Centeno denuncia desvio de 3 mil milhões na Caixa e culpa governo PSD-CDS

O ministro das Finanças responsabiliza o anterior Governo pelo “desvio enormíssimo” no plano de negócios da Caixa Geral de Depósitos, que ultrapassou os 3 mil milhões de euros, acusando-o de negligência.

“Há um desvio enormíssimo no plano de negócios que o Governo anterior geriu com a CGD, que atinge verbas superiores a 3 mil milhões de euros, e que tão negligentemente o Governo anterior acompanhou”, acusou o ministro.

Mário Centeno respondia a questões colocadas pelo deputado do PSD António Leitão Amaro na Comissão parlamentar de Orçamento, Finanças e Modernização Administrativa, onde está a ser ouvido.

“As cambalhotas ideológicas que o seu partido tem dado nesta matéria não são características de estabilidade na Caixa”, disse ainda o governante, em resposta ao social-democrata, citado pela Renascença.

De acordo com o ministro, além de “um novo conselho de administração”, depois da demissão dos administradores do Banco, a Caixa ainda precisa de “um novo modelo de organização e um novo plano de negócios”.

Ferro Rodrigues avisa que saúde da Caixa é “crítica”

Na tomada de posse da comissão parlamentar de inquérito à Caixa, na terça-feira, o Presidente da Assembleia da República, Ferro Rodrigues, já tinha assinalado que a saúde financeira da CGD é “crítica” para famílias e empresas.

“A CGD, pela sua dimensão, pelo seu carácter público e nacional, é uma entidade absolutamente estratégica, sendo crítica para as famílias e as empresas portuguesas a sua saúde financeira”, vincou o presidente.

A Comissão de Inquérito é presidida pelo deputado do PSD José Matos Correia e tem como vice-presidentes Paulo Trigo Pereira (PS) e Miguel Tiago (PCP).

Imposta por PSD e CDS-PP, a Comissão debruça-se sobre a gestão do banco público desde o ano 2000 e abordará o processo de recapitalização, atualmente em negociação com Bruxelas.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. Pois é, o Dr. Centeno ainda faz discursos desta natureza para proteger os seus “camaradas” mas se não fosse estarem de consciência tranquila porque insistiriam tanto os responsáveis do governo anterior pelo processo de inquérito que finalmente vai arrancar? Se calhar anda tudo a ficar nervoso mesmo antes de qualquer conclusão…

  2. Queres ver que o Vara e o Socrates assaltaram a caixa depois de sairem do Governo!…. Está lindo Está…..

    • Se calhar assaltaram mesmo… até porque não era novidade. Afinal continuamos a ser assaltados todos os dias com as ex-PPP e com as rendas excessivas no sector energético… porque não haveria de acontecer o mesmo com a caixa.
      Mas uma coisa é certa, quando finalmente avança uma comissão de inquérito se vem logo com conclusões… eu desconfio… Seria mais natural um comentário deste tipo antes da comissão ser criada (até para motivar a sua criação), ou no final dos trabalhos da comissão, quando realmente a verdade puder ser apurado (se é que o vai ser alguma vez…).

  3. Por favor deixem caiar a BANCA, si assim poderemos renascer, estamos todos a trabalhar “esgotantemente”, para todos eles se aforrarem , ora uns, ora outros e a culpa morre sempre solteira…CHEGA, deve haver algum organismo a quem me deva queixar isto é impossível, morram os bancos todos de uma si vez…mas chega de tanta patinhar e conversa fiada… qual PS qual PSD; são todos a mesma coisa sé dançam as cores, eu quero isto resolvido a bem ou a mal… povo que fazeis? povo que podemos fazer? alguém nos ajude…

  4. caso não saibam o interesse do PSD e do CDS era dar a caixa como problemática para a venderem foi por isso que agora pediram o inquérito depois de a descapitalizarem. para se chegar à conclusão que não tem solução e obrigarem o governo vende-la.

