Arguido do caso Lava Jato detido em Portugal foi posto em liberdade

(dr) gallery.brasilenergia.com

Raul Schmidt Felippe Junior, operador financeiro luso-brasileiro detido no âmbito da Operação Lava Jato

Esta quinta-feira, o empresário Raul Schmidt, detido em Portugal a 3 de fevereiro por ser arguido na chamada operação Lava jato, no Brasil, foi libertado.

Raul Schmidt, operador financeiro luso-brasileiro detido em Portugal no âmbito da Operação Lava Jato, foi posto em liberdade pelo Tribunal da Relação de Lisboa.

“O cidadão português de origem Raul Schmidt Filipe Júnior foi hoje posto em liberdade, na sequência de incidente suscitado pela sua defesa, com vista a que os tribunais portugueses não executem a sua extradição para o Brasil, sem antes apreciarem e decidirem se, enquanto nacional português de origem, o mesmo pode ser extraditado para aquele país, que não extradita brasileiros de origem”, refere um comunicado da defesa do empresário enviado à Lusa.

De acordo com o Diário de Notícias, a justiça brasileira pretende que Schmidt seja extraditado para o Brasil, onde é suspeito de branqueamento de capitais, corrupção e organização criminosa.

Por sua vez, a defesa do arguido alega que “enquanto nacional português de origem” não deve ser extraditado para o Brasil, “país que não extradita brasileiros de origem”, segundo um comunicado enviado ao jornal.

Raul Schmidt Filipe Júnior “tem nacionalidade portuguesa originária, por nascimento (nasceu neto de portugueses), por força da Lei Orgânica nº 9/2015, de 29 de julho”, norma legal que entrou em vigor apenas a 1 de julho de 2017.

Ainda assim, a “nacionalidade originária produz efeitos desde o nascimento e não somente desde o registo por averbamento da atribuição de nacionalidade”, defendem os advogados do arguido.

Raul Schmidt fica agora a aguardar a decisão da justiça portuguesa.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Bonito…
    Montes de bandidos brasileiros cometem crimes em Portugal e depois fogem para o Brasil ondr andam à “vontade”, e agora já há brasileiros que cometem crimes no Brasil e fogem para Portugal, fazendo-se passar por portugueses só porque o avô era português?!!
    Por muito que inventem leis manhosas, este bandido não é nem nunca foi português, por isso há que o extraditar imediatamemte para o Brasil!!

  2. Quando Portugal se recusou a extraditar Duarte Lima para pagar pelo crime lá cometido, ficámos a saber que Brasil e Portugal estão em competição para provar qual o melhor abrigo para os bandidos de ambos os países.

RESPONDER

Tony transformou autocarro em Arca de Noé para salvar animais do Florence

Enquanto muitos americanos fugiam do furacão Florence, um camionista de 51 anos fazia o percurso inverso com uma missão em mente. Dentro de um autocarro, Alsup transportou mais de 60 animais da costa da Carolina …

Mais de 500 rinocerontes mortos na África do Sul este ano

A caça furtiva na África do Sul causou a morte a 508 rinocerontes, entre janeiro e agosto deste ano, o que significa um decréscimo no número de espécimes caçados, em relação a 2017, anunciou o …

Número de mortos em naufrágio na Tanzânia sobe para 170

O número de pessoas que morreram no naufrágio de um navio de passageiros no lago Vitória, na Tanzânia, subiu para 170, de acordo com os meios de comunicação locais. As operações de resgate recomeçaram na manhã …

Há um satélite-pescador no espaço

O Satélite britânico RemoveDebris está a navegar no espaço desde junho e lançou com sucesso uma rede em órbita com o objetivo de capturar material que anda à deriva em redor da Terra. O satélite-pescador britânico …

Governo cumpriu “rigorosamente” acordo com setor do táxi

O Ministro Ambiente, João Matos Fernandes, disse este sábado que o governo cumpriu “rigorosamente” o acordo que assinou com a duas associações que representam os taxistas para a modernização do setor. "Não é verdade que se …

Juízes defendem acórdão que desvaloriza violação de mulher inconsciente

A Associação Sindical dos Juízes Portugueses sai em defesa dos dois magistrados, um dos quais o presidente da entidade, que assinaram o acórdão que desvaloriza a gravidade da violação de uma mulher inconsciente, numa discoteca, …

Salas para maiores de 18 anos levam à demissão do director de Serralves

O director artístico do Museu de Arte Contemporânea de Serralves, João Ribas, demitiu-se do cargo depois de a administração ter limitado a maiores de 18 anos uma parte da exposição dedicada ao fotógrafo norte-americano Robert …

Isabel do Santos desmente ação contra João Lourenço mas processo deu entrada no Supremo

Isabel do Santos, filha do antigo Presidente da Angola, desmente ter entrado com uma ação contra o atual Presidente João Lourenço. No entanto, o processo cível contra o Estado deu entrada no Supremo. De acordo …

Arqueólogos fazem "descoberta do Século" no Tejo (e tem pimenta)

Uma equipa de arqueólogos da Câmara Municipal de Cascais, do Projeto Municipal da Carta Arqueológica Subaquática do Litoral, descobriu uma nau que terá naufragado entre 1575 e 1625, e que é considerada a “descoberta do …

ADSE adia implementação de novas regras para tentar acordo com privados

Os hospitais privados e ADSE continuam com o braço de ferro, mas, por agora, os privados não vão deixar de operar beneficiários da ADSE. O boicote anunciado esta manhã foi adiado. Esta manhã, o o semanário …