Biden e Suga querem “desnuclearização completa” da península coreana. Presidente faz alterações ao nível da defesa

patquinnforillinois / Flickr

Joe Biden, Presidente dos EUA

O Presidente dos EUA, Joe Biden, contactou esta quarta-feira por telefone o primeiro-ministro japonês Yoshihide Suga, com os dois dirigentes a reiterarem a exigência comum de uma “desnuclearização completa” da península coreana, indicou a Casa Branca.

No decurso do telefonema, Biden recordou o “indefetível envolvimento” dos Estados Unidos na proteção do seu aliado nipónico, em conformidade com a aliança militar em vigor entre os dois países, precisou o Executivo norte-americano.

Após a sua vitória eleitoral em novembro, Biden comprometeu-se em manter os pactos de defesa mútua com os aliados estratégicos dos EUA e restabelecer as relações com alguns destes países, após um afastamento sob a presidência de Trump.

A relação entre Seul e Washington, duas outras capitais unidas por uma aliança militar, também registou turbulências nos últimos anos, com Trump a acusar a Coreia do Sul de não contribuir de forma suficiente à presença militar norte-americana no seu território, exigindo milhares de dólares.

Na relação com Pyongyang, os especialistas aguardam um regresso à situação mais clássica com Joe Biden, em posição a Trump e cujo mandato alternou entre as fases de “lua de mel” ou de tensão extrema com Kim Jong Un, o líder norte-coreano.

Administração Biden congela venda de caças F-35 aos Emirados Árabes Unidos

Entre vários negócios agora suspensos destaca-se a venda, no valor de 23 mil milhões de dólares, de 50 caças F-35 aos Emirados Árabes Unidos, que permitiriam a este aliado norte-americano ser o primeiro Estado árabe do Médio Oriente a operar o avião.

Segundo o Departamento de Estado, trata-se de uma “ação administrativa de rotina”, habitualmente feita por novas administrações com contratos de venda de armamento, e a revisão dos contratos não implica o seu cancelamento.

“Esta é uma ação administrativa de rotina, habitual na maioria das transições, e demonstra o compromisso da Administração com a transparência e boa governação, bem como assegurar que as vendas de armas dos Estados Unidos vão ao encontro dos nossos objetivos estratégicos de apoiar parceiros de segurança no seu fortalecimento, interoperacionalidade e maior capacidade”, referiu o Departamento de Estado.

A Administração Trump aprovou nos seus últimos meses vendas de armamento no valor de dezenas de milhares de milhões de dólares, incluindo dos F-35 aos Emirados Árabes Unidos, após a assinatura dos Acordos Abraham, que normalizaram as relações entre deste país e do Bahrein com Israel.

Uma tentativa para bloquear a aprovação da venda no Senado, em dezembro, não obteve os votos necessários.

Os senadores criticaram a rapidez e as dúvidas em relação ao acordo, apresentado pela Administração Trump como parte do esforço para conter a ameaça do Irão no Médio Oriente.

Entre os acordos criticados por membros do Senado está um com a Arábia Saudita, cuja aprovação pelo Congresso o ex-secretário de Estado Mike Pompeo evitou alegando uma situação de emergência.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Inteligência Artificial está a "alimentar" a violação dos direitos humanos, alerta ONU

Num novo relatório, a Organização das Nações Unidas (ONU) alertou os países que o uso imprudente de Inteligência Artificial (IA) pode estar a pôr em causa o respeito pelos direitos humanos. Michelle Bachelet, Alta Comissária das …

Foi viajar e não voltou. O misterioso desaparecimento de Gabby Petito (e do namorado)

Gabrielle Petito, uma jovem norte-americana de 22 anos, desapareceu misteriosamente. Gabby foi viajar com o namorado, que voltou para casa sozinho e não quis contar o que aconteceu — e agora também está desaparecido. Gabby Petito, …

Aos 101 anos, Ginny é a "Senhora Lagosta" e não planeia reformar-se

Virginia Oliver continua a trabalhar na pesca da lagosta, apesar de já ter 101 anos de idade. 'Ginny' não planeia reformar-se e já se tornou um meme na internet. Virginia 'Ginny' Oliver tem 101 anos e …

Dinamarca. Reclusos condenados a prisão perpétua proibidos de iniciar novos romances

Os reclusos que cumprem prisão perpétua na Dinamarca serão proibidos de iniciar novos relacionamentos amorosos, decisão proposta pelo governo após uma jovem de 17 anos se apaixonar por Peter Madsen, que assassinou a jornalista Kim …

Casal queria que o seu filho se chamasse Vladimir Putin. A Suécia não deixou

Na Suécia, os pais são obrigados a comunicar os nomes dos seus filhos recém-nascidos ao Skatteverket nos primeiros três meses a partir do nascimento. Um casal sueco, que vive na cidade de Laholm, foi proibido pela …

44 jogos seguidos sem ganhar. Mas o presidente não está preocupado

O Atlético Mogi não vence qualquer jogo oficial há mais de quatro anos. Perdeu em 42 desses 44 duelos. 17 de Junho de 2017 foi o último dia em que o Atlético Mogi venceu um jogo …

Autárquicas: António Costa promete que os municípios terão mais mil milhões de euros

O secretário-geral do PS, António Costa, indicou hoje, em Celorico de Basto, no distrito de Braga, que os municípios “vão passar a ter, a partir de abril, mais mil milhões de euros que acompanham a …

Mais de trinta anos após ter sido lançada ao mar no Japão, mensagem em garrafa é encontrada no Hawaii

Durante uma viagem ao Hawaii, uma jovem de apenas 9 anos encontrou uma garrafa que foi lançada ao mar há mais de trinta anos. Esta continha uma mensagem que, posteriormente, acabou por revelar uma experiência …

Mais 939 infeções, sete mortes e nova redução nos internamentos

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 939 casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2, sete mortes atribuídas à covid-19 e nova redução nos internamentos em enfermaria e cuidados intensivos. De acordo com o boletim epidemiológico da …

Milionário norte-americano Robert Durst condenado por matar melhor amiga

O milionário norte-americano Robert Durst, tornado famoso por um documentário do canal HBO, foi condenado na sexta-feira num tribunal de Los Angeles, nos Estados Unidos, por matar a melhor amiga, um crime que remonta a …