Caos na British Airways foi provocado por funcionário que desligou a corrente

danielmennerich / Flickr

Avião Boeing 747-400 da British Airways estacionado no aeroporto de Heathrow, Londres

Avião Boeing 747-400 da British Airways estacionado no aeroporto de Heathrow, Londres

A falha informática que pode custar à British Airways cerca de 115 milhões de euros foi provocada por um erro humano. Um funcionário que fazia manutenção de rotina no sistema informático desligou a corrente de energia.

Durante o fim-de-semana passado, mais de 75 mil passageiros ficaram impedidos de viajar em voos da companhia aérea British Airways, depois de uma falha informática que levou ao cancelamento de cerca de 700 voos.

Sabe-se agora que essa falha geral nos computadores da empresa foi motivada por um erro humano de um trabalhador externo à companhia de aviação que estava a fazer a manutenção de rotina num data center da empresa.

O jornal The Sun avança que um trabalhador externo à empresa desligou sem querer o fornecimento de energia que dava suporte às máquinas de reserva, enquanto fazia a manutenção do sistema informático.

“Quando a potência foi transferida de volta para a fonte principal, o procedimento adequado não foi seguido. Foi comutada demasiado depressa, provocando um aumento de energia que colapsou todos os computadores da companhia“, acrescenta o tablóide.

A situação gerou o caos nos aeroportos de Heathrow e de Gatwick, em Londres, tornando impossível fazer o check-in online, controlar as bagagens ou até mesmo contactar os call centers da companhia.

A falha pode custar à companhia britânica cerca de 100 milhões de libras, ou seja, aproximadamente 115 milhões de euros.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Muito simples a análise – o sistema devia impedir que isto ocorresse! Para dotar os sistemas com potencialidades que impeçam estas graves anomalias, não se pode estar à espera que elas aconteçam uma primeira vez. Há que realizar simulações para evitar que elas aconteçam ou para se criar planos B adequados se elas acontecerem mesmo assim.

  2. Esta noticia é quase de certeza falsa, eu não acredito que uma empresa desta dimensão fique assim por causa de falta de luz, se assim for, é mais fácil desligar a electricidade que colocar explosivos, arrangem uma desculpa melhor, ou melhor gestores.

    • Caro Nelson Trindade,
      O seu comentário é quase de certeza despropositado.
      Esta notícia foi dada pela generalidade dos órgãos de comunicação, e a British Airways não a desmentiu.
      Num mundo contaminado com notícias falsas maliciosamente fabricadas para distorcer a realidade, os jornalistas têm a responsabilidade de ter cuidado com as notícias o que escrevem.
      Tal como os leitores que as comentam.

      • Meu caro amigo sei que o Senhor não é ingénuo e sabe tão bem como eu hoje em dia os jornalistas não noticiam e investigam mas antes vendem notícias e não há noticia que se venda melhor que a desgraça, principalmente quando é causada por acidente por um David e afecta um Golias.Para o Golias também é muito bom porque tem desculpa para um erro. Por isso caro amigo hexistem milhares de órgãos informativos e cabe ao caro leitor pensar bem em qual acreditar. Não me parece que seja preciso grandes filosofias , pense apenas se e fiável pensar se uma empresa de milhões tinha este prejuízo simplesmente porque alguém desligar a electricidade. Não acredite em tudo que os jornalistas dizem e muito menos no que dizem as grandes empresas.

        • Caro Nelson, tem todo o direito de pensar por si e escolher aquilo em que acredita. A nossa objecção resume-se à “leveza” com que aponta a notícia como “de certeza falsa”.
          Mas permita-nos já agora, a propósito do tema, o seguinte comentário: a explicação de que uma empresa teve um problema que causou um prejuízo de 90 milhões porque um funcionário desligou a luz é tão surreal que só pode ser verdade.
          Antes de mais, porque o famoso princípio da Navalha de Occam nos diz que a explicação mais simples é normalmente a explicação certa.
          Mas principalmente porque, como disse um dia Napoleão Bonaparte, “não se deve atribuir à conspiração o que possa ser simplesmente explicado pela mera incompetência”.

          • Eu não falo em conspiração falo em logica, e como Napoleão também disse ” a primeira qualidade de um comandante é a cabeça fria. Não deve deixar se confundir quer por boas quer por más noticias. Isto é que dizer citações de Napoleão é fácil, tal como as noticias são muitas e para todos os gostos, eu, e talvez seja estranho na actualidade, prefiro pensar sobre elas.

Responder a ped Cancelar resposta

Descobertas pegadas fossilizadas com mais de 10 mil anos. São a trilha pré-histórica de uma mãe com um bebé ao colo

Uma equipa de investigadores internacional descobriu o trilho pré-histórico mais comprido do mundo no Novo México, nos Estados Unidos. O novo estudo conta a historia de uma mulher que carregou um bebé nos braços durante …

Pure Skies. Empresa desenha cabines dos aviões do pós-pandemia

Desde o início da pandemia, os especialistas têm testado diferentes maneiras de alcançar o distanciamento social em aviões, embora com pouco sucesso. Agora, há uma empresa que está a levar esta ideia até ao próximo …

OE2021. Bloco de Esquerda vota contra na generalidade

O Bloco de Esquerda vai votar contra a proposta do Orçamento do Estado para 2021 na generalidade, anunciou a coordenadora do partido, Catarina Martins. Em declarações aos jornalistas, a bloquista confirmou este domingo que o …

PS ganha eleições nos Açores sem garantia de maioria absoluta

O PS voltou a ganhar as eleições regionais dos Açores, obtendo entre 37% e 41%, o que não garante a maioria absoluta, segundo a projeção à boca das urnas realizada este domingo pela Universidade Católica …

Extinção da fauna em Madagáscar pode dever-se à presença humana (e a mudanças climáticas)

Grande parte da fauna de Madagáscar e das ilhas Mascarenhas foi eliminada durante o último milénio. Neste sentido, uma equipa de cientistas analisou um registo do clima nos últimos 8000 anos nas ilhas. O resultado …

PAN vai abster-se na generalidade. OE mais próximo da aprovação

O partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) vai abster-se na votação na generalidade da proposta de Orçamento do Estado para 2021 (OE2021) na próxima quarta-feira, anunciou a líder parlamentar do partido, Inês Sousa Real. Com a abstenção dos três …

O passado tóxico fica para trás. Asbestos, a cidade "amianto", mudou de nome

A cidade canadiana Asbestos (que significa amianto) ganhou um novo nome, quase 11 meses após o anúncio da votação. Wuase metade dos cerca de 6 mil residentes da cidade canadiana marcaram presença numa votação organizada num …

Menino de 12 anos encontra fóssil de dinossauro com 69 milhões de anos

Nathan Hrushkin, aspirante a paleontólogo de 12 anos, encontrou o fóssil de um dinossauro enquanto passeava com o pai em Alberta, no Canadá. Depois de enviarem uma fotografia ao Museu Royal Tyrrell, ficaram a saber …

Autarca de Cascais associa festa privada de luxo a “número muito expressivo” de casos

O presidente da Câmara Municipal de Cascais associou este sábado uma festa privada, organizada num clube de luxo na Avenida de Liberdade, a "um número muito expressivo de casos" registado no concelho. "A festa de aniversário …

João Almeida acaba em 4.º e faz história no Giro. É o melhor português de sempre na prova

O português João Almeida (Deceuninck-QuickStep) subiu este domingo ao quarto lugar final da 103.ª edição da Volta a Itália em bicicleta, no contrarrelógio da 21.ª etapa, que 'coroou' o britânico Tao Geoghegan Hart (INEOS). O português …