Bombeiros de Espinho com processo disciplinar. Arriscam demissão ou suspensão até 180 dias

O comandante dos Bombeiros do Concelho de Espinho, no distrito de Aveiro, referiu este sábado que a ação disciplinar a 14 bombeiros em vigilância ativa devido à covid-19 passa por “pena de demissão” ou “suspensão entre 10 e 180 dias”.

“As consequências do processo disciplinar, que vai avançar na próxima semana, são duas: ou uma suspensão entre 10 e 180 dias ou pena de demissão“, declarou Pedro Louro, em declarações à Lusa.

Há 16 elementos dos Bombeiros do Concelho de Espinho em vigilância ativa no contexto da covid-19, mas apenas 14 – e não 16, como inicialmente noticiado – vão ser alvo de processo disciplinar.

Foram estes 14 elementos que participaram numa ceia na cozinha do quartel, não cumprindo o plano de contingência de combate ao novo coronavírus, que só permite seis pessoas naquele espaço, explicou Pedro Louro.

Na “Informação de Serviço” do Gabinete de Comando dos Bombeiros de Espinho divulgada internamente em 11 de fevereiro, e à qual a Lusa teve esta sábado acesso, pode ler-se que, “na noite do passado dia 8 de fevereiro, a brigada de serviço – Brigada 3 – decidiu, mesmo após ter sido advertida no dia 16 de janeiro, realizar um convívio dentro da cozinha”.

“Num espaço que está assinalado com lotação máxima de seis pessoas, em que todos os dias se espera à hora de almoço para poder entrar, estiveram 14 bombeiros a confraternizar, obviamente sem máscara. Recebemos hoje (dia 11) a confirmação de que um desses bombeiros testou positivo para a covid-19″, é referido.

No “Informação de Serviço”, assinada pelo comandante, pode também ler-se que, além de ser desencadeada uma “ação disciplinar sobre todos os presentes no convívio”, os factos vão ser comunicados “ao Ministério Público, a quem competirá apreciar judicialmente o sucedido”.

Pedro Louro decidiu também, com efeitos imediatos, cancelar qualquer condecoração, louvor ou referência elogiosa aos envolvidos no presente ano, encerrar o ginásio até 31 de março, e cancelar formações e treinos físicos no horário laboral até março, entre outras medidas.

“A disciplina passa por não se fazer o que se gostaria, mas o que tem de ser feito em determinado contexto. E se o convívio em causa é até louvável em tempos de normalidade, é absolutamente proibido e reprovável no contexto atual”, é referido no documento.

Segundo o comandante, de momento só há “um caso positivo de um bombeiro com a covid-19″.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Geringonça à direita em Lisboa? Iniciativa Liberal disponível para dar a mão a Moedas

Freguesia a freguesia, eis como Fernando Medina e Carlos Moedas estão a disputar a eleição para a Câmara de Lisboa. As sondagens dão um empate técnico e a Iniciativa Liberal já manifestou que está disponível …

Liveblog Autárquicas. 19 vs 14, PS em vantagem no frente a frente com o PSD

Realizam-se este domingo Eleições Autárquicas em Portugal, nas quais está em jogo a eleição de 308 presidentes de câmaras municipais, os seus vereadores e assembleias municipais, bem como 3091 assembleias de freguesia. Acompanhe tudo no …

Autárquicas: PS reivindica vitória e acredita que ganha em Lisboa

O secretário-geral adjunto do PS reivindicou hoje vitória do seu partido nas eleições autárquicas, dizendo que irá vencer em número de câmaras e de freguesias, e manifestou-se confiante no quinto triunfo consecutivo em Lisboa. Esta posição …

Autárquicas: Santana reconquista a Figueira e fala numa "proeza sem igual"

Primeiras projeções nas eleições autárquicas na Figueira da Foz dão a vitória a Pedro Santana Lopes, com 41 a 46% dos votos e 4 a 5 mandatos. Segundo a projeção da RTP, na Figueira da Foz, …

Autárquicas: PS segura Almada

Aposta da CDU em Maria das Dores Meira, atual autarca de Setúbal que atingiu o limite de mandatos naquele concelho, parece não ter sortido os efeitos desejados. O Partido Socialista deverá, segundo as primeiras projeções, conseguir …

Autárquicas: Coimbra muda de mãos com maioria absoluta de José Manuel Silva

Segundo as primeiras projeções desta noite, o ex-bastonário da Ordem dos Médicos e candidato do PSD, José Manuel Silva conquista a Câmara Municipal de Coimbra, com margem confortável Segundo a projeção SIC, José Manuel Silva obterá …

Autárquicas: Rui Moreira reeleito no Porto, mas com maioria em risco

A sondagem ICS-ISCTE, divulgada pela SIC, projeta uma vitória confortável de Rui Moreira no Porto. A sondagem indica que o atual autarca terá entre 39,2 e 44,2%. De acordo com as primeiras projeções, o resultado obtido …

Autárquicas: Sondagens dão empate entre Medina e Moedas em Lisboa

As primeiras projeções da SIC dão um empate entre o presidente da Câmara, Fernando Medina, e o candidato do PSD, Carlos Moedas. O resultado é ainda incerto. Também a projeção RTP/Universidade Católica dá resultados muito próximos …

Ummu tem 25 anos e é rosto das negociações com o Boko Haram

Com a Nigéria a enfrentar uma crise de raptos, Ummu Kalthum é uma das mais jovens — e mais bem-sucedidas — mediadoras a negociar acordos para libertar reféns do Boko Haram no país. Na última década, …

Alemanha: Sociais-democratas reclamam vitória (com "desastre" para os conservadores)

Os sociais-democratas SPD reivindicaram hoje vitória nas eleições parlamentares alemãs, numa altura em que os conservadores da CDU, força política de Angela Merkel, se aproximam de uma votação mínima histórica, de acordo com as primeiras …