Uma cidade inteira dos EUA está refém de cibercriminosos

A cidade de Baltimore, nos Estados Unidos, está sob ataque. Mas a ameaça não vem de pessoas armadas com pistolas e bombas.

Há duas semanas, cibercriminosos usaram ransomware – um tipo de software nocivo que restringe o acesso ao sistema infetado com uma espécie de bloqueio e cobra um resgate em criptomoedas para que o acesso possa ser restabelecido – conhecido como RobinHood para assumir o controlo de cerca de 10 mil computadores da cidade. O resgate é de cerca de cem mil dólares em bitcoins (ou seja, 13 bitcoins), mas a cidade de Baltimore está a recusar pagá-lo.

No entanto, de acordo com o NPR, a cidade também não está equipada para quebrar o ransomware, o que significa que foi forçado a ficar em grande parte offline – outro exemplo preocupante da incapacidade do governo moderno de acompanhar a crescente ameaça do cibercrime.

O ataque enfraqueceu o governo de Baltimore. Os funcionários não conseguem aceder à caixa de correio eletrónico por isso, por enquanto, a cidade está a recorrer a soluções manuais para operações que normalmente envolvem redes de computadores.

Em relação a quando é que a cidade se recuperará totalmente do ataque, é ainda incerto. Porém, com base numa declaração recente do responsável da cidade, Bernard C. ‘Jack’ Young, ainda poderá demorar algum tempo.

“O nosso foco é fazer com que os serviços críticos voltem a ficar online e fazê-lo de uma maneira que garanta a segurança como uma das nossas principais prioridades ao longo deste processo”, escreveu Young na sexta-feira.

Especialistas em segurança cibernética dizem que provavelmente demorará meses para a cidade se recuperar totalmente. A posição é partilhada pelo responsável da cidade: “Poderemos ver os serviços parciais a começar a recuperar numa questão de semanas, enquanto alguns dos nossos sistemas mais complexos podem demorar meses no processo de recuperação.”

Este ataque é mais um dos mais de 20 feitos este ano. No ano passado, em março, a cidade de Atlanta foi atacada com ransomware o que provocou uma paralisação nos seus serviços cívicos digitais. Segundo o jornal local Atlanta Journal-Constitution, o ataque custou à cidade 17 milhões de dólares para se recuperar.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Estranho!!!! O Trump ainda não veio acusar os russos ou até os chineses???? E nem sequer aplicou sanções??? Deve estar a dormir.

  2. Isto Já era de esperar. Os grandes crânios que tratavam dos sistemas informáticos americanos eram de outras nacionalidades como Paquistão, Coreia, China, India, etc. Com o problema de imigração levantado por Trump, muitos regressaram aos seus países e outros não estão de acordo com estas politícas. Acho que não será preciso dizer mais nada. Já era de esperar…

RESPONDER

Cérebros de pessoas que pintam com os pés revelam uma adaptação neurológica brilhante

https://vimeo.com/361083247 Numa nova investigação que demonstra o quão flexível é o nosso cérebro, cientistas mostraram que os cérebros das pessoas que pintam com os pés estão a mapear os membros inferiores quase como se fossem mãos. No …

Afinal, o universo pode ser 2 mil milhões de anos mais novo do que pensávamos

Novos cálculos sugerem que o universo pode ser dois mil milhões de anos mais novo do que aquilo que se pensava. Contudo, é difícil saber com exatidão a sua verdadeira idade. Os cientistas calculam a idade …

O maior vulcão de uma lua de Júpiter pode estar prestes a entrar em erupção

O maior vulcão de Io, uma das quatro grandes luas de Júpiter, pode estar prestes a explodir. Décadas de observação mostram um ciclo periódico nas erupções deste vulcão. De acordo com o Science Alert, o vulcão …

Crianças e adolescentes são quem mais consome açúcar em Portugal

Um estudo do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto (ISPUP), que teve por base o Inquérito Alimentar Nacional e de Atividade Física, concluiu que as crianças e os adolescentes são quem mais consome …

A Rússia já sabe como apareceu a fissura na nave Soyuz (mas não revela)

A Corporação Espacial Estatal da Rússia, Roscosmos, já sabe qual é a origem da fissura encontrada há um ano na nave Soyuz MS-09, acoplada à Estação Espacial internacional. Mas não revelará mais informações. "O buraco foi …

SIVRAC, a bicicleta elétrica que se dobra em apenas um segundo

Com um quadro em forma de "X" e dobrável num estalar de dedos, a nova SIVRAC promete ser uma solução prática para quem viaja, por exemplo, de bicicleta para o trabalho. A bicicleta é um …

Porto 2-1 Young Boys | Dragão de duas faces com estreia feliz

O FC Porto entrou na Liga Europa com o pé direito, ao vencer o Young Boys por 2-1, no Estádio do Dragão. Uma primeira parte de enorme qualidade, na qual os suíços só por uma …

Dois turistas foram apanhados a nadar nus em Veneza. Vão pagar 3 mil euros cada um

Os homens checos estavam em Itália para apoiar a sua equipa de futebol - o Slavia de Praga que jogou contra o Inter em Milão -. Os dois visitantes, em Veneza, decidiram dar um mergulho. Um …

Voar sobre as águas do Sena. Paris testa "bolha do mar", um barco-táxi amigo do ambiente

Paris está a testar um novo meio de transporte mais amigo do ambiente: um barco-táxi ecológico que desliza nas águas do rio Sena. Esta semana, o sea bubble (bolha do mar) está em testes no rio …

Há uma "Matilde" na Bélgica que também precisa do medicamento mais caro do mundo

Mais de 950 mil belgas responderam ao apelo de um casal, que precisava de reunir 1,9 milhões de euros para comprar o medicamento mais caro do mundo para a filha. Pia, de nove meses, sofre de …