Cavani mais perto. Uruguaio aceitou proposta de três anos do Benfica

Богдан Заяц / Wikimedia

Edinson Cavani, jogador do Paris Saint-Germain (PSG)

O Record escreve na sua edição deste sábado que o Edinson Cavani está mais perto da Luz, detalhando que o internacional uruguaio aceitou os três anos de contrato propostos pelo Benfica, apesar de haver ainda alguns “ses” no negócio.

De acordo com o desportivo, Cavani deu luz verde aos três anos propostos pelo Benfica, mas faltam ainda acertar alguns pontos da eventual contratação: falta definir as verbas relativas ao salário, bem como o prémio de assinatura do jogador de 33 anos.

As negociações entre o Benfica e o ex-PSG vão prosseguir nos próximos dias e fonte próxima do processo adiantou ao mesmo jornal que o negócio é difícil, podendo envolver cedências de ambas as partes e que, por isso, será também longo.

Ainda assim, a SAD benfiquista acredita que poderá fechar o negócio.

Para já, Cavani está a ser abordado e, caso o negócio falhe, o treinador do Benfica, Jorge Jesus pretende contratar Bruno Henrique, avançado do Flamengo.

O Benfica continua no mercado e é dos clubes que mais mexe em Portugal. Esta sexta-feira chegaram a Lisboa os futebolistas brasileiros Gilberto (lateral-direito) e Pedrinho, contratado pelos encarnados ainda antes da chegada de Jorge Jesus.

Pedrinho era já um negócio fechado, enquanto que o lateral direito deverá cumprir nas próximas horas os habituais exames médicos antes de ser oficializado.

Everton Cebolinha, oriundo do Grémio, é esperado em Lisboa na próxima segunda-feira, onde deverá também fazer testes médicos antes de ser oficializado.

ZAP //

 

 

 

 

 

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. 5 dias seguidos de “Cavani na Luz”. Já não chega ?

    Não sejam como a CMTV. Se as notícias diárias sobre a vinda do jogador significassem contratações, o Benfica já uma equipa de “Cavanis”. Mas que doença nacional é o futebol … ridículo.

  2. O que escrevi sobre a frequência de notícias que têm a ver com este tema de “Cavani” não é mentira. Tanto aqui como na referida outra cadeia noticiosa. Reli o vosso Estatuto Editorial e em nada parece que o tenha violado. De contrário, por favor, expliquem-me porque o meu comentário foi censurado ? E a resposta até pode ser “porque sim” ou “porque posso”. Assim ficamos logo esclarecidos.

    • Caro leitor,
      Sem prejuízo de que até nos arrogamos o direito de remover um comentário ou outro quase “porque sim”, neste caso simplesmente apenas aconteceu não nos ter dado tempo para chegar ao seu comentário (que estava pendente de moderação) e o validar, antes de nos perguntar porque não o tínhamos feito.

  3. Quando a resposta à critica é a censura sem qualquer explicação, quer dizer que não passam de mais um serviço informativo ao dispor do sistema de controlo exercido pelos que estão no poder. Um dia, hão de cair todos, um por um e a verdade será límpida como a água da nascente. Sem os vossos filtros pueris de fim de semana. Que não são mais do que falta de ética, de verdade e de inteligência.

RESPONDER

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …

Europeus acreditam numa "guerra fria" entre os EUA e a China e Rússia

A maioria dos cidadãos da União Europeia (UE), 62%, considera que os Estados Unidos (EUA), com apoio das instituições comunitárias, estão numa nova "guerra fria" com a China, mas recusam envolvimento nacional, revelou um inquérito …

Desenho de Van Gogh esteve guardado mais de 100 anos. Agora, é exibido pela primeira vez

O Museu de Amesterdão, nos Países Baixos, ganhou um novo inquilino: Study for 'Worn Out', um desenho recém-descoberto de Vincent van Gogh. O holandês Vincent van Gogh ainda continua a impressionar o mundo inteiro com a …

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã

No Afeganistão, as professoras estão prontas para desafiar o regime talibã, com receio de que os avanços dos últimos 20 anos tenham sido conquistados em vão. A Vice falou com algumas professoras afegãs que garantem continuar …

Apenas um terço das crianças em 91 países tem acesso a uma alimentação adequada, alerta UNICEF

Apenas um terço das crianças com menos de dois anos em 91 países em desenvolvimento têm acesso aos alimentos que necessitam para um crescimento saudável, revelou um relatório da UNICEF, apontando que nenhum progresso foi …

Preços das casas voltaram a aumentar no segundo trimestre

Entre abril e junho, o índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu 6,6% em termos homólogos. A revelação foi feita esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). O Índice de Preços da Habitação (IPHab) cresceu …