Chineses estão a construir “submarinos-fantasma” para defender mar do Sul da China

(dr) Policy Exchange

Submarino militar nas proximidades de um cabo submarino de comunicações

Armas e detetores controlados remotamente do fundo do mar, drones altamente inteligentes capazes de reações rápidas e precisas, além de dispositivos biónicos. Estes são apenas alguns exemplos do arsenal submarino que os chineses vão apresentar nos próximos anos, “antes que uma crise evolua para uma guerra”, de acordo com o jornal do Exército da China.

As Forças Armadas da China estão a prepara-se para uma guerra submarina contra os Estados Unidos numa tentativa de “aproveitar a supremacia marítima“, ou seja, armar-se com submersíveis de ponta, segundo o jornal do Exército Popular de Libertação.

De acordo com a reportagem, a China está atualmente concentrada em veículos submarinos não tripulados capazes de conduzir ataques secretos, bem como redes de sensores organizadas no fundo do mar o indetetáveis por satélites.

Os chineses estão, alegadamente, a criar submarinos inteligentes sem necessidade de controlo humano para funcionar. A estratégia da China, “ao colocar-se emboscadas com robôs submarino, armas “fantasmas” inteligentes e dispositivos parecidos com peixes biónicos” passa por moldar um sistema de operações em rede, refere o texto.

“Antes que uma crise evolua para uma guerra, as armas ‘fantasmas’ podem ser desdobradas com antecedência, submergindo abaixo da superfície do mar ou espreitando profundamente no fundo do mar sob um canal marítimo estratégico ou um estreito marítimo que seria certamente utilizado por navios do adversário”, descreve o jornal.

“As armas podem ser ativadas recorrendo a um sistema de sinais de baixa frequência através do espaço ou do mar, de forma a criar um sistema de operações subaquáticas pré-implantado com a capacidade de realizar ataques inteligentes autónomos”.

Armas com “cognição cerebral”

A reportagem explica também que a estratégia foca-se no desenvolvimento de uma arma autoconsciente com habilidade de “cognição cerebral”, que ajudará a processar massas de sinais acústicos subaquáticos e imagens visuais.

Estas armas, previstas para iniciarem operações na década de 2020, serão capazes de desencadear explosões preliminares numa tentativa de fazer com que o inimigo ceda devido a “fraquezas psicológicas do oponente na guerra”.

A publicação incluiu uma entrevista com o Chefe de Equipamentos de Tecnologia Marinha do Instituto Shenyang de Automação da China, Lin Yang, que confirma o trabalho realizado numa série de veículos submarinos não tripulados, ou XLUUVs, destinados a rivalizar com programas análogos dos Estados Unidos.

O jornal deixa bem claro que a estratégia se concentra na proteção do Mar do Sul da China, cuja soberania é questionada por vizinhos e pelos Estados Unidos.

No passado mês de junho, um novíssimo veículo submarino chinês (AUV) fez as manchetes dos média locais ao mergulhar fundo no Mar do Sul da China, cobrindo uma distância de quase 160 quilómetros. Construído pelo mesmo instituto de automação, o chamado Qianlong III, parece um peixe-palhaço dos desenhos animados, mas há uma incrível capacidade por detrás da aparência que os especialistas dizem poder expandir o conjunto original de missões de pesquisa para a guerra e até para mineração subaquática.

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

    • Oh meu amigo. Se pensarmos que o planeta está sobrepovoado e que de forma consistente estamos a consumir os recursos que o planeta oferece por ano em metade desse tempo, o que acha que vai acontecer?
      O segredo é não pensar muito nisso. Vivermos a vida da melhor maneira possível e esperar que essa fatalidade aconteça num futuro distante. Porque quando acontecer, duvido que alguma coisa fique de pé.

  1. Os pulhas fos chineses e russos constroem armas, js contar com uma guerra com os EUA! Falam de anizadepela frente afiam as facas pelas costas! Estes bandalhos imperialistas serão a desgracada Humanidade.

RESPONDER

Os antigos compadres zangaram-se de vez. Trump puxa os cordelinhos nos bastidores para correr com McConnell

A relação de altos e baixos entre os dois azedou de vez depois de McConnell ter reconhecido a vitória de Joe Biden. Trump quer agora que um Republicano concorra contra McConnell pelo cargo da liderança …

Bombeiros embrulharam a maior árvore do mundo em papel de alumínio. Tudo para a proteger

O incêndio consumiu milhares de acres na Califórnia e o National Park Service viu-se obrigado a intensificar os seus esforços para proteger as jóias naturais, incluindo as maiores árvores do mundo. Os incêndios Colony e Paradise …

EUA trocaram "guerra implacável" por "diplomacia implacável" no Afeganistão, diz Biden

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, disse esta terça-feira à Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) que o país se está a concentrar na "diplomacia implacável" e no encerramento de uma era de …

Presidente de El Salvador autodenomina-se "Ditador de El Salvador"

O Presidente de El Salvador, Nayib Bukele, alterou no domingo a descrição do seu perfil no Twitter para "Ditador de El Salvador", passando depois para "Ditador mais 'cool' do mundo mundial", situação registada após os …

Ordem dos Médicos abre processo disciplinar contra Fernando Nobre

O Conselho Disciplinar Regional do Sul da Ordem dos Médicos abriu um processo contra Fernando Nobre, por causa das suas declarações numa manifestação de negacionistas em frente à Assembleia da República. A Ordem dos Médicos (OM) …

Crise da energia obriga UE a enfrentar dependência do gás natural

Os países europeus estão a tentar proteger os consumidores de energia, numa região onde, desde o início do ano, os preços do gás aumentaram 250%, resultado de uma série de forças económicas, naturais e políticas.  Na …

Companhia de aviação privada oferece voo de 20 mil dólares para reunir uma família separada pela pandemia

A empresa de aviação privada Tradewind Aviation está a comemorar o seu 20.º aniversário de uma forma original: vai dar um voo no valor de 20 mil dólares (cerca de 17 mil euros) para reunir …

Mais de 60 pinguins morrem na África do Sul após ataque de abelhas

Dezenas de pinguins-africanos ameaçados de extinção foram mortos por um enxame de abelhas na África do Sul, na passada sexta-feira. Segundo a CNN, 63 pinguins-africanos, uma espécie ameaçada de extinção, foram encontrados mortos na sexta-feira numa …

Macron e Modi manifestam vontade de "agir em conjunto" após disputa submarina

O Presidente Emmanuel Macron discutiu a cooperação na região Indo-Pacífico com o primeiro-ministro indiano Narendra Modi, esta terça-feira. O Presidente francês, Emmanuel Macron, e o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, conversaram esta terça-feira, em plena crise dos …

Académica treme: salários, último lugar e treinador de saída

Clube de Coimbra, tal como o Boavista, terá de comprovar que tem cumprido no pagamento dos salários. Em campo, mais uma derrota complicou a situação de Rui Borges. Ainda não há muitos anos, a Académica apareceu …