BCE arrasou propostas, mas Centeno diz que “são detalhes”

José Sena Goulão / Lusa

O ministro das Finanças, Mário Centeno

O Banco Central Europeu arrasou as propostas de Centeno para a reforma da supervisão financeira. O ministro das Finanças responde que “são detalhes” e garante que independência do Banco de Portugal não está em causa.

Na passada quinta-feira, o Banco Central Europeu criticou a proposta de Mário Centeno para a reforma da supervisão financeira. No mesmo dia, o ministro das Finanças disse que iria clarificar o que fosse preciso. Mas foi esta sexta-feira que Centeno subiu de tom e não se deixou ficar.

São decisões políticas nacionais, de interesse nacional, que não são contrárias aos tratados – como a questão da IGF (Inspeção Geral de Finanças). Não podemos imaginar que as decisões de política nacional possam ser ditadas por outros órgãos que não sejam os órgãos competentes no país”, afirmou.

Em declarações aos jornalistas, o ministro lembra que a proposta de lei do Governo está a ser discutida pelos partidos e afirma que “o Parlamento – que é obviamente soberano no papel legislativo – vai fazer o seu trabalho”.

“Não me passa pela cabeça que alguma dessas opções viole os tratados, nem a independência que – de forma muito determinada – Portugal atribui ao Banco de Portugal, nas competências em que essa independência está protegida pelos tratados”, disse ainda o governante, citado pelo Observador.

No documento, o supervisor europeu mostra que não está satisfeito com algumas das disposições da proposta, acreditando que podem “criar um nível suplementar de pressão política sobre o exercício das responsabilidades do governador”. Além disso, o BCE critica a intenção de ter a Inspeção-Geral de Finanças (IGF) a escrutinar a atividade do Banco de Portugal.

Mário Centeno desvaloriza. Para o ministro, a proposta de lei é “absolutamente essencial para a reforma do sistema financeiro português, para torná-lo mais robusto” e as críticas do parecer do BCE “são detalhes, não são fatores centrais”.

“Nas medidas que são centrais nessa reforma – seja no tratamento da resolução bancária, seja ao nível da política macroprudencial -, o BCE reconhece o total alinhamento desta proposta com aquilo que é o quadro europeu de políticas macroprudenciais e de resolução. Não há rigorosamente nenhum problema sobre isso”, garante.

EM relação ao facto de a IGF poder colocar em causa a independência do Banco de Portugal, Centeno responde que a IGF é reconhecida no parecer do BCE “como uma entidade com autonomia técnica para executar em nome do Estado, em todas as entidades do domínio público, inspeções, sindicâncias” e assegura que é “expressamente salvaguardada” a ação do Banco de Portugal no âmbito da política monetária e dos bancos centrais europeus.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

    • Não sei se passamos de império a protectorado. No entanto sei que em 45 anos passámos de um país atrasado, pobre, analfabeto, com altos índices de mortalidade infantil, para um país exemplar nestes domínios a nível mundial. O facto concreto é que as pessoas vivem muitíssimo melhor que há 45 anos atrás. Sem negar que existem ainda gravíssimos problemas a resolver, eu sinto nojo é do sentimento nacionalista bacoco que defende Impérios de gente atrasada, pobre e mal formada em contra-ponto a um dos países mais seguros do mundo: Portugal em 2019.
      Cumprimentos.

  1. O BCE tem feito um excelente trabalho e a crise provocada pela máfia da banca mundial não afectou nada a zona euro… ah, espera!….
    Não é no BCE que estão os “infiltrados” da banca mundial e onde o Vítor Constâncio, depois do excelente trabalho no BdP, esteve 8 anos como vice-presidente?!
    Pois…

RESPONDER

Fernando Pimenta conquista medalha de prata em K1 1000

O canoísta português conquistou, esta quarta-feira, a medalha de prata na prova de K1 1000 dos II Jogos Europeus, elevando para 10 o número de pódios de Portugal em Minsk, igualando Baku 2015. Na central pista …

Cientista revela por que os mosquitos só picam algumas pessoas

O cientista Joop van Loon revelou o motivo pelo qual os mosquitos costumam picar mais algumas pessoas do que outras. De acordo com o especialista, são os compostos químicos presentes na pele dos humanos que …

ESA prepara-se para intercetar pela primeira vez um cometa puro

A Agência Espacial Europeia (ESA) desenvolveu um projeto que visa intercetar um cometa puro - um corpo celeste que nunca passou pelo Sistema Solar -, quando este se aproximar da órbita da Terra em meados …

Astrónomos encontraram uma nova (e surpreendente) cratera em Marte

Marte não se "magoa" facilmente mas, quando acontece, o resultado pode ser quase comparado a uma obra de arte. Uma cratera, descoberta em abril pela sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO), é a prova disso. Notável não só …

Elon Musk alerta: Civilização pode colapsar daqui a 30 anos

De acordo com Elon Musk, uma "bomba populacional" vai surgir nas próximas décadas, quando uma população mundial cada vez mais idosa chocar com a queda das taxas de natalidade em todo o mundo. Esta não é …

O mundo árabe está menos religioso. Mas continua homofóbico

Há cada vez mais árabes que dizem não ter religião. Esta é a principal conclusão de uma grande sondagem feita a mais de 25 mil cidadãos de países árabes pelo centro de pesquisa Arab Network …

Tina morreu durante 27 minutos e foi ressuscitada 8 vezes. Quando acordou, escreveu "é real"

Uma mulher norte-americana entrou em paragem cardíaca em fevereiro de 2018 quando se preparava para fazer uma caminhada com o seu marido Brian. Depois de desmaiar, Brian ressuscitando-a duas vezes antes de os paramédicos chegarem para …

"Homem-árvore" pede que as suas mãos sejam amputadas

Abul Bajandar, um homem de 28 anos do Bangladesh conhecido como "Homem-árvore" devido às incomuns verrugas que nascem nos seus membros, pediu que as suas mãos fossem amputadas para aliviar as dores insuportáveis.  Bajandar sofre de …

EUA. Senadores republicanos do Oregon fogem para não aprovar lei ambiental

Senadores estaduais do Oregon, nos Estados Unidos (EUA), encontram-se a monte desde quinta-feira para não votarem uma lei ambiental. Procurados pela polícia, voltaram este domingo a faltar a uma sessão legislativa, impedindo que haja quórum …

O planeta enfrenta um "apartheid climático"

O planeta está confrontado com um “'apartheid' climático”. De um lado, os ricos que se podem adaptar melhor às alterações climáticas, e do outro, os pobres que vão sofrer mais, disse esta segunda-feira um especialista …