Bolsonaro diz que máscaras causam “efeitos colaterais”

Joedson Alves / EPA

Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, disse que as máscaras causam “efeitos colaterais” e citou um alegado estudo alemão, sem acrescentar mais detalhes.

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, causou polémica esta quinta-feira ao dizer que as máscaras de prevenção contra a covid-19 causam “efeitos colaterais”, acrescentando que pondera continuar com subsídios para os mais carenciados durante a pandemia.

Numa transmissão em direto no Facebook, Bolsonaro levantou suspeitas sobre efeitos colaterais das máscaras, citando um alegado estudo alemão, mas sem apresentar mais detalhes.

“Começam a aparecer estudos, não vou entrar em detalhes, não é?!, sobre o uso de máscaras. Num primeiro momento, uma universidade alemã fala que elas são prejudiciais para crianças, e levam em conta vários itens, como irritabilidade, dor de cabeça, dificuldade de concentração, diminuição da perceção de felicidade, recusa em ir para a escola ou creche, desânimo, comprometimento da capacidade de aprendizagem, vertigem, fadiga. Então começam a aparecer aqui os efeitos colaterais das máscaras”, afirmou.

Bolsonaro frisou também que não daria mais detalhes sobre o estudo porque “tudo desagua em crítica em cima” do chefe de Estado.

Tenho a minha opinião sobre máscaras, cada um tem a sua, mas a gente aguarda um estudo mais aprofundado sobre isso por parte de pessoas competentes”, acrescentou.

Segundo as recomendações da OMS, os menores até aos 5 anos não devem ser obrigados a usar máscara, tendo em conta “a segurança e o interesse global da criança” e “a capacidade em utilizar uma máscara corretamente com uma assistência mínima”.

Para as crianças entre os 6 e os 11 anos, a OMS aconselha o uso de máscara em linha com diversos fatores, como os níveis de transmissão da infeção na zona onde residem e a capacidade em utilizá-la corretamente e com toda a segurança.

Na transmissão de quinta-feira, dia em que o Brasil chegou às 250 mil mortes, o chefe de Estado não se pronunciou sobre as vítimas da pandemia. Contudo, afirmou que o Governo está a estudar a possível renovação de um plano de subsídios aos mais carenciados, para diminuir o impacto económico, ainda em forte expansão no país.

Jair Bolsonaro indicou que o executivo poderá pagar 250 reais (cerca de 37 euros), durante quatro meses, num auxílio a ser retomado em março.

“A princípio, o que deve ser feito é, a partir de março, por quatro meses, 250 reais de auxílio de emergência. Então é isso que está sendo disponibilizado”, afirmou, sem indicar quantas pessoas serão abrangidas, nem como esses gastos serão encaixados no orçamento e nas metas fiscais de 2021.

Em março do ano passado, para ajudar a população mais pobre e os desempregados, o Governo brasileiro aprovou um auxílio de emergência, no valor de 600 reais mensais (89 euros), que beneficiou cerca de 65 milhões de pessoas. Contudo, esse valor foi cortado para metade em setembro, tendo sido prolongado até ao final do ano, quando o Governo encerrou o programa, que poderá agora ser retomado.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Cientistas criam material de "auto-reparação" mais resistente do mundo (e é perfeito para ecrãs de telemóveis)

Investigadores do Instituto Indiano de Educação e Investigação Científica (IISER, na sigla em inglês) podem ter encontrado o material perfeito para fazer os ecrãs de smartphones: transparente, resistente e que a capacidade de se "auto-curar" …

"A bitcoin vai criar a paz mundial"

A rainha das moedas digitais, se não construir a paz no planeta, vai ajudar na pacificação entre os seres humanos. É a opinião de Jack Dorsey. É o centro de atenções de muitos investidores, é o …

"Burrolandia". Parque temático de burros no México está a tentar salvar estes animais

Um parque temático de burros no México serve de santuário a estes animais que estão aos poucos a desaparecer no país. "O burro ajudou o homem por muito tempo. É hora de retribuirmos o favor", …

Uma mão robótica que joga Super Mario Bros na Nintendo? Sim, existe

Uma equipa de investigadores da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, imprimiu em 3D peças para criar uma mão robótica capaz de jogar Super Mario Bros na Nintendo.  A mão robótica é totalmente montada com circuitos …

"Narco Drones" apanhados a entregar drogas numa prisão chilena

Reclusos e cúmplices no exterior estão a usar drones para contrabandear droga para a prisão mais antiga do Chile. As autoridades chilenas descobriram que o esquema de contrabando tinha como objetivo transportar drogas para a Ex …

Erupção do vulcão Etna causa problemas económicos na Sicília

Nos últimos meses, o vulcão Etna tem estado em constante erupção e o custo de limpeza das cinzas está a deixar muitas cidades da Sicília à beira da falência. O vulcão Etna – um dos mais …

Argentina cria documento de identidade para pessoas não binárias

O Presidente da Argentina anunciou, esta semana, que o país tem um novo documento de identidade para incluir pessoas não binárias. É o primeiro país da América Latina a fazê-lo. De acordo com o chefe de …

Costa diz que Portugal vai ter "o dobro" de fundos comunitários para investir

O primeiro-ministro afirmou, este sábado, que Portugal vai contar, nos próximos sete anos, com "o dobro" de fundos comunitários para investimento, considerando que esta "é uma oportunidade única" que não pode ser desperdiçada. "Vamos ter a …

Chinesa morre após salvar a filha de deslizamento de terra. Bebé esteve 24 horas nos escombros

Uma mulher morreu após salvar o seu bebé quando um deslizamento de terra e uma forte inundação atingiram a sua casa na China, revelam as equipas de resgate. Como noticia a BBC, a bebé foi resgatada …

Caso Ihor. IGAI pede expulsão do ex-diretor de fronteiras do SEF

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) já entregou ao ministro Eduardo Cabrita o relatório final do processo disciplinar contra o inspetor coordenador do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) António Sérgio Henriques, que propõe a …