Boris Johnson e Jeremy Hunt são os escolhidos para disputar sucessão de Theresa May

O ministro dos Negócios Estrangeiros britânico, Jeremy Hunt, é o adversário de Boris Johnson na eleição interna no partido Conservador para suceder a Theresa May, tendo Michael Gove sido eliminado, foi revelado esta quinta-feira.

A sexta volta da eleição indicou que o ministro dos Negócios Estrangeiros conseguiu o apoio de 77 dos 313 deputados do grupo parlamentar conservador, mais dois votos do que os 75 recolhidos pelo ministro da Saúde, Michael Gove.

O antigo ministro dos Negócios Estrangeiros Boris Johnson voltou a vencer destacado, desta vez com 160 votos. Os dois finalistas vão agora ser submetidos a uma votação dos cerca de 160 mil militantes do partido e o vencedor será anunciado no final de julho.

Theresa May mantém-se em funções, devendo apresentar a demissão logo que o sucessor esteja definido, abrindo caminho para a sua nomeação como primeiro-ministro.

O ministro para o Desenvolvimento Internacional, foi eliminado, na quarta-feira, da eleição interna para a sucessão de Theresa May no partido conservador e para assumir o cargo de primeiro-ministro britânico. De acordo com os resultados oficiais da terceira volta, o antigo ministro dos Negócios Estrangeiros, Boris Johnson, foi o mais votado, tendo recebido o apoio de 143 dos 313 deputados conservadores.

O ministro para o Desenvolvimento Internacional, Rory Stewart, que era considerado o candidato com menos hipóteses de passar à próxima volta devido ao apoio reduzido, apesar de ter quase duplicado o número de votos, de 19 na primeira volta para 37 na segunda, ficou-se por 27 votos.

Jeremy Hunt, atual chefe da diplomacia, e o ministro do Ambiente, Michael Gove, mantiveram o segundo e terceiro lugares, com 54 e 51 votos, respetivamente. O ministro do Interior, Sajid Javid, que se qualificou para a terceira volta com o mínimo necessário de 33 votos, adicionou cinco votos, para 38.

O ex-ministro dos Negócios Estrangeiros reforçou a liderança para se tornar no próximo primeiro-ministro britânico. Boris Johnson venceu destacado as duas voltas anteriores e recebeu o apoio de quatro dos cinco candidatos até agora eliminados, nomeadamente Esther McVey, Andrea Leadsom, Matt Hancock e Dominic Raab.

Os candidatos defrontaram-se, esta terça-feira à noite, num debate realizado pela BBC, destacando-se o facto de Boris Johnson ter finalmente aparecido mas também por ter sido uma discussão tão “morna” que, no final, foi praticamente impossível escolher um vencedor.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Turistas podem circular entre concelhos apesar das restrições

Apenas os turistas estão autorizados a circular entre concelhos, apesar das restrições que vigoram entre 30 de outubro e 3 de novembro, indicou a AHRESP, citando um esclarecimento do Executivo. Segundo o esclarecimento enviado pelo gabinete …

É preciso esforço grande agora para salvar o Natal, alerta Santos Silva

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, disse esta quarta-feira ser necessário “um esforço muito grande” para travar a propagação do coronavírus ” para salvar o Natal” das famílias dos cerca de 5 milhões …

"É uma treta". Ronaldo publica (e depois apaga) crítica a teste à covid-19

O futebolista Cristiano Ronaldo, capitão da seleção portuguesa, modificou a publicação efetuada esta quinta-feira no Instagram, tendo retirado a frase “PCR é uma treta”, em referência ao teste de despiste à presença do novo coronavírus. Um …

PSD confiante em geringonça, mas Ventura lembra que não tem "duas caras". Carlos César quer PS no poder

Com a solução governativa dos Açores em aberto, André Ventura já disse que está fora de questão integrar uma geringonça com "partidos do sistema", mas admite viabilizar um Governo do PSD na região com algumas …

Lage rasga elogios a João Félix. "Vai ser uma das referências do futebol europeu e mundial"

O antigo técnico do Benfica Bruno Lage teceu rasgados elogios ao internacional português João Félix, que esta terça-feira somou dois golos e fez uma boa exibição no jogo do Atlético de Madrid frente ao RB …

"Sentimo-nos em Itália". Médicos do Tâmega e Sousa contradizem hospital e reiteram situação de rutura

Médicos do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS) ouvidos pelo semanário Expresso reiteram que os hospitais que integram o centro, o de Penafiel e o de Amarante, se encontram perto da rutura, contradizendo a …

Vieira reeleito em votação histórica para o sexto (e último) mandato

O presidente do Benfica esta quarta-feira eleito para um sexto mandato, manifestou "orgulho" por vencer o ato eleitoral mais concorrido da história do clube e apelou a que os benfiquistas "respeitem os resultados" do escrutínio. "Vencer …

Bélgica anuncia confinamento parcial. Ministro visita hospital e mostra-se "chocado" com o que viu

O chefe do governo federal na Bélgica anunciou ontem novas medidas de confinamento que entraram em vigor à meia-noite em todo o território. Em causa está uma crescente preocupação com o aumento de infetados que, …

O caso mais antigo de osteopetrose foi descoberto no esqueleto de um homem da Idade do Ferro

Uma equipa de cientistas alemães descobriu o caso mais antigo conhecido de osteopetrose, ou doença dos "ossos da pedra", nos restos mortais de um homem de 20 anos da Idade do Ferro. A osteopetrose é uma …

Orçamento sem favas contadas. Governo depende mais do PCP (que aproveita para apertar o cerco)

A aprovação do Orçamento do Estado para 2021 na generalidade, que contou com o voto contra do Bloco de Esquerda e a abstenção do PCP, deixou o Governo mais dependente da apreciação final do documento …