Canadá rejeita incluir Rússia no G7. Bolsonaro falou com Trump sobre participação do Brasil

justintrudeau / Flickr

O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau

Justin Trudeau, primeiro-ministro do Canadá, rejeitou a possibilidade de reintegrar a Rússia no G7, discordando assim do Presidente dos Estados Unidos.

Justin Trudeau frisou que a Rússia foi excluída deste grupo depois de ter anexado, em 2014, a península ucraniana da Crimeia. “O seu desrespeito contínuo e ostensivo das regras e normas internacionais é o motivo pelo qual permanece fora do G7 e pelo qual continuará de fora”, afirmou Trudeau.

Por outro lado, o Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, disse na segunda-feira que conversou com o seu homólogo dos Estados Unidos sobre a possibilidade de o Brasil fazer parte do novo modelo de G7 proposto por Donald Trump.

“Conversei, na tarde de hoje, com o Presidente, Donald Trump”, escreveu Bolsonaro numa mensagem divulgada na rede social Twitter. “Conversámos sobre o G-7 expandido, o qual o Brasil deverá integrar, bem como questões do aço brasileiro”, acrescentou.

Durante o telefonema com Trump, Bolsonaro agradeceu ainda ao Presidente dos Estados Unidos “o envio de 1.000 respiradores”, para lutar contra a pandemia de coronavírus.

No sábado, Donald Trump, que detém atualmente a presidência rotativa do grupo, anunciou o adiamento para setembro da cimeira dos líderes do G7, agendada para este mês nos Estados Unidos.

Nessa altura, o Presidente norte-americano considerou também que o modelo atual da cimeira está “ultrapassado”, afirmando que gostaria de ver mais países no fórum multilateral.

“Não sinto que o G7 represente adequadamente o que está a acontecer no mundo. É um grupo de países muito ultrapassado“, declarou Donald Trump aos jornalistas, a bordo do avião Air Force One, depois de visitar a Florida para assistir ao lançamento da missão Demo-2 da NASA e do SpaceX a partir de Cabo Canaveral.

Trump acrescentou que gostaria de ver mais países no grupo, que atualmente inclui os Estados Unidos, Japão, França, Reino Unido, Itália, Canadá e Alemanha.

“Queremos a Austrália, queremos a Índia, queremos a Coreia do Sul. É um bom grupo de países”, disse Trump, para quem o grupo poderia converter-se em G10 ou G11.

O Presidente norte-americano também falou na segunda-feira com o homólogo russo, Vladimir Putin, a quem convidou para a próxima cimeira do G7. O Kremlin admitiu, esta segunda-feira, ter ficado intrigado com o anúncio de Trump.

 

Os membros do chamado Grupo dos Sete (G7), composto pelos países mais industrializados do mundo, reúnem-se anualmente para debater várias questões internacionais.

Não é a primeira vez que Trump se refere à reintegração da Rússia no grupo, possibilidade que conta com a oposição de alguns membros do G7.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

ROUGHIE. Planador subaquático observa silenciosamente os mares (sem perturbar a vida selvagem)

Os veículos subaquáticos autónomos tornaram-se ferramentas versáteis para explorar os mares. Porém, estas ferramentas podem ser prejudiciais para o meio ambiente ou ter problemas em movimentar-se em espaços confinados. Uma equipa de investigadores da Purdue University, …

Igreja cipriota pede que a música "demoníaca" da Eurovisão seja cancelada. Governo rejeita

El Diablo foi a canção escolhida para representar o Chipre no festival da Eurovisão, que terá lugar em Roterdão, em maio. A música cipriota da Eurovisão está a causar polémica. A Igreja Ortodoxa do Chipre pediu, …

Cientistas propõem que indústria da moda pague "royalties" pelo padrão leopardo

Cientistas de Oxford, no Reino Unido, propõem que a indústria da moda comece a pagar royalties pelo uso do padrão que imita a pele de leopardo, para tentar ajudar a reverter o declínio deste felino. "O …

André Ventura foi reeleito presidente do Chega com 97,3% (e deixou recados ao PSD)

André Ventura foi reeleito este sábado, com 97,3% dos votos nas eleições internas para a presidência do Chega. O presidente demissionário do Chega foi reeleito este sábado com 97,3% dos votos, percentagem que considerou legitimá-lo para …

Uma das maiores camas do céu. JetBlue revela a nova classe executiva do Airbus A321neo

Uma das maiores camas no céu deverá estrear dentro de alguns meses, quando a JetBlue começar a voar com os seus A321neo de Boston e Nova Iorque a Londres. No dia 26 de fevereiro, a norte-americana …

Putin diz que Internet pode destruir a sociedade se não for regida pela moral

 Internet pode destruir a sociedade a partir se não não for regida por valores e leis da moral, considerou Vladimir Putin. O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, advertiu que a Internet pode destruir a sociedade a …

China torna-se o primeiro país do mundo a ter mais de mil multimilionários

A China tornou-se o primeiro país do mundo a ultrapassar a marca dos mil multimilionários, tendo neste momento um total de 1058 pessoas que têm a sorte de poder fazer parte desse grupo restrito. De acordo …

Gil Vicente 0-2 Porto | Vida fácil para o “dragão” em Barcelos

O FC Porto venceu o Gil Vicente em Barcelos, por 2-0. Pepe e Corona saíram ao intervalo com problemas físicos. O Porto foi a Barcelos conquistar três pontos de forma tranquila, perante um Gil Vicente que …

Na Índia, o comércio ilegal de burros está a crescer. A sua carne é considerada afrodisíaca

Viagra? Não, a população do estado de Andhra Pradesh, na Índia, tem um novo método para aumentar o desejo sexual: carne de burro. Esta crença está a fazer com que o comércio ilegal de carne …

Com as fronteiras fechadas, companhia aérea australiana lança "voos mistério"

A companhia aérea australiana Qantas anunciou “voos mistério”, nos quais os passageiros não fazem ideia para onde vão, numa tentativa de atrair mais clientes. As fronteiras internacionais da Austrália estão atualmente fechadas e parece improvável que …