Brasileiro condenado à morte na Indonésia vai ser executado este domingo

O brasileiro condenado à morte na Indonésia por tráfico de droga, Marco Archer Cardoso Moreira, de 53 anos, será executado este sábado, informaram fontes do Governo indonésio.

De acordo com o diário Folha de São Paulo, que falou com o seu advogado, o brasileiro já foi informado sobre a morte iminente e está “chocado e assustado”.

Archer Cardoso foi levado na quarta-feira da prisão onde se encontrava, Pasir Putih, para outra unidade, conforme prevê o procedimento para a execução, e ficará isolado até ao dia do fuzilamento.

“Ao ser levado da cela, pensou que seria executado imediatamente e ficou muito assustado”, disse o advogado Utomo Karim.

A execução será feita como punição ao crime de tráfico de droga. Em 2004, Archer Cardoso tentou entrar na Indonésia com 13,4 kg de cocaína escondidos em tubos de uma asa-delta.

Tanto a atual presidente brasileira, Dilma Rousseff, quanto seu antecessor, Lula da Silva, já tentaram intervir no caso, com um pedido de clemência ao Presidente indonésio, mas ambos os pedidos foram rejeitados.

Amnistia quer evitar execução de seis condenados

A Amnistia Internacional pediu esta sexta-feira ao Governo da Indonésia o adiamento da execução das condenações à pena de morte de seis pessoas consideradas culpadas de tráfico de droga, cujo cumprimento da sentença está marcado para domingo.

“As execuções devem ser paradas imediatamente. A pena de morte é uma violação dos direitos humanos”, disse Rupert Abbott, diretor de Investigação da Aministia Internacional para o sudeste Asiático e Pacífico, em comunicado.

Um dos presos é de nacionalidade indonésia e os restantes cinco são estrangeiros: o brasileiro Archer Cardoso, um holandês, dois nigerianos e um vietnamita.

Apesar de as autoridades indonésias não terem executado nenhum condenado em 2014, para este ano estão previstas 20 execuções por fuzilamento de prisioneiros.

As leis da Indonésia contra os crimes de droga estão entre as mais duras em todo o mundo.

/Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Macaos me mordam se eu entendo isto
    Executar este criminoso viola os direitos humanos,Então e os 13.4 kg de droga que transportava era para quêSerá que era para serem distribuidos em prol dos mesmos direitos.
    Pois que se executem todos estes mercadores de morte e desgraça humana

  2. Deixem o homem viver. Arranjem-lhe outra punição. Seria um bom contributo para uma melhor imagem da Indonésia no mundo global.

RESPONDER

CGD já está a cobrar comissões nos depósitos de instituições financeiras

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) já começou a cobrar comissões nos depósitos das instituições financeiras, de modo a tentar contornar a política monetária do Banco central Europeu. A intenção de cobrar comissões nos depósitos de …

Câmara de Oliveira de Azeméis pagou contas de concelhia do PSD, acusa Ministério Público

O Ministério Público (MP) deduziu esta quarta-feira acusação contra 68 arguidos no âmbito da operação “Ajuste Secreto”. Entre os acusados está o antigo autarca da Câmara de Oliveira de Azeméis Hermínio Loureiro, que é a …

PAN defende atribuição de cartão de cidadão a sem-abrigo

A iniciativa recomenda ao executivo socialista, liderado por António Costa, que seja atribuído "um cartão de identificação a todos aqueles que não têm uma casa ou um teto". O PAN apresentou na Assembleia da República um …

Governo quer criar regras especiais para alunos do profissional acederem ao Ensino Superior

O Governo quer criar um modelo de acesso específico para alunos do ensino profissional que queiram prosseguir estudos superiores, uma proposta que chegou a estar desenhada na anterior legislatura, mas que ainda não avançou. Segundo noticiou …

Menos de metade dos médicos do SNS trabalha em regime de exclusividade

Menos de metade (42,9%) dos médicos do Serviço Nacional de Saúde (SNS) trabalha em regime de exclusividade, avança o Jornal de Notícias, citando números da Administração Central dos Serviços de Saúde.  Segundo dados apresentados esta quinta-feira …

Grávidas e crianças até aos 10 anos não devem comer peixe-espada e atum, recomenda Espanha

A Agência Espanhola de Segurança Alimentar e Nutrição publicou novas recomendações no final de outubro para o consumo de determinados tipos de pescado, nomeadamente o atum e o peixe-espada, tubarão ou cação e Lúcio. Em causa …

Deputado Lobo d'Ávila abre portas ao futuro no CDS. "Não digo não" ao partido

O ex-deputado Filipe Lobo d'Ávila afirmou que não afasta a possibilidade de se candidatar à liderança do CDS. O potencial candidato à sucessão de Assunção Cristas indicou que a estratégia do partido, nos últimos anos, …

Só o Governo prevê uma aceleração em 2020. OCDE também está pouco otimista (e deixa um conselho a Centeno)

A economia portuguesa vai abrandar nos próximos anos, segundo antecipa a Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Económico (OCDE). No Economic Outlook publicado esta quinta-feira, as previsões para a economia nacional aponta para um crescimento …

Trump exige que se pare "a caça às bruxas" em reação a testemunho de embaixador

"Esta caça às bruxas deve parar agora. Tão prejudicial para o nosso país!", escreveu Donald Trump no Twitter, em reação ao testemunho do seu embaixador da União Europeia. O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, manifestou …

Seis embaixadores portugueses mudam de países

Há seis embaixadores portugueses que vão mudar de cidade. O Presidente da República já assinou o decreto que rege a nomeação de novas chefias para tutelar as embaixadas de Portugal em Berlim, Madrid, Praga e …