Há bebés que nascem num dia e fazem dois anos no dia seguinte

Na Coreia do Sul, a idade de uma pessoa não se rege pelo dia em que nasce, mas sim pelo fim do calendário civil. Quando um bebé nasce, fica imediatamente com um ano e, no dia 1 de janeiro, é adicionado outro ano à sua idade.

O sistema de cálculo de idade sul-coreano é, sem dúvida, dos mais bizarros do mundo e tem já causado polémica no país. Isto significa que um bebé que nasça no dia 31 de dezembro, no dia seguinte tem já dois anos de idade.

Este foi o caso da filha de Lee Dong Kil, que nasceu às 22h da véspera de ano novo. Duas horas depois de ter nascido, a sua bebé já tinha dois anos de idade.

O sul-coreano diz que quando a sua filha nasceu, publicou uma foto nas redes sociais e, imediatamente, recebeu mensagens dos amigos e da família a dar-lhe os parabéns. “Uma hora depois, à meia-noite, voltaram-me a ligar a dar os parabéns pelos dois anos de vida da minha filha”.

As origens deste sistema de cálculo de idade não são claras. Ter um ano de idade ao nascer, pode estar relacionado com o tempo que os bebés passam no ventre ou a um antigo sistema numérico asiático que não tinha o conceito de zero. A dúvida permanece em porquê que ficam um ano mais velhos no dia 1 de janeiro.

Jung Yonhak, curador do Museu Nacional de Folclore da Coreia, coloca a possibilidade de antigamente os coreanos não se importarem com o dia em que nasceram, mas sim com o ano.

Oficialmente, a Coreia do Sul utiliza o sistema ocidental para calcular a idade desde os anos 60, mas muitos dos seus cidadãos ainda usam o sistema antigo. Portanto, grande parte dos sul-coreanos está habituado a viver com duas idades: uma ‘idade nacional’ e uma ‘idade ocidental‘.

Ahn Chang-gun, da cidade de Gimhae, no sudeste do país, disse que se sentiu “vazio” quando o seu primeiro filho fez dois anos, no dia 1 de janeiro de 2013, apenas duas semanas depois ter nascido. “Senti que, de repente, dois anos tinham passado e eu não tinha feito nada pelo meu bebé”, disse Ahn, citado pelo Independent.

Em janeiro, o político Hwang Ju-hong apresentou um projeto de lei que exigia que o Governo colocasse as idades internacionais nos documentos oficiais e encorajasse cidadãos a usar essa idade na vida quotidiana.

A sua vizinha Coreia do Norte usa o mesmo sistema de cálculo de idade que os ocidentais, apesar de terem um calendário próprio, baseado no nascimento de Kim Il Sung, fundador e presidente vitalício do país.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Jogadores do Porto irritados com fúrias de Sérgio Conceição

Os jogadores do FC Porto estão incomodados com os ataques de fúria do seu treinador, Sérgio Conceição, que em alguns casos já levaram a situações de humilhação pública. O caso mais mediático foi o de …

Prejuízos na TAP agravam-se e podem afastar Neeleman. Governo já procura novo comprador

A TAP apresentou prejuízos de cerca de 119 milhões de euros no primeiro semestre de 2019, um agravamento de 29 milhões relativamente a 2018. São os resultados negativos mais elevados desde a privatização da companhia …

"Deixem as vacas em paz!" Marcado mega churrasco de protesto na Universidade de Coimbra

Continuam a chover críticas à Universidade de Coimbra depois da decisão de banir a carne de vaca das cantinas. Associações do sector da produção bovina apelam a que se "deixem as vacas em paz" e …

Parte do programa do PDR é literalmente igual ao do PSD

O programa eleitoral do PDR para as legislativas de 6 de outubro é "exactamente igual" ao programa do PSD. São parágrafos inteiros e medidas exactamente iguais, diz o Público. Os programas eleitorais do Partido Democrático Republicano, …

Cofina chega a acordo com Prisa. TVI vendida por 255 milhões de euros

A Cofina SGPS anunciou este sábado ter chegado a acordo com a espanhola Prisa para comprar a totalidade das ações que detém na Media Capital, valorizando a empresa em 255 milhões de euros. Em comunicado enviado …

BE é feminista porque "isso é querer igualdade e segurança" (e não queima pontes)

A coordenadora nacional do Bloco de Esquerda assumiu sexta-feira o partido como feminista, explicando que "isso é querer igualdade e segurança" para ambos os sexos, e que é preciso "mudar as regras do jogo em …

O mistério da origem do estanho da Idade do Bronze foi finalmente resolvido

A origem do estanho usado na Idade do Bronze tem sido um dos maiores enigmas da pesquisa arqueológica. Agora, investigadores resolveram parte do quebra-cabeças. Um grupo de arqueólogs da Universidade de Heidelberg e do Centro de …

Votos postais dos portugueses no Reino Unido estão a ser devolvidos aos remetentes

Os correios britânicos estão a investigar "com urgência" a razão pela qual os envelopes com os votos postais dos portugueses residentes no país estão a ser devolvidos aos remetentes, informou hoje uma fonte oficial à …

Fuligem da poluição do ar encontrada na placenta de mulheres grávidas

Manchas de fuligem expelidas de motores de automóveis e centrais de combustíveis fósseis podem ser encontradas no lado fetal da placenta. Uma equipa liderada por cientistas da Universidade Hasselt, na Bélgica, estudou as placentas após o …

Mosquitos geneticamente modificados libertados no Brasil estão a reproduzir-se

O inesperado aconteceu: mosquitos geneticamente modificados estão a reproduzir-se no Brasil. A empresa responsável pela criação destes insetos mutantes realça que não há perigo para a saúde das pessoas. O plano para reduzir a população local …