Atraso em concurso custa meio milhão por mês em helicópteros

Tiago Petinga / Lusa

Termina este domingo o contrato de aluguer dos 3 helicópteros que estão ao serviço do INEM. O atraso no concurso para os substituir, que foi aprovado em abril mas só foi lançado em novembro, vai custar quase meio milhão de euros por mês em ajuste directo.

O Instituto Nacional de Emergência Médica teve de recorrer a contratos por ajuste directo, no valor de 487 mil euros por mês, para alugar a partir de 1 de janeiro os 4 helicópteros de que necessita para resposta a emergências.

Segundo o jornal Público, o concurso para substituição do contrato actual de aluguer de helicópteros com a Babcock, que termina este domingo, foi aprovado em abril mas só foi lançado em Novembro.

O atraso no lançamento do concurso obriga agora o INEM a contratar imediatamente, por ajuste directo, helicópteros que possam estar disponíveis para resposta médica de emergência a partir de 1 de Janeiro – uma solução de recurso que, diz o Público, vai ter um custo para o Estado de 487 mil euros mensais.

O INEM tem 3 helicópteros contratados à Babcock, antiga Inaer, mas o actual contrato, em vigor desde 2013, termina a 31 de Dezembro. Na melhor das hipóteses, o concurso internacional, lançado a 3 de novembro, deverá estar concluído em Março.

O INEM teve que recorrer a contratos por ajuste directo com a mesma empresa, para que esta assegure “uma espécie de prolongamento do contrato” enquanto decorre a tramitação do concurso público.

Segundo uma fonte do INEM, citada pelo jornal, a demora deveu-se ao facto de este ser “um procedimento novo, diferente dos que o INEM estava habituado a fazer“, uma vez que juntamente com a contratação dos aparelhos, o concurso implica ainda desta vez a contratação de médicos e enfermeiros no mesmo pacote.

O concurso, que responsáveis do sector da saúde ouvidos o mês passado pelo Sexta às 9, consideram uma “privatização da ajuda médica de emergência“, coloca pela primeira vez no caderno de encargos não apenas o aluguer dos aparelhos, mas também a subcontratação dos médicos e enfermeiros pela empresa contratada.

“Nós estamos completamente contra a comercialização de enfermeiros e médicos como se fossem helicópteros, carros, paredes”, disse na altura ao programa da RTP a bastonária da Ordem dos Enfermeiros, Ana Rita Cavaco.

O concurso poderá render à empresa vencedora 45 milhões de euros em 5 anos, mas até as empresas em teoria interessadas em concorrer olham para o caderno de encargos e dizem que dificilmente irão a jogo, queixando-se de que os moldes do concurso terão sido “feitos à medida”.

Apenas uma empresa parece estar em condições de concorrer: a Babcock, actual fornecedora do serviço. Precisamente a empresa que, realça o Sexta às 9, há dois anos ofereceu ao actual presidente do INEM, Luís Meira, um curso de formação em Alicante.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Depois andam por ai umas vozes a dizer que enquanto o governo estiver refem da esquerda o pais tem dificuldade em avançar…..o pais nao avança mais porque ainda se protegem interesses privados em vez de se pensar em termos de boa gestao de recursos financeiros enfim ja estou é um pouco de idade pra frente senao ia morar para um pais onde nao se protegessem tantos interesses privados

RESPONDER

Braga vence FC Porto e conquista Taça da Liga. Sérgio coloca lugar à disposição

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto por 1-0 e conquistou a Taça da Liga, com Ricardo Horta a marcar o golo decisivo aos 90+5, garantindo um troféu que os bracarenses já tinham …

Rara moeda de ouro com a cara de Eduardo VIII vendida por preço recorde

Uma rara moeda de ouro com o perfil do rei britânico Edward VIII foi vendida a um comprador particular pelo valor recorde de 1,3 milhões de dólares. A informação é avançada pela Royal British Mint, a …

Depois dos incêndios, Austrália está prestes a experimentar uma "bonança" de aranhas mortais

Depois dos incêndios florestais que assolaram o país, os australianos começaram a implorar por chuva. O bónus de aranhas mortais não estava incluído no pedido, mas os especialistas do Australian Reptile Park acreditam que é …

Governo admite retirar cidadãos nacionais de Wuhan

As autoridades portuguesas estão a cooperar com outros países europeus para reforçar o apoio aos cidadãos nacionais que se encontram em Wuhan, onde ocorreram os primeiros casos do novo coronavírus, admitindo a possibilidade de retirá-los …

Os cogumelos podem ser muito mais antigos do que pensávamos

Os cogumelos podem ser mais antigos do que pensávamos, concluíram cientistas que dataram vestígios de micélio (constituinte dos cogumelos) com 800 milhões de anos, divulgou esta quarta-feira a Universidade Livre de Bruxelas, na Bélgica. Estudos anteriores …

Comer iogurte natural pode ajudar a reduzir o risco de cancro da mama

Uma das causas mais apontadas para o cancro da mama é a inflamação causada por bactérias nocivas. Esta tese ainda não foi provada, mas é apoiada pelas evidências até agora disponíveis de que a inflamação …

Primeiro caso suspeito de infeção por coronavírus detetado em Portugal

Foi detetado o primeiro caso suspeito de infeção infeção pelo novo coronavírus , em Portugal, anunciou este sábado a Direção-Geral de Saúde. “Este doente, regressado hoje [este sábado] da China, onde esteve na cidade de Wuhan …

Slava Semeniuta transforma chuva em atmosfera néon

O artista e fotógrafo russo Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, mistura elementos naturais e faz mágica com eles. Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, retoca fotografias de poças de água para criar composições …

Empresa quer vender dispositivos que extraiem água potável do ar

A empresa israelita Watergen está a planear começar a vender uma versão para o consumidor do seu aparelho que extrai água potável do ar ainda este ano. A tecnologia do gerador atmosférico da empresa está em …

"Sem padrinhos, nem donos". Líder da JP levanta congresso centrista

O candidato à liderança do CDS Francisco Rodrigues dos Santos arrancou este sábado no congresso centrista, que está a decorrer em Aveiro, a maior ovação dos delegados, com um discurso inflamado, em defesa de um …