Diretora de saúde pública do Canadá recomenda uso de máscara durante o sexo

us-mission / Flickr

Theresa Tam, diretora de saúde pública do Canadá

A diretora de saúde pública do Canadá pediu, esta quarta-feira, aos casais que usem máscara durante as relações sexuais e que evitem os beijos.

“A saúde sexual é uma parte importante da nossa saúde em geral. No entanto, o sexo pode ser complicado na época da covid-19, especialmente para aqueles sem um parceiro íntimo em sua casa ou cujo parceiro sexual está em maior risco de ter covid-19”, começa por dizer, em comunicado, Theresa Tam, diretora de saúde pública do Canadá.

“Tal como outras atividades durante a covid-19 que envolvem proximidade física, há algumas coisas que podemos fazer para minimizar o risco de infeção e disseminação do vírus”, afirmou a responsável, acrescentando que “a atividade sexual de menor risco durante a covid-19 só depende de nós”.

Segundo Tam, as pessoas que têm relações sexuais com outras que não vivem na mesma casa ou com um parceiro que está em risco devem, por exemplo, “deixar de dar beijos e evitar o contacto ou a proximidade cara a cara”.

Entre outras sugestões, a diretora de saúde pública do Canadá declara que, durante a relação sexual nestas circunstâncias, os canadianos devem “considerar o uso de uma máscara que cubra o nariz e a boca“.

A responsável também relembrou que, até agora, as evidências científicas indicam que há uma probabilidade muito baixa de contrair o novo coronavírus através de sémen ou fluidos vaginais.

Segundo a mesma nota, o Canadá regista, desde o início da pandemia, 129.425 casos de covid-19, incluindo 9132 mortes. 88,5% destas pessoas já estão recuperadas da doença.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.