Os balões da DARPA poderão pairar na borda do espaço para sempre

(dr) Project Loon

Um sensor que deteta a direção do vento a quilómetros de distância permitirá que os balões de vigilância da DARPA pairem no limite do espaço indefinidamente.

Como o próprio nome indica, balões estratosféricos são balões que ficam na estratosfera, a camada da atmosfera da Terra que começa a aproximadamente 60.000 pés acima de sua superfície.

A NASA começou a utilizar estes balões na década de 1950. No entanto, o problema dos balões estratosféricos, que nem a NASA conseguiu resolver, é que esta estrutura não se mantém no mesmo lugar durante muitos dias. Os ventos da estratosfera espalham estes balões de uma forma que os cientistas ainda não conseguem prever.

Com parte do seu progama Adaptable Lighter-Than-Air (ALTA), a DARPA – a Agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa dos Estados Unidos – está a testar um sensor, chamado Strat-OAWL, que usa lasers para deduzir a velocidade e direção da rajada de vento que leva para longe um balão estratosférico.

Segundo o Futurism, esta dedução é feita através do brilho dos pulsos de laser em duas direções. Isto é, parte da luz do laser reflete-se no ar, retornando à unidade do sensor, que analisa o seu comprimento de onda. As alterações no comprimento de onda permitem que o Strat-OAWL determine a velocidade do ar que reflete a luz, bem como a direção na qual se move.

Assim, o balão estratosférico pode ajustar a sua altitude de modo a se encontrar com o vento favorável, ou seja, o vento que estiver a soprar na mesma direção para onde o balão se quer mover, garantindo assim que este balão estratosférico permanece numa área indefinidamente.

É muito difícil prever de que forma os militares norte-americanos podem usar um balão estratosférico que nunca se move.

Alex Walan, responsável pelo ALTA, disse ao MIT Technology Review que não poderia revelar detalhes do papel militar da tecnologia, mas adiantou que os militares expressaram vontade de utilizar estes balões em operações de vigilância.

Em 2017, o almirante da Marinha dos Estados Unidos, Kurt Tidd, observou durante um simpósio de inteligência geoespacial que os militares acreditavam que os balões estratosféricos poderiam ter algumas “aplicações interessantes” se fossem capazes de permanecer no ar durante 180 dias ou mais.

“Achamos que os balões estratosféricos podem ter o potencial de ser uma grande plataforma de vigilância de longa duração”, disse Tidd. Se o sensor da DARPA funcionar, esta plataforma de vigilância pode estar à espreita na borda do espaço em breve.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas reverteram principal sintoma da esquizofrenia em camundongos

Um medicamento que está atualmente a ser desenvolvido para tratar a leucemia reverteu (em camundongos) um sintoma de esquizofrenia anteriormente intratável: o enfraquecimento da memória de trabalho. A memória de trabalho é um processo cerebral fundamental usado …

Para as criaturas marinhas, as doenças infecciosas são a sentinela da mudança

Uma recente investigação analisou as mudanças nas doenças relatadas em espécies submarinas num período de 44 anos. A conclusão não surpreende: a saúde dos oceanos está a piorar a passos largos. A compreensão das tendências oceânicas …

Solidariedade e ambiente. Nos EUA, já é possível doar as suas peças Lego

Nunca somos demasiado velhos para brincar com peças Lego. No entanto, se estiver a ficar sem espaço para as arrumar e estiver à procura de uma forma de garantir que os seus blocos acabam em …

Eis os primeiros smartphones pensados e fabricados em África

https://vimeo.com/365789486 No Ruanda nasceram os primeiros rebentos do grupo Mara, que anunciou o lançamento dos seus dois primeiros smartphones. São os primeiros a serem totalmente fabricados em África. Estes são os dois primeiros smartphones totalmente fabricados em …

Siza Vieira recebe Grande Prémio da Academia de Belas-Artes francesa

O arquitecto Álvaro Siza Vieira recebeu o Grande Prémio de Arquitetura da Académie des Beaux-Arts, pelo conjunto do seu percurso, no valor de 35 mil euros. “É uma grande honra, porque é um prémio importante. É …

Para os jovens refugiados, um telemóvel pode ser tão importante quanto comida ou água

Entre 2015 e 2018, mais de 200.000 jovens não acompanhados reivindicaram asilo na Europa. Muitos deles, agora na União Europeia, têm uma coisa em comum: os seus smartphones. Não são apenas ferramentas para entretenimento nem uma …

Cientistas observaram pela primeira vez porcos a usar ferramentas

Uma equipa de cientistas registou pela primeira vez uma família de javalis das Visayas, num jardim zoológico em Paris, a usar paus para cavar e construir ninhos. Os porcos não gostam só de chafurdar na lama …

Transição verde: o mundo tem muito a aprender com uma pequena cidade na Islândia

Uma pequena cidade no norte da Islândia tornou-se quase neutra em dióxido de carbono (CO2). Uma equipa de cientistas viajou até ao país insular nórdico para descobrir como podemos aprender com esta cidade. Atualmente, as cidades …

Adolfo Mesquita Nunes não será candidato à liderança do CDS

Adolfo Mesquita Nunes anunciou este domingo que não será candidato à liderança do CDS. A garantia foi deixada pelo próprio, na sua página pessoal de Facebook, depois de ter sido desafiado por António Pires de …

Afastado desde a noite eleitoral, Rui Rio volta para lançar suspeitas sobre a RTP

Afastado dos holofotes desde a noite eleitoral e sem dizer se se vai recandidatar à liderança do PSD, Rui Rio recorreu ao Twitter para comentar as suas suspeitas sobre a RTP. O líder social-democrata recorreu às …