Cientistas criam seda de aranha artificial mais resistente e barata

qnchembio-1789-f4

Cientistas criaram um novo método de produção de seda de aranha artificial, inspirada na seda de aranha natural, mas mais resistente e barata, e com usos que vão desde os têxteis a dispositivos médicos avançados.

O trabalho, publicado esta segunda-feira na revista Nature Chemical Biology, foi realizado por uma equipa de investigadores de Espanha, Suécia, Reino Unido e China.

Um dos coautores do estudo, Gustavo Plaza, investigador agregado à Universidade Politécnica de Madrid, explicou, citado pela agência noticiosa Efe, que a seda de aranha “é um material biodegradável e atrativo para muitas aplicações“, devido “à sua extraordinária capacidade para absorver energia” e por ser “um material biocompatível”.

Contudo, é tão cara de se obter que dificilmente é comercializável.

Na última década, foram desenvolvidas proteínas recombinadas, com caraterísticas semelhantes ao material das teias de aranha.

Mas os métodos habituais para fiar fibras a partir destas proteínas requer o uso de dissolventes ou coagulantes que, em alguns casos, podem ser tóxicos, o que dificulta ou impede, por exemplo, as aplicações biomédicas das fibras.

Além disso, sublinhou Gustavo Plaza, “as fibras artificiais obtidas até agora apresentaram propriedades sensivelmente inferiores às da seda de aranha natural, o que dificultou o seu emprego comercial”.

A seda da aranha é composta por proteínas de grande tamanho. Nas glândulas das aranhas, estas proteínas mantêm-se numa solução muito concentrada, que passa através de um canal estreito, no qual a acidez muda e o material se torna numa fibra insolúvel.

Inspirados na forma como as aranhas fabricam a seda, a equipa internacional de investigadores concebeu uma proteína híbrida, que inclui sequências de aminoácidos presentes nas sedas de duas espécies de aranhas, para controlar a coagulação das proteínas, imitando o processo de fiação natural das próprias aranhas.

Os cientistas desenvolveram, também, um novo método de fiação, que permite controlar a acidez da solução proteica.

Com este método, no qual apenas é usada água com dissolvente, conseguiram produzir seda de aranha artificial mais resistente e maleável do que outras, com uma resistência tal que se aproxima à das sedas naturais.

A seda biodegradável produzida com esta técnica é igualmente mais barata e mais fácil de obter do que a seda natural de aranha, podendo ser usada em biomateriais, em dispositivos médicos avançados e em tecidos para absorver impactos – por exemplo, em viaturas, precisou Gustavo Plaza.

// Lusa

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

-

Inteligência artificial da Microsoft "roubou" o emprego de um cientista de dados

Parece que não são apenas os trabalhos menos qualificados que correm o risco de ser dominados por máquinas. Durante a conferência Future of Innovation, em São Francisco, nos EUA, uma trabalhadora da Microsoft revelou que …

-

Incêndio no Sul de Espanha levou à evacuação de 2 mil pessoas

Mais de 2.000 pessoas foram desalojadas preventivamente hoje de madrugada devido a um incêndio florestal em Moguer, Huelva (sul de Espanha), perto do parque natural de Doñana, num balanço atualizado pelo Governo espanhol ao final …

Vivid Mars - MRO HiRISE

50 tons de Marte: o Planeta Vermelho como nunca o viu

A paisagem marciana pode ser observada detalhadamente num vídeo surpreendente criado a partir das imagens recolhidas pela missão da MRO, dedicada ao estudo do Planeta Vermelho. O desenhador polaco Kami Bubela usou as fotos tiradas pela câmara …

-

Carne feita em laboratório poderá estar no mercado brevemente

O conceito de carne cultivada em laboratório não é novo, e várias empresas estão a investir no aperfeiçoamento do processo. A Memphis Meats, por exemplo, está a desenvolver uma forma de criar carne sem abate …

-

Bomba antiga no Tamisa fechou momentaneamente roda gigante em Londres

A Roda Gigante de Londres, conhecida como "London Eye", e as docas adjacentes foram hoje evacuadas momentaneamente após o alerta para a descoberta no Tamisa de uma possível bomba da primeira ou segunda guerras mundiais, …

-

Mais de 13 mil jogadores pediram para ser impedidos de apostar online em Portugal

Mais de 13 mil jogadores, num total de cerca de meio milhão registados nos sites de jogos online em Portugal, pediram para ser impedidos de jogar na tentativa de fugir a um vício que atinge …

O presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira

Rui Moreira apresenta recandidatura ao Porto a 1 de julho

O atual presidente da Câmara do Porto, o independente Rui Moreira, apresenta a sua recandidatura à autarquia no dia 1 de julho, data em que arrancarão as ações de campanha. "A exatamente três meses das eleições, …

-

Dezoito concelhos de cinco distritos do país em risco máximo de incêndio

Dezoito concelhos dos distritos da Guarda, Castelo Branco, Santarém, Portalegre e Faro apresentam hoje risco 'máximo' de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). De acordo com a informação disponível no 'site' …

-

Comer em frente ao espelho pode "melhorar" o sabor da comida

Um grupo de cientistas da Universidade de Nagoya, no Japão, descobriu que comer à frente de um espelho cria uma falsa impressão de companhia e faz com que a comida pareça mais saborosa. O estudo foi …

-

Picada de carraça pode provocar alergia a carne

Com o início do verão, os médicos norte-americanos estão a observar cada vez mais casos de uma rara alergia a carne relacionada com uma picada do carraça estrela solitária- que provoca comichão, inchaço na pele …