Cientista infecta-se com a “bactéria da vida eterna” (e sente-se muito bem)

Siberian Times

Bacillus F, o elixir da vida eterna?

Bacillus F, o elixir da vida eterna?

Um cientista russo injetou-se com uma bactéria que sobreviveu durante 3,5 milhões de anos no permafrost, o gelo eterno da Sibéria.

O investigador decidiu testar em si próprio a bactéria Bacillus F, que se manteve viável depois de ter sobrevivido durante 3,5 milhões de anos, congelada no permafrost da Yakutia, no noroeste da Sibéria.

A bactéria activa foi encontrada em altas concentrações nos restos do cérebro congelado de um mamute, descoberto em bom estado de conservação. O mamute teve as condições de conservação ideais: caiu num poço com água, que se congelou e nunca mais descongelou.

Uma equipa de cientistas, liderada pelo professor de Ciências Médicas Víctor Cherniavski, efectuou um estudo do efeito destes micro-organismos na qualidade de vida de animais hospedeiros.

Um soro desenvolvido com base nesta super-bactéria foi testado em ratos, moscas, plantas e células sanguíneas humanas – e o “elixir da vida” apresentou resultados surpreendentes em diversos factores de longevidade, crescimento e fortalecimento do sistema imunitário.

Mas Anatoli Brouchkov, director do departamento de Geocriologia da Universidade Estatal de Moscovo, decidiu mesmo testar o soro em si próprio.

Sinto-me muito bem, com energia redobrada”, contou ao Siberian Times o cientista, de 58 anos. “Comecei a trabalhar até mais tarde, e há dois anos que não me constipo”.

O cientista diz não ter notado qualquer risco para a sua saúde – até porque a água consumida pelas populações da região apresenta vestígios deste organismo.

Siberian Times

Anatoli Brouchkov, de 58 anos, trabalha com mais energia e não se constipa há 2 anos

Anatoli Brouchkov, de 58 anos, trabalha com mais energia e não se constipa há 2 anos

Segundo Brouchkov, a população da Yakutia “parece ter uma esperança de vida maior do que o normal”, talvez porque “as bactérias activas no permafrost passem parcialmente do gelo para a água que abastece as populações”.

Os investigadores querem agora perceber o que dá à bactéria a sua longevidade, e Brouchkov acredita que estas bactérias podem realmente ter um impacto dramático na saúde, fertilidade e longevidade dos humanos.

“O que é que mantém esse mecanismo vivo? E como é que podemos usá-lo para nosso benefício?”, pergunta o cientista.

“Seria óptimo encontrar os mecanismos de protecção destas bactérias contra o envelhecimento e as doenças, e usá-los para lutar contra o nosso envelhecimento”, diz Brouchkov.

“Este é o principal enigma da humanidade e acredito que temos agora a chave para trabalhar para o resolver”, conclui.

AJB, ZAP

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. A ser verdade e se a mesma fosse utilizada em humanos para a longevidade era logo administrada cá no burgo. Mais esperança de vida, a reforma lá para os 180 e tal anos um gajo morreria lá para os 200, mas o pior mesmo era aturar os corruptos com e sem D durante uma porrada de tempo pois em terra de povo iletrado toda a vida é burro e bem mandado!

RESPONDER

Os polegares dos neandertais adaptaram-se a ferramentas com pega

Os polegares dos neandertais adaptaram-se para segurar melhor ferramentas com pega, da mesma forma como utilizamos atualmente um martelo, revela uma nova investigação da Universidade de Kent, no Reino Unido. A mesma investigação sugere ainda …

Sporting 2-1 Moreirense | JackPote rende pontos ao “leão”

O “Leão” soma e segue na liderança do campeonato, depois de vencer o Moreirense por 2-1, graças a um bis Pedro Gonçalves. Neste sábado, na recepção ao Moreirense, num embate relativo à oitava jornada, sofreu, mas conseguiu …

Raro crustáceo parasita descoberto na boca de um tubarão em exibição num museu

Uma equipa de cientistas descobriu uma espécie extremamente rara de Cymothoidae na boca de um espécime de tubarão capturado no Mar da China Oriental e agora em exibição num museu. Os Cymothoidae são uma família de isópodes …

Série da Netflix faz disparar venda de jogos de xadrez nos Estados Unidos

A série "The Queen’s Gambit", da plataforma de streaming Netflix, que retrata a ascensão de uma jovem jogadora de xadrez na década de 1950, fez disparar as vendas deste jogo de tabuleiro nos Estados Unidos. …

Novo comité central do PCP eleito com 98,5%

O novo comité central do PCP foi este domingo eleito no XXI congresso nacional dos comunistas, em Loures, com 98,5% dos votos. Dos 611 delegados, 602 votaram a favor, seis abstiveram-se e três votaram contra na …

Elefante salvo de um poço profundo na Índia. Resgate durou 14 horas

Uma equipa de 50 pessoas ajudou a salvar um elefante que tinha caído num poço profundo em Dharmapuri, no sul da Índia. Moradores locais atiraram folhas de bananeira para o animal comer antes de ser …

Santa Clara 0-1 Porto | Magia de Díaz resolve jogo pobre

Missão cumprida. O Porto viajou até aos Açores para defrontar o Santa Clara e leva na bagagem os três pontos. Mas não o conseguiu com brilhantismo, longe disso. A eficácia foi a palavra de ordem, num …

Raro pinguim totalmente branco encontrado nas Ilhas Galápagos

Um raro pinguim com o corpo totalmente "pintado" de branco foi encontrado no arquipélago das Galápagos, no Equador. Em comunicado, o Parque Nacional das Galápagos detalha que o raro espécime foi encontrado enquanto um guia fazia …

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. Há uma razão

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. As cidades populosas, as vias não adaptadas, as poucas escolas de treino e a própria população são entraves à existência destes companheiros (e verdadeiros …

Governo das Ilhas Salomão quer banir o Facebook para preservar a União Nacional

O Governo das lhas Salomão quer banir temporariamente a rede social Facebook numa tentativa de combater o cyberbullying e a difamação, alegando que a plataforma está a "minar" a União Nacional. A decisão, que já …