Tony Blair defendeu segundo referendo e Theresa May acusou-o de sabotagem

David Levenson / Pool

A primeira-ministra britânica Theresa May acusou um dos seus antecessores de ter insultado o cargo que chegou a exercer por defender uma nova consulta sobre o Brexit.

Theresa May, primeira-ministra britânica, enfatizou este domingo a sua recusa em convocar um segundo referendo sobre o Brexit e criticou o antigo governante Tony Blair por defender essa opção.

“Tentar enfraquecer as nossas negociações com Bruxelas defendendo um segundo referendo, é um insulto ao cargo que ocupou e às pessoas que serviu”, disse Theresa May, num comunicado em resposta ao antigo primeiro-ministro britânico que esta semana defendeu a necessidade de se realizar um segundo referendo sobre a saída do Reino Unido da União Europeia.

Na semana passada, Tony Blair, que foi primeiro-ministro entre 1997 e 2007, sugeriu que os deputados britânicos poderiam avançar para um novo referendo “caso nenhuma das outras opções resulte”.

Estas declarações de Blair surgem num momento sensível do processo de saída britânica da União Europeia: a Câmara dos Representantes prepara-se para votar no plano de saída negociado entre May e os negociadores europeus, uma votação que foi adiada pela primeira-ministra que reconheceu que iria enfrentar um chumbo certo.

Poucos dias depois, Theresa May sobreviveu a uma moção de desconfiança lançada pelo seu próprio partido.

Segundo a Lusa, May garantiu estar confiante de que vai conseguir “garantias adicionais” junto da União Europeia (UE), notando que não se vai “esquivar” da responsabilidade de cumprir o estipulado pelo primeiro referendo, no qual 51,9% da população votou favoravelmente à saída da UE.

“Muitas pessoas querem subverter este processo em prol dos seus próprios interesses políticos, em vez de defenderem o interesse nacional”, acrescentou. Theresa May vincou ainda que o parlamento tem “o dever democrático de cumprir com a decisão de voto dos britânicos”.

Em 14 de dezembro, o Conselho Europeu adotou um conjunto de conclusões que não altera em nada a posição dos 27 sobre o acordo de saída do Reino Unido da União Europeia, com os líderes europeus a reiterarem a indisponibilidade para renegociar.

“O Conselho Europeu reconfirmou as conclusões de 25 de novembro, dia no qual endossou o acordo de saída e aprovou a declaração política. A União mantém o seu apoio a este acordo e pretende proceder à sua ratificação. Este não está aberto a uma renegociação”, lê-se no primeiro ponto das conclusões da reunião a 27, dedicada ao Artigo 50.º.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Governador das Filipinas diz que cantores de karaoke prejudicam combate à pandemia

Um governador de uma província das Filipinas voltou a sua atenção para um grupo de pessoas que, segundo ele, estão a prejudicar a luta contra a pandemia: cantores de karaoke. Numa publicação no Facebook na madrugada …

Histórico: Filipe Albuquerque vence 24 Horas de Le Mans e sagra-se campeão mundial de LMP2

O português Filipe Albuquerque, da United Autosports, venceu este domingo as 24 Horas de Le Mans em automobilismo, na categoria LMP2, a segunda mais importante, e sagrou-se campeão mundial de resistência a uma corrida do …

Convenção do Chega chumba lista de André Ventura para a direção nacional

A proposta do presidente do Chega, André Ventura, para a direção nacional do partido foi hoje chumbada na convenção que decorre em Évora, ao não conseguir reunir os dois terços dos votos dos cerca de …

Portugal com mais 13 mortos e 552 novos casos nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 13 mortos relacionados com a covid-19 e 552 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo os dados a DGS, a região …

TikTok anuncia acordo com Oracle e Walmart e adia proibição nos EUA

A aplicação TikTok, detida pela sociedade chinesa ByteDance e ameaçada de ser proibida nos Estados Unidos, anunciou este domingo um acordo de princípio com a Oracle, como parceiro tecnológico, e com a Walmart, em termos …

As gaivotas são inoportunas? Saiba que as suas fezes podem valer mil milhões de dólares

Afinal, as gaivotas podem ser animais bem mais interessantes do que aquilo que a maioria das pessoas pensa. É que as suas fezes são muito valiosas e os seus nutrientes fertilizam campos agrícolas e recifes …

Super-vulcão Yellowstone registou 91 terramotos em apenas 24 horas

Os vulcanólogos têm andado atentos ao super-vulcão localizado no Parque Nacional de Yellowstone, nos Estados Unidos. O Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS) relatou recentemente a ocorrência de 91 terremotos em apenas 24 horas. Estes …

Cartoonista alemão Frank Hoppmann é o vencedor do 15.º World Press Cartoon

O 'cartoonista' alemão Frank Hoppmann, com a caricatura do primeiro-ministro britânico Boris Johnson, é o vencedor da 15.ª edição do World Press Cartoon, foi hoje anunciado nas Caldas da Rainha, na cerimónia de entrega de …

Pequena e funcional. Assim se carateriza a Tiny House (que ainda evita dores de joelhos)

Esta pequena casa móvel pode ser a solução que procura. Devido à sua arquitetura dinâmica é ótima para pessoas com problemas de articulações e que sofrem com dores joelhos, pernas cansadas ​​ou dores nas costas. Hoje …

Chama-se Elios, é um drone e vai explorar as profundezas das cavernas de gelo da Gronelândia

Elios é o drone que está a ajudar os investigadores a descobrirem mais sobre os mistérios da Gronelândia. Inserido numa estrutura própria, tem explorado as cavernas de gelo, facilitando assim o acesso a locais mais …