Caos na British Airways foi provocado por funcionário que desligou a corrente

danielmennerich / Flickr

Avião Boeing 747-400 da British Airways estacionado no aeroporto de Heathrow, Londres

Avião Boeing 747-400 da British Airways estacionado no aeroporto de Heathrow, Londres

A falha informática que pode custar à British Airways cerca de 115 milhões de euros foi provocada por um erro humano. Um funcionário que fazia manutenção de rotina no sistema informático desligou a corrente de energia.

Durante o fim-de-semana passado, mais de 75 mil passageiros ficaram impedidos de viajar em voos da companhia aérea British Airways, depois de uma falha informática que levou ao cancelamento de cerca de 700 voos.

Sabe-se agora que essa falha geral nos computadores da empresa foi motivada por um erro humano de um trabalhador externo à companhia de aviação que estava a fazer a manutenção de rotina num data center da empresa.

O jornal The Sun avança que um trabalhador externo à empresa desligou sem querer o fornecimento de energia que dava suporte às máquinas de reserva, enquanto fazia a manutenção do sistema informático.

“Quando a potência foi transferida de volta para a fonte principal, o procedimento adequado não foi seguido. Foi comutada demasiado depressa, provocando um aumento de energia que colapsou todos os computadores da companhia“, acrescenta o tablóide.

A situação gerou o caos nos aeroportos de Heathrow e de Gatwick, em Londres, tornando impossível fazer o check-in online, controlar as bagagens ou até mesmo contactar os call centers da companhia.

A falha pode custar à companhia britânica cerca de 100 milhões de libras, ou seja, aproximadamente 115 milhões de euros.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Muito simples a análise – o sistema devia impedir que isto ocorresse! Para dotar os sistemas com potencialidades que impeçam estas graves anomalias, não se pode estar à espera que elas aconteçam uma primeira vez. Há que realizar simulações para evitar que elas aconteçam ou para se criar planos B adequados se elas acontecerem mesmo assim.

  2. Esta noticia é quase de certeza falsa, eu não acredito que uma empresa desta dimensão fique assim por causa de falta de luz, se assim for, é mais fácil desligar a electricidade que colocar explosivos, arrangem uma desculpa melhor, ou melhor gestores.

    • Caro Nelson Trindade,
      O seu comentário é quase de certeza despropositado.
      Esta notícia foi dada pela generalidade dos órgãos de comunicação, e a British Airways não a desmentiu.
      Num mundo contaminado com notícias falsas maliciosamente fabricadas para distorcer a realidade, os jornalistas têm a responsabilidade de ter cuidado com as notícias o que escrevem.
      Tal como os leitores que as comentam.

      • Meu caro amigo sei que o Senhor não é ingénuo e sabe tão bem como eu hoje em dia os jornalistas não noticiam e investigam mas antes vendem notícias e não há noticia que se venda melhor que a desgraça, principalmente quando é causada por acidente por um David e afecta um Golias.Para o Golias também é muito bom porque tem desculpa para um erro. Por isso caro amigo hexistem milhares de órgãos informativos e cabe ao caro leitor pensar bem em qual acreditar. Não me parece que seja preciso grandes filosofias , pense apenas se e fiável pensar se uma empresa de milhões tinha este prejuízo simplesmente porque alguém desligar a electricidade. Não acredite em tudo que os jornalistas dizem e muito menos no que dizem as grandes empresas.

        • Caro Nelson, tem todo o direito de pensar por si e escolher aquilo em que acredita. A nossa objecção resume-se à “leveza” com que aponta a notícia como “de certeza falsa”.
          Mas permita-nos já agora, a propósito do tema, o seguinte comentário: a explicação de que uma empresa teve um problema que causou um prejuízo de 90 milhões porque um funcionário desligou a luz é tão surreal que só pode ser verdade.
          Antes de mais, porque o famoso princípio da Navalha de Occam nos diz que a explicação mais simples é normalmente a explicação certa.
          Mas principalmente porque, como disse um dia Napoleão Bonaparte, “não se deve atribuir à conspiração o que possa ser simplesmente explicado pela mera incompetência”.