  5. Contas bem feitas temos a CGD como mais um bom exemplo das empresas públicas bem geridas e que a esquerda tanto defende, andaram a perder tempo criticando os bancos privados para finalmente o público fazer borrada ainda maior, tudo isto quanto a mim se deveu ao crédito quase impingido à força que a todas as horas faziam propaganda de créditos para tudo, agora os cofres dos bancos estão vazios e estes na falência mas pelos vistos este governo parece tentado em influenciar de novo o consumo e como o povo não tem dinheiro para tudo irá recorrer de novo ao crédito e agravar a doença.

  6. Estou plenamente de acordo com o que o DUDA escreveu. O PSD/CDS queria mostrar ao povo que a CAIXA não tinha hipóteses, para assim a venderem aos amigos, senão vejamos o que aconteceu com a TAP, Estaleiros de Viana,.
    Quanto é que teriam metido ao bolso cada interveniente nos negócios. E a pressa em concretiza-los…
    Ainda vem o Passos Coelho para a comunicação social dizer(aquase apelar) para
    que Bruxelas nos sancione (quando o des/governo foi dele ).
    Ate a Maria Luis vem dizer que se fosse ministra não havia sanções(Ela lá sabe a merda que fez e deixou para os outros.
    Deviam ser responsabilizados criminalmente.

    A

RESPONDER

Bayern Munique 'festeja' nono título consecutivo com goleada

O Bayern Munique coroou este sábado o seu nono título consecutivo na Liga alemã de futebol com uma goleada no triunfo diante do Borussia Moenchengladbach (6-0), num jogo com um hat-trick de Lewandowski. Antes de pisar …

A piscina infinita mais alta do mundo fica no Dubai

Haverá poucas coisas tão libertadoras como dar um mergulho numa piscina infinita com vista para o oceano. Agora, quem visitar o Dubai poderá fazê-lo numa piscina a quase 300 metros acima do nível do mar. Segundo …

"Polskie Babcie", as avós que lutam pela democracia na Polónia

Um grupo de idosas polacas organiza protestos, todas as semanas, para lutar pela democracia no país, governado pelo partido de direita nacional-conservador e democrata-cristão Lei e Justiça (PiS). É hora de ponta em Varsóvia, capital da …

Cimeira Social. Jerónimo de Sousa diz que não se respondeu aos verdadeiros problemas

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, afirmou este sábado, no Porto, que a Cimeira Social da União Europeia não respondeu às necessidades associadas ao emprego, à valorização dos salários e ao fim da precarização …

Babbage escreveu uma carta a Tennyson. Exigia a "correção matemática" de um poema

A perspicácia matemática de Charles Babbage levou-o a escrever uma carta ao poeta Alfred Tennyson, que exigia, de certa forma, rigor e precisão no poema The Vision Of Sin. Charles Babbage é conhecido como o pai …

Covid-19: Portugal com uma morte e 324 novos casos nas últimas 24 horas

Portugal registou hoje uma morte atribuída à covid-19, 324 novos casos de infeção pelo novo coronavírus e uma ligeira subida no número de internamentos em enfermaria, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o …

Roma já tem uma máquina de venda automática de pizza

A capital italiana tem agora uma máquina de venda automática que faz pizzas em apenas três minutos. Os preços variam de 4,50 aos seis euros (e as opiniões sobre esta ideia também). Raffaele Esposito, o napolitano …

Morreu Bo, o cão de água português de Barack Obama

Bo, o cão de água português que o ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, adotou em 2009 morreu este domingo com 13 anos, em consequência de um cancro, anunciou o político nas redes sociais. O cão …

Futuro pós-vacinação entre reforço de dose, controlo de variantes e medicamentos

A incerteza sobre a duração da imunidade das vacinas contra a covid-19 deixa o futuro do combate à doença entre o reforço da vacinação, a monitorização de novas variantes e o desenvolvimento de terapêuticas alternativas, …

Presidente da República promulga Carta de Direitos Humanos na Era Digital

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, promulgou este sábado a Carta de Direitos Humanos na Era Digital, aprovada em abril na Assembleia da República, segundo uma nota divulgada no site da Presidência. A lei, …