Apple, Google e Tesla acusadas de lucrar com trabalho infantil

Microsoft, Tesla, Dell, Apple e Google estão entre as gigantes tecnológicas que estão a ser acusadas de compactuar com fornecedores de cobalto que usavam crianças para trabalhar nas minas na República Democrática do Congo.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, o trabalho de produção de um componente importante para as baterias causaram mortes e ferimentos graves a várias crianças.

O mineral, que é um componente essencial das baterias de lítio utilizadas em smartphones, tablets, computadores portáteis e veículos elétricos, provém maioritariamente (60%) do sudeste da RD Congo e tem vindo a registar uma forte procura nos últimos anos, acompanhando o desenvolvimento da tecnologia.

Este poderá ser um processo com implicações profundas no setor tecnológico mundial, desde logo porque as maiores empresas estão identificadas como clientes de empresas que usavam crianças para trabalhar nas minas.

O processo foi apresentando em Washington DC, nos EUA, pela International Rights Advocates em representação de 14 pais e crianças congolesas. “O boom tecnológico intensificou a procura de cobalto por parte das empresas”, explicou a International Rights Advocates, respresentante das famílias.

Os queixosos argumentam que as crianças estavam a trabalhar ilegalmente em minas de cobalto detidas pela britânica Glencore, que escoa parte da produção para a empresa Umicore que, por sua vez, vende este minério a empresas como as gigantes tecnológicas referidas.

As crianças tentavam fugir à pobreza extrema, trabalhando a troco de um a dois dólares (0,90 a 1,79 euros) por dia nas minas, escavando à procura de pedras de cobalto com ferramentas primitivas dentro de túneis subterrâneos escuros.

“O cobalto é minerado na RD Congo em condições extremamente perigosas”, explicou a associação. Aliás, estas condições de trabalho terão levado à morte e a ferimentos graves em várias crianças, algumas das quais terão ficado paralisadas na sequência de acidentes, como derrocadas nos túneis.

ZAP ZAP //

 

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. os 3 pedofilos bem protegidos pelo capitalismo sistema vampiro o tal sistema quando ha lucro e so para as bestas do costume e quando ha prejuizo ai viram logo comunistas e distribui-se o prejuizo pelo povo

    assim funciona o sistema as custas dos do costume

  2. e depois de podres de ricos à custa da desgraça e sofrimento alheio viram filantropos e constroem barracões em África a que chamam escolas. forca com esses escroques todos.

RESPONDER

Esta época há menos 500 clubes. "É o drama absoluto", diz presidente da FPF

Esta época há menos 500 clubes em comparação com a temporada transata. O presidente da FPF, Fernando Gomes, classifica a situação de "drama absoluto". A pandemia de covid-19 e a consequente interrupção das competições foi um …

Psicólogos no recrutamento e mudanças na formação. IGAI quer acabar com discriminação na polícia

A Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) quer envolver psicólogos no processo de recrutamento de novos polícias e rever os currículos de formação para acabar com práticas discriminatórias nas forças de segurança. As alterações no processo de …

Coleção de joias da era Viking é encontrada na Ilha de Man. É "excecionalmente rara"

Uma coleção de joias da era Viking foi encontrada na Ilha de Man, entre Inglaterra e a Irlanda, em novembro de 2020 e foi agora classificada como tesouro. Os especialistas acreditam que os artefactos, descobertos …

“As brasileiras são mercadoria". Professor da UP suspenso por comentários machistas e xenófobos nas aulas

Após uma denúncia que reuniu assinaturas de mais de uma centena de alunas, o professor auxiliar Pedro Cosme da Costa Vieira foi suspenso pelo período máximo de 90 dias, da Faculdade de Economia da Universidade …

Houve buzinão na Luz (mas sem "carinho"). Jesus culpa covid-19 pela crise do Benfica

Algumas dezenas de adeptos protestaram junto ao Estádio da Luz com um buzinão, entre gritos de "Rua Vieira" devido aos maus resultados do Benfica. Antes disso, Jorge Jesus tinha apelado a um "buzinão de carinho" …

Marcelo remete diretamente para o Governo limites ao ruído nos prédios

O chefe de Estado incluiu o detalhe "decreto-lei do Governo", no novo decreto para a renovação do estado de emergência, para permitir que o Executivo limite o ruído nos prédios. No último decreto que executou o …

Clubes ingleses decidiram: não há público, acabou a época

Decisão não afeta a Premier League mas antecipa o final de quatro divisões do futebol inglês. Na época passada os campeonatos também não chegaram ao fim. Muitos dos campeonatos não-profissionais (em várias modalidades) estão parados, não …

Cães podem ter consciência corporal tal como os humanos

Os cães podem não ser capazes de se reconhecer em frente a um espelho, mas isso não significa que não tenham um certo nível de autoconsciência. De acordo com o site Science Alert, um novo estudo …

Moratórias de crédito à habitação terminam a 31 em Março. Famílias terão de procurar opções

Todas as moratória públicas para o crédito à habitação terminam a 30 de Setembro, mas a dos bancos expira já no próximo mês. Uma das soluções para quem não consegue cumprir os pagamentos é a …

Finanças: Mais dinheiro para a TAP só com novo acordo com Bruxelas

O Ministério das Finanças refere que, enquanto não houver a luz verde de Bruxelas ao plano de reestruturação, não há mais apoio público à companhia aérea.  A TAP só garante a liquidez até final de março, …