Carlos Alexandre rejeita ser candidato às eleições europeias

José Sena Goulão / Lusa

O juiz Carlos Alexandre rejeitou na quinta-feira o desafio formulado pelo partido Nós, Cidadãos! para encabeçar uma lista às eleições europeias de 26 de maio, afirmando não estar no seu “horizonte pessoal qualquer intervenção política”.

“Nunca equacionei qualquer carreira política ao nível nacional ou outro”, respondeu Carlos Alexandre numa declaração escrita enviada à agência Lusa.

“Confirmo que tenho sido abordado por individualidades da nossa vida democrática no sentido supra apontado candidatura às europeias, tendo referido não estar no meu horizonte pessoal qualquer intervenção política que, aliás, me está vedada, em decorrência do Estatuto dos Magistrados Judiciais”, justificou o juiz.

O Nós, Cidadãos! tinha desafiado o juiz Carlos Alexandre a ser o cabeça de lista do partido às próximas eleições europeias através de um comunicado colocado no seu site.

“Como garantia de uma liderança firme e respeitada, que o seu passado amplamente lhe confere, vem o Nós, Cidadãos! apelar ao juiz Carlos Alexandre para que encabece a lista de deputados de uma candidatura de cidadãos ao Parlamento Europeu”, afirma no comunicado.

O partido afirma que a escolha de Carlos Alexandre foi feita “após um longo diálogo e contactos que ainda prosseguem com movimentos cívicos de todo o continente, Regiões Autónomas e Portugueses da Lusofonia, com representantes da sociedade civil, do patronato e dos sindicatos, com um ex-Presidente da República e ex-candidatos presidenciais”.

Carlos Alexandre salientou: “Sinto-me honrado pelo apelo que vem da sociedade civil e que estou certo não pretende qualquer aproveitamento do meu nome e imagem o qual, na eventualidade, repudio”. A terminar a declaração, o juiz refere ainda que “nada mais tenho a comentar ou a declarar a este propósito”.

O juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal Carlos Alexandre tornou-se conhecido após ter decretado a prisão preventiva de personalidades como o ex-primeiro-ministro José Sócrates ou do banqueiro Ricardo Salgado, sendo chamado de “superjuiz”.

As eleições para o Parlamento Europeu estão marcadas para o próximo dia 26 de maio e já são conhecidos os cabeças de lista João Ferreira (eurodeputado, CDU), Nuno Melo (eurodeputado, CDS-PP), Marisa Matias (eurodeputado, BE), Paulo Sande (assessor do Presidente da República, Aliança) e Francisco Guerreiro (assessor parlamentar, PAN).

O Nós, Cidadãos! é dirigido por Mendo Henriques e foi reconhecido como partido pelo Tribunal Constitucional em 23 de março de 2015. Nesse ano, concorreu às eleições legislativas e obteve 22.439 votos (0,4%), o que não lhe permitiu eleger deputados.

// Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Deputado Europeu para este senhor é muito pouco.
    Ele vai aguardar para ser convidado para Ministro, tal como o seu bom colega brasileiro

    • Quero acreditar que não somos a república das bananas e que o Juiz Carlos Alexandre vai continuar a desempenhar as suas funções – “engavetar” os ladrões e corruptos, com grande convicção, como tem feito até agora.

      • Ah! AH! AH!
        E ele que não tinha amigos que lhe emprestassem dinheiro -como disse na entrevista na TV- e depois provou-se que tinha e foi pagar a correr………………..

  2. Haja alguém que dignifique a classe…
    Honra e distinção marca a diferença na promiscuidade que envolve e caracteriza a política e os interesses financeiros em Portugal.

RESPONDER

Netanyahu recusa-se a deixar residência oficial. Bennett não se quer mudar para lá (pelo menos, para já)

No domingo, o Parlamento de Israel aprovou o Governo de coligação do novo primeiro-ministro Naftali Bennett, mas Benjamin Netanyahu, que esteve no poder cerca de 12 anos, não parece disposto a entregar-lhe as chaves da …

Noah foi encontrado com vida

O pequeno Noah, de dois anos, foi encontrado com vida depois de ter estado desaparecido em Proença-a-Velha, concelho de Idanha-a-Nova, desde quarta-feira de manhã.  O menino de dois anos desaparecido em Proença-a-Velha foi encontrado com vida …

Hong Kong. Polícia detém responsáveis de jornal, acusados de conspiração

A polícia de Hong Kong deteve esta quinta-feira o chefe de redação e outros quatro responsáveis do jornal Apple Daily por alegado conluio com um país estrangeiro ou com elementos externos para pôr em perigo …

Dinamarca 1-2 Bélgica | Magia colectiva anula furacão nórdico

A Bélgica somou hoje o segundo triunfo no Euro2020 de futebol, ao bater a Dinamarca por 2-1, com reviravolta, em encontro da segunda jornada do Grupo B, e juntou-se à Itália nos oitavos de final. Em …

Tigre siberiano mata funcionário em parque de animais na África do Sul

Na quarta-feira, um tratador foi morto por um tigre siberiano num parque de vida selvagem na África do Sul, depois de o animal ter saltado uma cerca elétrica que havia sido desligada para conserto. Um funcionário …

Australiana que terá sido violada em Airbnb recebeu 7 milhões para ficar em silêncio

Uma australiana, que terá sido violada num apartamento do Airbnb em Nova Iorque, recebeu 7 milhões de dólares para ficar calada sobre o incidente. A reportagem da Bloomberg Businessweek revela que a australiana, de 29 anos, …

Super Ticão. Sete juízes juntam-se a Ivo Rosa e Carlos Alexandre

Os juízes Carlos Alexandre e Ivo Rosa vão deixar de ser os únicos juízes do Tribunal Central de Instrução Criminal (TCIC), que passa agora a contar com nove magistrados. O Conselho de Ministros aprovou, esta quinta-feira, …

Ryanair avança para tribunal contra o Governo britânico

A Ryanair e uma empresa dona de três aeroportos britânicos, a MAG, vão fazer queixa nos tribunais contra o sistema de "luzes" nas viagens. Esta quarta-feira à noite, a Ryanair e a maior operadora aeroportuária do …

Ventura concorre pelo Chega à Assembleia Municipal de Moura

André Ventura é o candidato do partido à Assembleia Municipal de Moura nas próximas eleições autárquicas, anunciou o próprio esta quinta-feira. O presidente do Chega, André Ventura, disse esta quinta-feira que vai ser o cabeça-de-lista do …

Texas vai permitir porte de armas em público sem ser necessária qualquer licença

O governador republicano do Texas assinou uma lei que permite o porte de armas em público, sem respetiva licença, a última de uma série de medidas que expandem este tipo de direitos nos estados conservadores …