Capucho não está preocupado com o possível chumbo do regresso ao PSD

Miguel A. Lopes / Lusa

António Capucho

António Capucho diz que não tem “pressa” e que não está “preocupado” com a moção da Concelhia de Cascais contra a sua readmissão no PSD.

Em entrevista à Rádio Observador esta terça-feira, o histórico militante social-democrata, António Capucho, admitiu que “não me incomoda o facto de estarem contra mim, porque [tendo em conta] as pessoas que lá estão era expectável que tomassem essa posição”.

Ainda assim, Capucho revelou que não sabe o que consta na moção, garantindo que esta ainda não lhe foi entregue. “A Concelhia de Cascais deve pronunciar-se a invocar um dos fundamentos que estão previstos no regulamento de admissão de militantes, coisa que ignoro se tenciona fazer. Ignoro qual o teor da moção, já me disseram que me iam enviá-la em quatro ou cinco dias e ainda não enviaram.”

O histórico militante adiantou ainda que, quando o seu boletim de inscrição chegar a Cascais, “a comissão política tem de se pronunciar” e explicar por que razão não o quer readmitir. “Aí, de facto, se (a Concelhia) mantiver a posição, como é de esperar, tem que fundamentar.”

Podia ter ido para qualquer outra secção. Não sou obrigado a ir para a secção onde resido (mas) entendi que devia entregar a minha inscrição em Cascais”, disse António Capucho, destacando o papel que desempenhou no partido ao longo dos três mandatos consecutivos na Câmara de Cascais, “sempre com maioria absoluta”.

O ex-presidente da Câmara de Cascais foi expulso do PSD em 2014, depois de ter apoiado a lista adversária dos sociais-democratas à Câmara de Sintra em 2013, liderada por Marco Almeida, outro militante do partido que se afastou da direção nos tempos em que era liderada por Pedro Passos Coelho.

O PS desiludiu-me em várias áreas. A primeira foi o facto de não ter avisado os eleitores que depois das eleições iria assinar acordos com partidos da esquerda ou da esquerda radical. Ao fazê-lo, pôs na gaveta a razão fundamental do meu apoio ao PS: era um programa eleitoral social-democrata com reformas estruturais verdadeiramente notáveis”, explicou o antigo militante.

Capucho explicou ainda que decidiu regressar ao PSD porque se identifica com o atual presidente, Rui Rio, pessoa de quem é “amigo e admirador”. Questionado sobre a possibilidade de participar na campanha, respondeu sem dúvidas: “Disponibilizei-me para participar. Se entenderem que a minha presença é útil, estarei lá com muito gosto.”

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Fã descobriu morada de estrela pop nos reflexos nos olhos de uma selfie e atacou-a

A influencer japonesa Ena Matsouk que integra uma banda pop do país foi atacada sexualmente por um fã, depois de este ter descoberto onde é que morava através de uma selfie que ela publicou nas …

Comer bem melhora ativamente os sintomas de depressão

Uma nova investigação, levada a cabo por cientistas da Universidade Macquarie, na Austrália, sugere uma conexão casual entre a dieta e a depressão. Uma equipa de cientistas da Universidade Macquarie, na Austrália, realizou um estudo controlado …

Presidente da China promete esmagar o corpo e quebrar os ossos aos separatistas

O Presidente da China, Xi Jinping, afirmou que "quem tentar atividades separatistas em qualquer lugar da China acabará com o corpo esmagado e os ossos quebrados", de acordo com a edição digital desta segunda-feora do …

Ucrânia 2 vs 1 Portugal | Adeus ao primeiro em dia de CR700

O primeiro lugar do Grupo B já não foge à Ucrânia. Portugal foi a Kiev dominar e atacar muito, com 24 remates e diversas oportunidades, mas esbarrou no guarda-redes Andriy Pyatov – tal como no …

Primeira protagonista feminina de Astérix é parecida com a ativista Greta Thunberg

Como sempre, a saída de um novo álbum de Astérix, o grande herói da banda desenhada franco-belga, está rodeado de um grande segredo. Aliás, não poderia ser de outro modo pois é também um irredutível …

O Fortnite, um dos jogos mais populares do mundo, foi "engolido" por um buraco negro e desapareceu

O Fortnite, que já é considerado um dos jogos mais populares da atualidade, desapareceu durante o fim-de-semana. Agora, o que surge no ecrã dos jogadores, depois do fim da temporada X, é apenas um buraco …

Kais Saied eleito Presidente da Tunísia com 72,71% dos votos

O professor universitário Kais Saied, um estreante no mundo da política, foi eleito Presidente da Tunísia com 72,71% dos votos na segunda volta das presidenciais antecipadas de domingo, anunciou esta segunda-feira a instância eleitoral (Isie). De …

Série SpongeBob acusada de "violência", "racismo" e de perpetuar o "colonialismo"

A série infantil SpongeBob foi acusada de perpetuar o "racismo" e o "colonialismo" junto dos mais novos. A crítica é feita por uma professora da Universidade de Washington. No fundo do mar, a vida parece feliz. …

Neymar pára quatro semanas devido a lesão na coxa

O futebolista do Paris Saint-Germain Neymar (PSG) vai ficar afastado da competição nas próximas quatro semanas, após ter contraído uma lesão na coxa ao serviço da seleção brasileira, informou esta segunda-feira o clube francês no …

Vitor Baía e Villas-Boas voltam a abordar o futuro como potenciais sucessores de Pinto da Costa no FC Porto

André Villas-Boas foi entrevistado pela rádio France 3 e voltou a falar do sonho de ser presidente do FC Porto. Já Vitor Baía diz estar em paz em relação ao que poderá acontecer quando Pinto …