China prepara um exército de mosquitos infectados para acabar com o Zika

A China está a desenvolver um programa piloto de criação de milhões de mosquitos de laboratório infectados com uma bactéria, com o objectivo de reduzir a população de Aedes aegypti, o mosquito responsável pela transmissão dos vírus do Zika, Dengue  e Chikunguña.

O programa científico prevê libertar milhões de exemplares de Aedes aegypti, infectados com a bacteria Wolbachia, para travar a reprodução global destes mosquiros.

O professor Xi Zhiyong, investigador da Universidade de Sun Yat-se, de Guangzhou, no sul da China, revelou ao China Daily que os mosquitos infectados deverão ser libertados na atmosfera, em 3 pontos da província de Guangdong, com o auxílio de drones.

Segundo o periódico chinês, os insectos a libertar são machos, não picam, e quando acasalam com fêmeas da sua espécie produzem ovos inférteis – a chave com a qual o programa pretende diminuir drasticamente a população de Aedes aegypti na região.

Apesar de não terem sido registados até agora casos de Zika na China, Guo Yuhong, cientista do Centro de Controlo de Doenças Contagiosas da China, revelou que o mosquito transmissor foi encontrado em algumas regiões do norte da China, e se encontra presente em larga escala no sul do país.

No entanto, a cientista confessa-se preocupada com o uso da Wolbachia para infectar mosquitos, uma vez que “não está ainda claro o eventual impacto no ecosistema da extinção do Aedes aegypti“.

Numa experiência semelhante realizada o ano passado, a China conseguiu reduzir 90% da população local deste insecto, e controlar um surto de dengue no sul do país.

O mosquito Aedes aegypti é responsável pela transmissão de três doenças distintas: a Zika, a Dengue e a febre Chikungunya.

Até agora, a regoão mais afectada pelo mosquito é a América do Sul, com destaque para o Brasil, país com o maior número de casos de Zika, doença que quando presente em grávidas tem sido associada a problemas de malformações do feto, como a microcefalia.

ZAP

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Há muito tempo que andamos a ouvir falar de soluções idênticas por outras partes do globo a verdade é que até agora parece que ainda nada resultou.

  2. E ninguém sabe explicar o porquê de só agora o Zika provocar microcefalias… Um vírus que já existe desde mil novecentos e quarenta e trocó passo. Porquê só agora?!O que pode ter despoletado essa condição?

RESPONDER

Multa histórica ao Facebook deixou Zuckerberg mil milhões de euros mais rico

A multa histórica de 4,4 mil milhões de euros aplicada ao Facebook, no âmbito do escândalo Cambridge Analytica, não está a fazer mossa na empresa e até fez subir as suas acções em bolsa, com …

Vale paga 165 mil euros a familiares dos trabalhadores mortos em Brumadinho

A empresa brasileira acordou indemnizar cada familiar dos trabalhadores mortos na rutura da barragem de Brumadinho, ocorrida em janeiro passado. O acordo, firmado entre o Ministério Público do Trabalho e a companhia mineira Vale, determina que …

Novo currículo e novas metas. Peritos desafiam Costa a mudar tudo no ensino da Matemática

Um grupo de peritos constituído em dezembro pelo Ministério da Educação quer que o ensino da Matemática assente num novo currículo, deixando para trás documentos que considera contraditórios entre si. Coordenado pelo professor Jaime Carvalho e …

Johnson & Johnson investigada por risco de cancro do pó de talco

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos está a investigar a Johnson & Johnson para aferir se mentiu sobre o possível risco de cancro do seu pó de talco. Mais de 13 mil pessoas nos Estados …

Von der Leyen apresentou um "ramalhete" de promessas no Parlamento Europeu. Votação marcada para as 18h

A candidata à presidência da Comissão Europeia comprometeu-se esta terça-feira a tornar a Europa o primeiro continente a alcançar a meta da neutralidade carbónica em 2050, indicando que irá apresentar um “acordo verde” nos primeiros …

Em 2018, ficaram por pagar 12 milhões de euros em salários. É um aumento de 60% desde 2017

A Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT) identificou 6.618 trabalhadores com salários em atraso, no valor de 11,7 milhões de euros. É, de acordo com o Jornal de Notícias, um aumento de 59% no espaço …

Maior central elétrica do país está há oito meses à espera de uma nova licença ambiental

A maior central elétrica do país está há oito meses à espera que a sua licença ambiental, essencial para que possa permanecer em operação, seja renovada. Apesar da morosidade do procedimento, e de a licença original …

Esta terça-feira vai poder ver o eclipse parcial da Lua

A Lua vai estar, esta terça-feira, na sombra da Terra devido a um eclipse parcial que vai poder ser visto em Portugal. Este fenómeno vai ser visível, a partir das 21h01, hora em que a Lua …

Magistrados e funcionários defendem o fim das férias judiciais

Magistrados e funcionários defendem o fim das férias judiciais, a paragem obrigatória do sistema judicial que ocorre entre 16 de julho e 31 de agosto, escreve o Diário de Notícias esta terça-feira. Em declarações ao matutino, …

Bactéria que "come" carne já matou 2 pessoas. Cuidado com água salgada e marisco cru

A bactéria da espécie Vibrio vulnificus que provoca uma infecção que "come" a carne humana matou dois idosos nos EUA, nos últimos dias. A situação está a causar alguma preocupação, temendo-se que a bactéria se espalhe …