas a covid-19 resiste e prospera

Na tentativa de evitar a disseminação de doenças como a malária e a cólera, a Cidade do México enterrou os seus rios. Agora, como consequência, criou inadvertidamente as condições necessárias para a covid-19 prosperar. A Cidade …