          • Eu não falo em conspiração falo em logica, e como Napoleão também disse ” a primeira qualidade de um comandante é a cabeça fria. Não deve deixar se confundir quer por boas quer por más noticias. Isto é que dizer citações de Napoleão é fácil, tal como as noticias são muitas e para todos os gostos, eu, e talvez seja estranho na actualidade, prefiro pensar sobre elas.

Responder a ZAP Cancelar resposta

Há infetados que escondem a doença com medo de perder o salário

O médico António Pais Lacerda, diretor do serviço de Medicina Interna II do Hospital Santa Maria, em Lisboa, alerta que o medo de perder salário ou emprego leva pessoas infetadas com o novo coronavírus …

Tottenham perde frente ao Antuérpia. Mourinho "rasga" equipa: "Queria fazer 11 substituições ao intervalo"

O Tottenham perdeu esta quinta-feira frente ao Antuérpia, na segunda jornada da Liga Europa de futebol, levando o treinador português José Mourinho a criticar a sua equipa. "Queria fazer 11 substituições ao intervalo", admitiu. No …

PCP sobe fasquia no OE2021. Quer mais um escalão de IRS

O PCP quer que o Orçamento do Estado para 2021 contemple a criação de um novo escalão de IRS, segundo uma das dezenas propostas de alteração ao documento que os comunistas fizeram chegar ao Parlamento. Em …

Equipas lusas 100% vitoriosas na jornada europeia. Gaitán estreou-se com um grande golo

O SC Braga e o Benfica venceram esta sexta-feira as partidas a contar para a Liga Europa, depois de o FC Porto ter também saído vitorioso do jogo que disputou frente aos gregos do Olympiacos …

Mutação do coronavírus pode ter tido origem em Espanha (e isso pode explicar a segunda vaga)

Análises realizadas pela Universidade de Basileia, a Escola Politécnica Federal de Zurique e o consórcio espanhol SeqCovid-Spain, liderado pelo Conselho Superior de Investigação Científica, mostram que a nova variante se espalhou pela Europa e outras …

Arqueólogos encontraram lamas sacrificadas pelos Incas no Peru

Arqueólogos encontraram, no Peru, restos mortais mumificados de cinco lamas que foram sacrificadas pelos deuses Incas há cerca de 500 anos. De acordo com o site Live Science, as lamas mumificadas ainda estão adornadas com os cordões …

"Nunca vi nada assim." Ameaça terrorista é mais intensa do que nunca em França (e mais difícil de travar)

O ataque terrorista dentro de uma Igreja em Nice, com a morte de 3 pessoas, veio reforçar a ameaça do terrorismo islâmico em França. Já havia sinais e alertas oficiais de perigo numa altura em …

Costa recebe partidos esta sexta-feira. "Nenhuma medida está excluída", garante Costa

O primeiro-ministro recebe esta sexta-feira, em São Bento, os partidos com representação parlamentar para procurar um consenso para a adoção de medidas imediatas de combate à pandemia de covid-19. Além disso, o Governo vai auscultar …

Ratos-toupeira-nus foram apanhados a raptar bebés de outras colónias

Cientistas descobriram dois casos em que ratos-toupeira-nus foram raptados da sua colónia, tendo sido transformados em escravos. De acordo com o site Science Alert, embora os ratos-toupeira-nus (Heterocephalus glaber) sejam pequenos, têm grandes colónias compostas por …

Não houve multas por falta de máscaras (e o Canhão da Nazaré não desiludiu)

Milhares de pessoas juntaram-se, algumas das quais sem máscaras, para ver as ondas gigantes da Nazaré, nesta quinta-feira, mas nenhuma delas foi multada, apesar de violarem as regras da Direcção-Geral da Saúde (DGS). No mar, …