China arrisca ficar de cofres vazios a meio do ano

Wu Hong / EPA

Edifício sede do Banco Central da China, em Pequim

A economia chinesa continua em maré de dificuldades e os Bancos de Investimento internacionais não têm boas expectativas para o curto prazo. Há analistas que vêem as reservas do país a esvaziarem-se.

O Banco Popular da China tem actuado na economia, nomeadamente desvalorizando o yuan e usando as “almofadas financeiras” para injectar capital no sistema financeiro, de modo a tentar travar a onda de declínio.

Mas esta intervenção poderá, no curto prazo, ter consequências ainda mais graves para a economia chinesa, conforme vaticinam especialistas do Société Générale, um dos maiores bancos da Europa com sede em França.

Num relatório publicado nesta semana, a instituição alerta que as reservas nos cofres chineses podem evaporar-se em cerca de seis meses, o que colocaria a China à mercê dos investidores internacionais.

As reservas chinesas totalizavam 3,33 biliões de dólares (cerca de três biliões de euros) em Dezembro de 2015, segundo dados oficiais do país. Neste fim-de-semana, devem ser conhecidos os novos dados actualizados.

Contudo, a tendência de queda nas reservas, verificada desde 2014, faz temer o pior cenário.

“As reservas da China já caíram em 663 mil milhões de dólares [594 mil milhões de euros], desde meados de 2014, e um declínio maior desta escala começaria a enfraquecer seriamente a capacidade das autoridades chinesas controlarem a moeda e de mitigarem a futura balança de pagamentos”, alerta a representante do Société Générale para a economia chinesa, Wei Yao, citada pelo site MarketWatch.

“Ao ritmo actual, o Banco Popular da China apenas conseguirá defender a moeda nacional por mais dois ou três trimestres“, avisa ainda a economista.

O estratega global do Société Générale, Albert Edwards, também citado pelo MarketWatch, estima que as reservas de moeda estrangeira caíram em cerca de 120 mil milhões de dólares só em Janeiro.

Este especialista vaticina que a queda deverá continuar nos próximos meses.

“Quando as reservas chegarem a 2,8 biliões de dólares [2,5 biliões de euros] – o que, a este ritmo, deverá levar apenas mais alguns meses – as reservas de moeda estrangeira cairão para baixo do nível mínimo recomendado pelo FMI”, salienta Albert Edwards.

Num cenário destes, o Banco Popular da China poderá ser obrigado a deixar o yuan flutuar livremente, perdendo a capacidade para defender o valor da moeda, o que será dramático para a economia do país mais populoso do mundo e, consequentemente, para a economia mundial.

ZAP

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

    • Desculpe mas não concordo. Seria mais proveitoso aconselharem-se com o Ricardo Salgado o Álvaro Sobrinho com a supervisão sempre ”legal” do Rui Rangel. Assim sim.

RESPONDER

Faca feita de fezes entre os vencedores deste ano dos prémios Ig Nobel

Uma faca feita com fezes congeladas e um jacaré a arrotar são alguns dos vencedores dos prémis Ig Nobel, que distinguem as invenções mais incomuns. Os prémios Ig Nobel – uma paródia dos prémios atribuídos pelas …

O hemisfério norte teve o verão mais quente de que há registo (e isso é um sinal de alerta para a Terra)

O hemisfério teve em 2020 o verão mais quente de que há registo. No geral, o Planeta Terra teve três dos meses mais quentes, e o mês de agosto foi o segundo mais quente que …

Há uma nova explicação para o naufrágio do Titanic: Uma fantástica Aurora Boreal

Todos conhecemos a história do Titanic. Também todos sabemos que o seu naufrágio aconteceu após o grande navio ter embatido num iceberg. Contudo, um investigador americano põe novas hipóteses em cima da mesa. E se …

Famalicão 1-5 Benfica | "Águia" faminta com nota artística

Após a desilusão de Salónica, que ditou um adeus precoce dos milhões da fase de grupos da Liga dos Campeões, o Benfica goleou na noite desta sexta-feira o Famalicão por 5-1, numa espécie de redenção. Neste …

O anonimato de Banksy teve um custo. Perdeu os direitos sobre uma das suas obras mais icónicas

O famoso artista de rua britânico Banksy perdeu uma longa batalha judicial pelos direitos autorais da obra "The Flower Thrower", contra a Full Colour Black, empresa que produz postais de felicitações. Banksy, o misterioso artista que, …

Reino Unido e Espanha aumentam restrições. Itália e Alemanha com quase dois mil casos

Madrid restringe movimentos de 850 mil pessoas, Itália regista um aumento dos casos de infeção nas últimas 24 horas, britânicos enfrentam novas restrições no país e Alemanha com dois mil novos casos de covid-19. A região …

Trump novamente acusado de assédio sexual. "Enfiou a língua na minha garganta", disse Amy Doris

O Presidente dos EUA, Donald Trump, foi acusado esta quinta-feira de agressão sexual por uma ex-modelo, num episódio que alegadamente terá ocorrido num torneio de ténis, em 1997. A ex-modelo Amy Dorris relatou ao jornal britânico …

Ventura pondera suspender mandato para se dedicar à campanha presidencial

O presidente do Chega afirmou hoje que o seu partido "está a analisar" no plano jurídico a questão da suspensão temporária do seu mandato de deputado para se dedicar às campanhas dos Açores e presidenciais. Em …

Schumacher está em estado vegetativo e dificilmente recupera, avisa neurologista

Um neurologista ouvido num documentário da RMC Sport diz que o ex-piloto de Fórmula 1 Michael Schumacher está em estado vegetativo e dificilmente recuperará. Já passaram quase sete anos desde que Michael Schumacher sofreu um acidente …

Processos com acórdãos a meias entre Rangel e Galante estão em risco

Durante dez anos, centenas de acórdãos do Tribunal da Relação de Lisboa foram feitos a meias entre Rui Rangel e Fátima Galante. Agora, esses processos estão em risco. A Procuradoria-Geral da República anunciou esta sexta-feira a …