Manu? “Deves chamar-me senhor presidente ou senhor”, respondeu Macron a um jovem

Stephane Mahe / EPA

O presidente francês, Emmanuel Macron

“Tudo bem, Manu?”, perguntou um adolescente, durante uma cerimónia oficial de homenagem aos veteranos de guerra, em Paris. Macron não gostou e repreendeu o jovem pela sua linguagem informal.

Esta segunda-feira foi marcada por uma cerimónia em Paris, o 78º aniversário da chamada de resistência do General Charles de Gaulle, em Suresnes, perto de Paris, uma cerimónia oficial de homenagem aos veteranos de guerra.

Um dos adolescentes que assistia à comemoração dirigiu-se ao Emmanuel Macron, tratando-o por “Manu”, o diminutivo do primeiro nome do Presidente francês. Macron não gostou, e deu um “sermão” ao jovem.

“Não, não podes fazer isso. Estás numa cerimónia oficial, comporta-te como tal. Podes armar-te em parvo, mas hoje é a La Marseillaise (hino francês). Chama-me senhor presidente da República ou senhor, certo?”, respondeu.

“No dia em que fizeres uma revolução, obténs primeiro um diploma e aprendes a sustentar-te. Só depois darás lições aos outros”, concluiu o Presidente, saudando os jovens que participavam na cerimónia de homenagem aos ex-combatentes da Segunda Guerra Mundial, adianta o Observador.

Emmanuel Macron não se esqueceu da represália e falou sobre o sucedido no seu Twitter. Na rede social, o Presidente afirmou que “o respeito é o mínimo na República, especialmente no dia 18 de junho, na presença dos companheiros da libertação”.

Depois do sermão, o rapaz pediu desculpa ao Presidente francês. Esta não é a primeira vez que Macron é apanhado pelas câmaras a dar lições àqueles que o desafiam e o desrespeitam.

Durante a campanha presidencial, no ano passado, um trabalhador em greve acusou-o de ser um homem de fato e não passar disso. “A melhor maneira de conseguir pagar um fato é arranjar um emprego“, respondeu Macron.

ZAP // Reuters

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. O Macron não podía estar mais coberto de razão. O crianço (porque se disser criança, é sexismo) foi parvinho de todo. Há momentos e momentos, para se armar em carapau de corrida.

  2. Não deixando estar coberto de razão pois estava numa cerimónia oficial, mais ainda com a carga simbólica em causa, quanto a mim deveria ter desvalorizado. Não ter sequer respondido teria sido melhor, e a “coisa” passava. É quase como o que aconteceu com o nosso ex-ministro Álvaro Santos Pereira : “chamem-me Álvaro”. Apesar de ser ministro, não deixou de ser Álvaro, não deixou ser ser competente, nem o foi mais ou menos pelo facto de ao nome se ter acrescentado Sr. Ministro. Na reportagem acima não é esclarecido sequer se o crianço em causa seria ou não conhecido do Presidente Macron. É a minha opinião.

  3. “No dia em que fizeres uma revolução, obténs primeiro um diploma e aprendes a sustentar-te. Só depois darás lições aos outros” – Ou seja, para um dia mais tarde poder dar lições aos outros, terá de ser diplomado… Não é possivel, na opinião desse individuo, que um “não diplomado”, possa ter moral e conhecimentos, para dar lições… Entre educação, e instrução há uma grande diferença! Efectivamente por uma questão de diferença de idades, devia tê-lo tratado de forma diferente, no entanto, não demonstrou qualquer indicio de desrespeito…
    Será que esse senhor participou de alguma revolução, ou é um politico “à portuguesa”?

    • Concordo. Se o jovem não esteve bem quando a tratou por Manu, ele n esteve melhor ao dizer” No dia em que fizeres uma revolução, obténs o primeiro diploma …. ” Por favor! É ridículo…não faz sentido.

  4. Esse jovem é o fruto de uma má educação que vem afectando a sociedade em geral onde a liberdade não tem tido limites e que no final acaba por se destruir a si própria!.

    • Talvez, mas convém separar a “educação” da “liberdade” e lá porque “antigamente” não haiva liberdade, não quer dizer que houvesse educação!…

  5. Compreendo todo o protocolo,acho na minha opinião que quem esteve pior foi Macron. Ele já criou filhos?ele já fez uma revolução?e aquele emprego dele é mais digno do que o emprego das outras pessoas? ele tem alguma lição de moral para dar?porque na minha opinião o que é dos outros tem dono não se mexe.

Cientistas "reiniciam" idade de células estaminais de uma mulher de 114 anos

As pessoas vivem mais de 110 anos, as supercentenárias, são notáveis não só pela sua idade, mas também por causa da sua incrível saúde. Agora, pela primeira vez, os cientistas reprogramaram células de uma mulher …

Nova Iorque alerta que só terá material médico até 5 de abril

O presidente da câmara de Nova Iorque, Bill de Blasio, alertou esta sexta-feira que a cidade apenas tem material médico até 5 de abril, lembrando que a 'Big Apple' é atualmente o epicentro do novo …

Cientistas determinaram como é que o cérebro controla a voz dos morcegos

Segundo um recente estudo levado a cabo por biólogos da Universidade de Frankfurt, é um circuito neuronal específico no cérebro dos morcegos que controla as suas vozes. Os morcegos são conhecidos pelo seu exímio sentido de …

Detetadas outras nove misteriosas rajadas rápidas de rádio que se repetem

Foram detetadas nove outras Rajadas Rápidas de Rádio (FRB) que se repetem entre as 700 já identificadas desde outubro de 2018 pelo projeto científico CHIME (Canadian Hydrogen Intensity Mapping Experiment), que se baseia num telescópio localizado …

"Não é completamente de loucos" pensar que há vida em Mercúrio

Há a possibilidade, ainda que pequena, de que Mercúrio, o planeta mais próximo do Sol, possa abrigar vida, concluiu uma nova investigação. "É possível que, enquanto houver água, as temperaturas [no planeta] sejam apropriadas para …

O porta-aviões mais avançado do mundo tem um problema inesperado nas suas casas de banho

O porta-aviões de propulsão nuclear USS Gerald R. Ford, o mais avançado da Marinha dos Estados Unidos, tem um problemas nas suas casas de banho, que precisam de ser lavadas com ácido regularmente. De acordo com …

Retirada dos ricos, colapso dos transportes e medo do contacto. As cidades no pós-pandemia

Mesmo depois de a pandemia do novo coronavírus diminuir e voltar a ser seguro estar com outras pessoas, a sociedade pode nunca mais ser a mesma. A atual pandemia de Covid-19 está a mudar rapidamente a …

"Quando a Alemanha disser que há eurobonds, os holandeses vão pastar para outras paragens"

Ana Gomes mostrou-se satisfeita com a atuação de António Costa e Marcelo Rebelo de Sousa durante esta pandemia. A ex-eurodeputada deixou ainda duras críticas aos holandeses, que diz irem pastar para outras paragens quando os …

Coreia do Norte diz não ter casos de covid-19 (mas terá pedido ajuda secretamente)

Apesar de negar ter casos de infeção por covid-19, o novo coronavírus oriundo da China, a Coreia do Norte terá discretamente solicitado ajuda a outros países no combate da doença. As autoridades do país asiático terão …

Seguranças chineses usam óculos inteligentes que detetam pessoas com febre

Os seguranças do Parque Hongyuan, em Hangzhou, na China, conseguem detetar a temperatura corporal de todos os visitantes à distância de até um metro. Como? Graças a uns óculos inteligentes. De acordo com o jornal South …