/

Burger King pede aos clientes para encomendarem McDonald’s. “Nunca pensámos dizê-lo”

7

O Burger King surpreendeu depois de pedir aos seus clientes que comprassem comida na cadeia de fast food rival. É um passo pouco expectável, mas justificado com a necessidade de apoiar cadeias de comida numa altura em que os restaurantes britânicos começam a fechar, preparando-se para um novo confinamento.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

“Encomende ao McDonald’s”. É este o título do apelo que a cadeia de fast food Burger King do Reino Unido faz aos seguidores. A mensagem já chegou a 34 mil pessoas no Instagram e a 126 mil no Twitter.

“Nós sabemos, também nunca pensámos em dizê-lo”, escreveu a cadeia de hambúrgueres Burger King na rede social Twitter, onde mostra uma imagem com uma declaração de tréguas.

O apelo surge numa altura em que há a necessidade de apoiar os restaurantes, como é o caso do KFC, Subway e Pizza Hut (entre outros), que “empregam milhares de funcionários”, neste contexto pandémico. Por isso a cadeia de fast food relembra “se quer ajudar, continue a comer refeições deliciosas através das entregas ao domicílio, takeaway ou drive thru”.

Neste momento o Reino Unido assiste a um fecho dos restaurantes e bares, mantendo-se apenas os serviços de take away. As infeções estão a acelerar em todo o país, o que forçou o governo a decretar um novo confinamento, a partir de quinta-feira e até o próximo dia 2 de dezembro. Ainda assim, as escolas, universidades, supermercados e farmácias continuem abertos.

Para além da Escócia e da Irlanda do Norte, que impuseram uma série de restrições, o País de Gales mantém um confinamento nacional até meados de novembro para tentar conter a pandemia.

No final do apelo, a Burger King põe lado a lado o seu hambúrguer mais conhecido com o mais famoso da McDonald’s. “Encomendar um Whopper é sempre o melhor, mas um Big Mac também não é assim tão mau”.

  ZAP //

7 Comments

    • Bom senso recomendar comida de “plastico”??
      É mesmo publicidade descarada à fastfood…
      Deve ser mais difícil mas, no RU, ainda deve haver restaurantes com comida a sério!…

    • Bom senso seria essas cadeias deixarem de produzir a quantidade de lixo (nomeadamente plástico) num único menu e deixar de explorar com ordenados mínimos todos esses milhares que alegam empregar. Se eles quisessem ser sensatos diziam às pessoas para encomendar de restaurantes mais amigos do ambiente e, já agora, amigos dos seus funcionários. Além disso, é apenas mais uma campanha publicitária muito bem feita. Tão bem feita que faz notícia (publicidade grátis) um pouco por todo o mundo.

  1. … um tweet gratuito a facturar mais que muitos milhares de libras investidos num anuncio em prime-time.
    Bem jogado!

  2. Para além do flagelo do plástico há o terríivel desaparecimento das florestas tropicais para darem lugar a pastagens para satisfazer as brutais necessidades de carne destas grandes empresas!!

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.