Bloco de Esquerda defende voto aos 16 anos

*Bloco / Flickr

Catarina Martins, líder do Bloco de Esquerda

Catarina Martins, líder do Bloco de Esquerda

O voto aos 16 anos foi defendido esta segunda-feira pela porta-voz do BE, Catarina Martins, considerando que se com esta idade os jovens podem assumir responsabilidades como trabalhar e pagar impostos devem ter o poder de escolher.

O dia de campanha do Bloco de Esquerda começou esta segunda-feira com uma visita à Escola Profissional de Hotelaria de Fátima, onde depois de uma roteiro pelas instalações – durante o qual pôde ver os alunos em ação quer nas aulas práticas, quer nas aulas teóricas -, Catarina Martins falou para uma plateia de jovens que, apesar de inicialmente tímidos, acabaram por fazer diversas perguntas à bloquista.

“Aos 16 anos as pessoas podem começar a trabalhar, podem pagar impostos, se cometerem um crime são presas e podem até ser mobilizadas para a tropa. E, portanto, quem pode assumir tantas responsabilidades tem de poder escolher, tem de poder votar e é por isso que o Bloco de Esquerda tem defendido o voto aos 16 anos“, defendeu.

Conforme se lê no manifesto para as eleições de legislativas de 4 de outubro, o BE quer o alargamento do voto aos cidadãos estrangeiros vivendo há mais de três anos em Portugal e aos cidadãos a partir dos 16 anos de idade, que têm já responsabilidade laboral, penal e fiscal.

Aos jornalistas, Catarina Martins explicou que “nas campanhas eleitorais se fala muito dos jovens” e que o BE não é exceção nesse tema, sendo por isso “bom ouvi-los”, porque “quem tem hoje 16 anos está a olhar para o futuro”.

“E é isso que fizemos aqui hoje e vemos como as perguntas que colocam são perguntas determinantes para o futuro, sejam os problemas do emprego e do salário, sejam a preocupação que têm com a pensão dos seus pais e dos seus avós que também a ouvimos, sejam as preocupações ambientais”, explicou.

Dentro do auditório, quando Catarina Martins preferiu abrir as intervenções aos alunos para mais do que poder falar, ouvir, para além de um mais destemido que quis manifestar a preocupação com o impacto ambiental das barragens, foi precisa a ajuda do diretor para quebrar a habitual vergonha nestas situações, exponenciada pela presença de muitos jornalistas na sala.

Passado o medo inicial, quer durante a sessão de esclarecimento, quer depois das palmas que marcaram o final, os alunos questionaram diretamente a líder bloquista sobre temas como desemprego, refugiados, impostos, setor do turismo, pensões, emigração e liberalização da canábis, tendo Catarina Martins respondido a todas estas preocupações.

Durante a visita que antecedeu a palestra, o cabeça de lista do BE por Santarém, Carlos Matias, mostrou-se visivelmente satisfeito pelo percurso ser sempre para a esquerda, tendo o diretor da escola, Francisco Vieira, apresentado o “sonho” já no papel que é a construção das novas instalações que permitam acolher os alunos ainda em melhores condições e não recusar as cerca de 100 pessoas que todos os anos se candidatam e ficam de fora.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. pensando bem tb concordo….. e se pode votar aos 16 anos …….podem ser eleitos aos 16 anos, sera que isto não tem algo de incostitucuiinal? ou o bloco resolve tudo a moda da china comunista? quem pode manda!!!
    é triste ver miúdas giras com dentes já podres pelo consumo de droga, ver rapaziada que poderia ser o enlevo dos pais ficarem refém da droga pesada e da droga destes blocos que apenas existem para tentar implodir o sistema social vigente……… e estas meliantes de olhos verdes ainda tem o descaramento de pedir a despenalização. eu acho que um deputado de 16 anos ou uma deputada ate tinha graça se não fosse o fraco exemplo dado por quem devia ter mais senso e honestidade politica.

RESPONDER

Cartel de Sinaloa abre fogo e obriga polícia a libertar filho de “El Chapo”

O filho de El Chapo, Ovidio Guzmán López, foi libertado depois de várias horas de violência que se seguiram à sua detenção e o ministro da Defesa argumentou com medidas de segurança para o fazer. O …

Portugal tem 796 mil “eleitores-fantasma”

Portugal tem mais 796 mil eleitores do que população residente com 18 e mais anos. O número de inscritos nos cadernos eleitorais, em território nacional, apresenta uma diferença de 9,3% face ao número de residentes …

Lenine Cunha e Ana Filipe conquistam mais duas medalhas nos INAS Global Games

Os portugueses Lenine Cunha e Ana Filipe conquistaram esta quinta-feira medalhas de prata e bronze, respetivamente, nos INAS Global Games, competição mundial para atletas com deficiência intelectual, que decorre em Brisbane, na Austrália. Os dois pódios …

Homem detido em França por ameaça de ataque inspirado no 11 de setembro

Um indivíduo identificado como sendo um radical islâmico foi detido em França acusado de terrorismo devido a uma ameaça de sequestro e ataque inspirado no atentado às Torres Gémeas, nos Estados Unidos, em 2001, anunciaram …

Nick Cave and The Bad Seeds regressam a Portugal em 2020

Dois anos depois do concerto no NOS Primavera Sound, no Porto, Nick Cave and The Bad Seeds vão regressar a Portugal no Campo Pequeno, em Lisboa. Os dois concertos, marcados para 22 e 23 de abril, …

Retirar amianto é 50 vezes mais barato do que tratar doente de cancro

A Quercus alertou esta sexta-feira que retirar uma cobertura de amianto de uma escola fica 50 vezes mais barato do que tratar um doente com mesotelioma, o cancro da pleura do pulmão provocado pela exposição …

Sócrates critica recusa do PS em fazer acordo escrito com o Bloco de Esquerda

O antigo primeiro-ministro José Sócrates critica a recusa do PS em fazer um acordo escrito de legislatura com o Bloco de Esquerda, considerando que revela "uma visão meramente utilitária" e que pode gerar "ressentimento" à …

Pelo menos 28 mortos e 55 feridos em explosão de uma mesquita no Afeganistão

Pelo menos 28 pessoas morreram e 55 ficaram feridas devido a uma explosão numa mesquita na província de Nangarhar, no leste do Afeganistão, durante o período de oração desta sexta-feira, anunciaram as autoridades locais. "Os números …

Pedro Alves escolhido para a presidência executiva do Banco Montepio

Pedro Gouveia Alves, atual presidente do Montepio Crédito, foi escolhido para novo CEO do Banco Montepio. O nome reuniu o consenso de Carlos Tavares e de Tomás Correia. O Banco Montepio escolheu Pedro Alves como novo …

Tancos. Sindicato dos procuradores sugere que ordem para não inquirir Costa e Marcelo é ilegal

O Sindicato dos procuradores sugere que a ordem do diretor do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) que travou a inquirição de António Costa e de Marcelo Rebelo de Sousa, como testemunhas no …