China prepara um exército de mosquitos infectados para acabar com o Zika

A China está a desenvolver um programa piloto de criação de milhões de mosquitos de laboratório infectados com uma bactéria, com o objectivo de reduzir a população de Aedes aegypti, o mosquito responsável pela transmissão dos vírus do Zika, Dengue  e Chikunguña.

O programa científico prevê libertar milhões de exemplares de Aedes aegypti, infectados com a bacteria Wolbachia, para travar a reprodução global destes mosquiros.

O professor Xi Zhiyong, investigador da Universidade de Sun Yat-se, de Guangzhou, no sul da China, revelou ao China Daily que os mosquitos infectados deverão ser libertados na atmosfera, em 3 pontos da província de Guangdong, com o auxílio de drones.

Segundo o periódico chinês, os insectos a libertar são machos, não picam, e quando acasalam com fêmeas da sua espécie produzem ovos inférteis – a chave com a qual o programa pretende diminuir drasticamente a população de Aedes aegypti na região.

Apesar de não terem sido registados até agora casos de Zika na China, Guo Yuhong, cientista do Centro de Controlo de Doenças Contagiosas da China, revelou que o mosquito transmissor foi encontrado em algumas regiões do norte da China, e se encontra presente em larga escala no sul do país.

No entanto, a cientista confessa-se preocupada com o uso da Wolbachia para infectar mosquitos, uma vez que “não está ainda claro o eventual impacto no ecosistema da extinção do Aedes aegypti“.

Numa experiência semelhante realizada o ano passado, a China conseguiu reduzir 90% da população local deste insecto, e controlar um surto de dengue no sul do país.

O mosquito Aedes aegypti é responsável pela transmissão de três doenças distintas: a Zika, a Dengue e a febre Chikungunya.

Até agora, a regoão mais afectada pelo mosquito é a América do Sul, com destaque para o Brasil, país com o maior número de casos de Zika, doença que quando presente em grávidas tem sido associada a problemas de malformações do feto, como a microcefalia.

ZAP

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Há muito tempo que andamos a ouvir falar de soluções idênticas por outras partes do globo a verdade é que até agora parece que ainda nada resultou.

  2. E ninguém sabe explicar o porquê de só agora o Zika provocar microcefalias… Um vírus que já existe desde mil novecentos e quarenta e trocó passo. Porquê só agora?!O que pode ter despoletado essa condição?

  3. Abestalhados se a China vem fabricando mosquitos para acabar com a dengue, com certeza a ciência maligna brasileira fabricou a dengue para acabar com populações carentes.

Responder a Vasco Cancelar resposta

Cientista americana diz estar certa de que a Terra será atingida por asteroide

https://vimeo.com/355132338 Uma cientista americana de uma ONG dedicada a proteger a Terra diz que é 100% certo que um asteroide atingirá o nosso planeta. A cientista é Danica Remy, presidente da Fundação B612. Após um asteroide não …

NASA vai mesmo explorar Europa, a lua de Júpiter que pode ter vida extraterrestre

A NASA deu luz verde a uma missão para explorar uma lua de Júpiter que é considerada um dos melhores candidatos para a vida extraterrestre. A Europa - que é um pouco mais pequena do que …

País de Gales cancela plano controverso de criar "casas de banho robô"

O objetivo da construção era impedir atividade sexual, vandalismo e dormidas nas casas de banho públicas. O projeto ia recorrer às tecnologias de piso sensível ao peso, jatos de água, sensores anti-movimento e alarmes. O conselho …

Sem saber, uma mulher viveu durante 17 anos com a sua "gémea" dentro dela

Uma jovem na Índia, sem saber, viveu com uma das condições médicas mais raras e perturbadoras durante quase duas décadas. De acordo com um relatório de caso desta semana, a mulher tinha um saco que continha …

Novo filme da saga 007 já tem nome e data de estreia marcada

O novo filme da saga 007, realizado por Cary Fukunaga chama-se "No time to die" e estreia-se no Reino Unido e nos Estados Unidos em abril de 2020. "Daniel Craig regressa como James Bond, 007 em... …

Comporta pode tornar-se na nova Ibiza (e tudo começou com a queda do BES)

Após anos de um quase esquecimento, em termos de desenvolvimento imobiliário, a Comporta está a atrair investidores internacionais que encaram a pequena vila de Setúbal como uma "nova Ibiza". Um cenário que está a preocupar …

Família de Aretha Franklin cria fundo para a investigação de cancro raro

Um ano após a morte da cantora, a família de Aretha Franklin criou um fundo de apoio à investigação na área dos tumores neuroendócrinos, a doença rara que se revelou fatal para a celebridade, a …

Sporting vai monitorizar tudo o que se diz e escreve sobre jogadores

A empresa Noisefeed tem uma enorme base de dados relativa à atividade nas redes sociais de milhares de jogadores a nível global. Os jogadores de futebol de todo o mundo usam, cada vez mais, as redes …

Boris janta hoje com Merkel para mudar acordo. Maioria quer novo referendo

A pouco mais de dois meses da data marcada para a saída do Reino Unido da União Europeia, uma nova sondagem mostra que a maioria dos britânico quer que qualquer novo acordo vá a referendo. Um …

Oficial: Pardal Henriques candidato a deputado pelo partido de Marinho Pinto

O advogado Pedro Pardal Henriques anunciou esta quarta-feira que aceitou o convite para encabeçar a lista do PDR a Lisboa, deixando de ser porta-voz do Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas para "não misturar …