AT&T ajudou a NSA a espiar comunicações

A Agência de Segurança Nacional (NSA) dos Estados Unidos encontrou na companhia de telecomunicações AT&T um parceiro particularmente eficaz para espiar as comunicações, segundo novas informações encontradas nos documentos do antigo consultor Edward Snowden.

De acordo com o The New York Times e o ‘site’ de jornalismo de investigação ProPublica, que continuam a descodificar dados divulgados, a norte-americana AT&T é descrita como uma empresa “extremamente cooperativa“, que demonstrou “uma grande vontade de colaborar”.

Segundo o The New York Times, não é claro se o programa descrito pelos documentos, datados entre 2003 e 2013, continua ativo hoje em dia.

Os documentos mostram que a AT&T permitiu à NSA ter acesso a milhares de ‘emails’ trocados em território norte-americano, incluindo na sede da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova Iorque, local onde aquela companhia norte-americana é a fornecedora do acesso à Internet.

A vigilância das trocas eletrónicas da sede das Nações Unidas foi ordenada por um tribunal federal internacional, segundo os documentos.

Washington disse, entretanto, à ONU que não mais iria recolher dados sobre as suas comunicações.

As empresas de telecomunicações Verizon e MCI também colaboraram com a NSA.

A AT&T começou em 2011 a fornecer diariamente à NSA mais de um milhar de registos de telemóveis. O objetivo era obter um fluxo “operacional antes do décimo aniversário do 11 de setembro”, indicam os documentos analisados pelos média.

Depois das revelações de Edward Snowden em 2013, as autoridades afirmaram que a vigilância das comunicações dizia respeito essencialmente às linhas fixas e não de telemóveis.

Edward Snowden está na Rússia ao abrigo de um asilo temporário que lhe foi concedido a 01 de agosto de 2013 pelo prazo de um ano e prolongado por mais três anos em agosto de 2014.

Acusado de espionagem nos Estados Unidos, arrisca uma pena de prisão de até 30 anos no seu país.

Os documentos que Snowden enviou a alguns jornalistas revelavam programas de espionagem de uma dimensão até então totalmente desconhecida.

A recolha pela NSA de metadados das chamadas telefónicas, incluindo nos Estados Unidos, e sem qualquer controlo judicial, preocupou particularmente os defensores das liberdades individuais.

A Casa Branca rejeitou, no final de julho, uma petição assinada por 167.954 pessoas de perdão incondicional para o ex-consultor da NSA que desvendou as reais dimensões da rede de espionagem eletrónica dos Estados Unidos.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

NASA gravou acidentalmente a explosão de um cometa a aproximar-se do Sol

Astrónomos usaram dados do telescópio espacial TESS para estudar a explosão de um cometa durante a sua aproximação ao Sol. A investigação resultou num artigo publicado em novembro na revista científica Astrophysical Journal Letters. Foi a …

Objeto de Hoag é uma galáxia dentro de uma galáxia (que está dentro de outra galáxia)

Se observar atentamente a Constelação da Serpente poderá ver uma galáxia dentro de uma galáxia que, por sua vez, está dentro de outra galáxia. Este grande mistério do Universo é conhecido como Objeto de Hoag. Descoberto …

Parker Solar Probe lança nova luz sobre o Sol

Em agosto de 2018, a Parker Solar Probe da NASA foi lançada para o espaço, tornando-se pouco tempo depois a sonda mais próxima do Sol. Com instrumentos científicos de ponta para medir o ambiente em …

Encontrado no mar das Malvinas navio alemão da I Guerra Mundial 105 anos depois de naufragar

O naufrágio de um cruzador alemão da I Guerra Mundial foi identificado nas Ilhas Malvinas, onde foi afundado pela Marinha britânica há 105 anos. O SMS Scharnhorst foi o principal ativo da esquadra alemã na Ásia …

Boavista 1-4 Benfica | Águia goleia no xadrez do Bessa

O Benfica deu o pontapé de saída da 13ª jornada com uma vitória competente na visita ao Boavista, por 4-1. Num jogo potencialmente perigoso para as aspirações “encarnadas”, frente a um adversário com somente uma derrota …

Cientistas desenvolvem técnica para determinar o humor através da caligrafia

Uma equipa de cientistas estudou a biomecânica dos movimentos das mãos a escrever e a desenhar, e desenvolveu um método para avaliar as propriedades individuais da velocidade de escrita e da pressão do lápis no …

Quase seis mil denúncias de agressões sexuais em viagens da Uber nos EUA

A plataforma de transporte de passageiros Uber divulgou na quinta-feira um relatório, revelando quase seis mil denúncias de agressões sexuais a utilizadores, motoristas e terceiros nos Estados Unidos (EUA), em 2017 e 2018. No relatório de …

Polícia de Los Angeles vai usar dispositivo "ao estilo Batman" para prender suspeitos

A polícia de Los Angeles, nos Estados Unidos, vai adotar, no início do próximo ano, um novo dispositivo, conhecido como BolaWrap 100, que dispara um cinto de fibra sintética a uma velocidade de 200 metros …

Corriere dello Sport defende-se das acusações e garante ser "inimigo do racismo"

O jornal desportivo italiano Corriere dello Sport afirmou esta sexta-feira ser “inimigo do racismo”, defendendo-se das críticas motivadas pela manchete de quinta-feira, com o título “Black Friday” e ilustrada com os futebolistas negros Romelu Lukaku …

Alisadores e tintas para cabelo podem aumentar o risco de cancro da mama

Alisadores e tintas para cabelo são dois produtos comummente utilizados por mulheres. Um novo estudo sugere que estes podem aumentar o risco de cancro da mama, especialmente em mulheres negras. Muitos produtos capilares contêm compostos que …