Assassinado o imã da maior mesquita da China

c.v. CCTV / YouTube

Jume Tahir, o imã da maior mesquita da China

Jume Tahir, o imã da maior mesquita da China

O imã da maior mesquita da China, situada na conflituosa região noroeste de Xinjiang, foi assassinado por três homens. Dois dos atacantes foram mortos a tiro pela polícia e o terceiro capturado, indicou a agência oficial chinesa Xinhua.

Jume Tahir, de cerca de 70 anos e conhecido pelas suas afinidades com a linha oficial do regime e por criticar a crescente violência dos grupos separatistas e jihadistas que atuam em Xinjiang, era o líder religioso da mesquita de Id Kah, na cidade de Kashgar, principal centro histórico e cultural da etnia uigure, de religião muçulmana.

O clérigo foi encontrado na quarta-feira, “num mar de sangue”, nas proximidades da mesquita, segundo testemunhas que descreveram que este foi “selvaticamente morto”.

O crime ocorreu na mesma semana em que a imprensa oficial chinesa denunciou a morte de “dezenas de pessoas” noutro ataque no município de Kashgar, onde grupos armados atacaram uma esquadra e vários transeuntes em duas aldeias vizinhas.

As informações em torno do caso são confusas, já que, aparentemente, muitos dos mortos foram abatidos pela polícia para tentar travar o ataque.

Segundo ‘media’ independentes e grupos uigures no exílio, o número de vítimas mortais pode oscilar entre os 20 e os 100.

Ambos os casos se deram na mesma semana em que os muçulmanos de Xinjiang, como os de todo o mundo, celebram uma das suas principais festividades, o fim do Ramadão.

Centenas de pessoas morreram em ataques que Pequim atribui a terroristas e em confrontos entre as autoridades e grupos separatistas que atuam em Xinjiang, região habitada por minorias étnicas de religião muçulmana como os uigures.

Por estes episódios de violência — entre os quais o do passado dia 22 de maio, que fez 39 mortos e mais de 90 feridos, num atentado com viaturas armadilhadas num mercado de Urumqi, a capital regional -, a China culpa os grupos associados à Jihad e que aspiram à criação de um Turquestão Oriental independente em Xinjian.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Retoma da normalidade". Bruxelas propõe este mês livre-trânsito digital para vacinados e recuperados

A Comissão Europeia vai apresentar este mês uma proposta legislativa para criar um livre-trânsito digital que permita retomar as viagens em altura de pandemia de covid-19, comprovando a vacinação ou a recuperação dos cidadãos. A informação …

Noiva de Khashoggi pede "punição imediata" de Mohammed bin Salman

As declarações da noiva de Jamal Khashoggi surgem depois de as autoridades norte-americanas terem publicado um relatório em que Mohammed bin Salman é acusado de ter ordenado o assassínio do jornalista. Joe Biden está a ser …

Covax permite que países mais pobres comecem a receber a vacina (mas só garante 20% da vacinação)

A Covax visa fornecer vacinas contra a covid-19 a 20% da população de 200 países e territórios que estão incluídos no sistema através de um sistema de financiamento que permite a 92 economias de baixo …

Reino Unido vacinou 20 milhões com 1.ª dose. País deteta casos de variante de Manaus

O ministro da Saúde britânico, Matt Hancock, anunciou no domingo que mais de 20 milhões de pessoas no Reino Unido já receberam a primeira dose da vacina contra covid-19. "Estou absolutamente encantado por informar que mais …

Famílias numerosas já podem pedir desconto no IVA da luz

As famílias com cinco ou mais elementos podem pedir a redução do IVA da eletricidade ao seu fornecedor a partir desta segunda-feira e têm de comprovar a sua condição de família numerosa. Em causa está a …

Netflix foi a grande vencedora da noite dos Globos de Ouro

  A 78.ª edição dos Globos de Ouro decorreu de forma virtual, com apresentação de Tina Fey e Amy Poehler e a participação de alguns dos laureados do ano passado. Os Globos de Ouro, prémios de cinema …

Portugal regista mais 34 óbitos e 394 novos casos. O menor número desde setembro

Portugal registou esta segunda-feira 394 novos casos de infeção por covid-19 e mais 34 mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS), nas …

Nicolas Sarkozy condenado a três anos de prisão por corrupção

Nicolas Sarkozy foi esta segunda-feira condenado a três anos de prisão por corrupção e tráfico de influências, tornando-se o segundo chefe de Estado condenado em França, após Jacques Chirac em 2011. O ex-Presidente francês foi condenado …

Câmara de Lisboa oferece viagem de táxi a idosos que vão tomar a vacina

Os residentes em Lisboa com mais de 80 anos ou 50 anos e patologias associadas podem deslocar-se gratuitamente de táxi para tomar a vacina contra a covid-19. Os custos da viagem são assumidos pela autarquia …

Liquidez é "abundante" mas "é preciso fazê-la chegar" à economia, diz Centeno

O governador do Banco de Portugal, Mário Centeno, indicou que a crise de 2008 e de 2020 não são comparáveis devido à abundância de dinheiro disponível e que há liquidez para travar o impacto económico, mas …