Cabrita diz que é fundamental continuar esforço de diminuição de mortos nas estradas

Tiago Petinga / Lusa

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita

Entre 18 e 29 de dezembro, registaram-se 12 vítimas mortais nas estradas portuguesas. Este número corresponde, segundo o ministro, a uma redução para mais de metade em relação ao mesmo período de 2018.

Eduardo Cabrita, ministro da Administração Interna, destacou esta segunda-feira a redução de vítimas mortais em acidentes rodoviários durante a operação de Natal e Ano Novo, considerando que é fundamental “continuar com este esforço de diminuição de mortos nas estradas”.

“Os indicadores destes primeiros dias, que vêm desde a semana anterior ao Natal até domingo apontam para dados que não nos podem alegrar, mas que correspondem a 57% menos de vítimas mortais relativamente ao ocorrido no último ano e consolidam uma tendência de redução significativa das vítimas mortais ao longo do ano de 2019”, disse o ministro aos jornalistas enquanto acompanhava uma operação de fiscalização da PSP no IC19, que liga Lisboa a Sintra, no âmbito da operação de “Natal e Ano Novo”.

A PSP registou, entre 18 e 29 de dezembro, 1.832 acidentes que provocaram três mortos e nove feridos graves. A GNR registou nove mortos e 38 feridos graves nos mais de 2.260 acidentes verificados desde 20 de dezembro até às 07:00 de hoje, no âmbito da operação “Natal e Ano Novo”.

No total, registaram-se 12 vítimas mortais, correspondendo, segundo o governante, a uma redução para mais de metade em relação ao mesmo período de 2018.

Cabrita sustentou que “não se pode ficar satisfeito” com estes números, devendo-se em 2020 “estabelecer padrões que permitam ainda mais melhorar”.

“É fundamental que não abrandemos este esforço e que o final do ano seja marcado pelo respeito pelas regras de segurança, quer na estrada, quer de segurança de comportamento dos cidadãos nas zonas de maior afluxo de festejos” da passagem do ano, nomeadamente em Lisboa, Porto e Algarve, sublinhou.

Eduardo Cabrita apelou aos cidadãos para que adotem comportamentos de segurança e que evitem a condução sob o efeito do álcool, o excesso de velocidade, o uso do telemóvel durante a condução e as deslocações muito longas sem descanso.

Mais de 40 polícias estiveram envolvidos na operação de fiscalização ao trânsito que a PSP realizou ao longo da tarde de hoje no IC19.

A Polícia de Segurança Pública vai também realizar, durante a madrugada de 1 de janeiro, várias operações stop na área de Lisboa e o principal alvo vai ser a condução sob o efeito do álcool.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Processo obscuro e pouco transparente. Expansão do Metro do Porto cria mal-estar

O alargamento do Metro do Porto está a criar mal-estar entre algumas autarquias da área Metropolitana do Porto. Os autarcas falam num processo obscuro e pouco transparente. O protocolo para consolidação da expansão da rede de …

Barcelona contrata jogador com o mercado fechado (mas Leganés não pôde fazer o mesmo)

O Barcelona foi autorizado a contratar um jogador com o mercado fechado, mas o pedido do Leganés foi rejeitado. O clube perdeu Braithwaite para o clube catalão. O FC Barcelona anunciou, esta quinta-feira, a contratação do …

"Epidemia das raspadinhas" preocupa Portugal. Há quem gaste 500 euros por dia

De acordo com um estudo recente, há cada vez mais pessoas a chegarem aos consultórios médicos com a doença do jogo patológico desencadeada pela raspadinha. Num artigo científico publicado na The Lancet, Pedro Morgado e Daniela …

Direita chega ao jogo das comissões no MB Way. PSD e Chega juntam-se ao PS

O PSD quer alargar serviços dentro das contas de baixo custo e incluir transferências via a aplicação da SIBS. O Chega quer eliminar custos nessas transações. Depois da esquerda, é a vez da direita marcar terreno …

Fãs de Kobe Bryant em luto estão a deixar flores na sepultura errada

Numa tentativa de prestar homenagem ao ex-basquetebolista, vários fãs de Kobe Bryant em luto estão a deixar flores na sua sepultura. O problema é que o têm na campa de outra pessoa. Quase um mês depois …

Precários das escolas ganham menos 170 euros por mês ao entrarem nos quadros

Nas escolas, os psicólogos que passem a efetivos através do PREVPAP passam a ganhar menos 170 euros por mês. Há outros trabalhadores na mesma situação. Os psicólogos precários que trabalham em escolas passam a ganhar menos …

Numa Liga Europa "aportuguesada", o Sporting foi o único a rugir

O Sporting foi a única equipa portuguesa a conseguir vencer nos 16-avos-de-final da Liga Europa. Benfica, FC Porto e SC Braga saíram derrotados dos seus respetivos jogos. A Liga Europa é casa dos emblemas portugueses esta …

Suspensão de voos para a Venezuela vai custar 10 milhões à TAP. "Quem vai pagar a conta?"

O presidente da TAP está preocupado com as consequências da suspensão dos voos para a Venezuela. "Quero saber que vai pagar essa conta." O presidente executivo da TAP, Antonoaldo Neves, disse esta quinta-feira que a suspensão …

Há mais gestores a abandonar empresas de Isabel dos Santos. MP admite descongelar contas bancárias

Depois das várias demissões no EuroBic, NOS e Efacec, há mais gestores a abandonarem empresas menos conhecidas de Isabel dos Santos em Portugal. Na sequência da polémica em torno do caso Luanda Leaks, pessoas como Mário …

Marcelo pondera veto à despenalização da eutanásia e envio para Constitucional

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vai optar pelo veto político quando o diploma que prevê a despenalização da eutanásia chegar ao Palácio de Belém, apurou o Jornal Económico (JE) junto de fontes …