Ao menor sinal de golpe, Kim jong-un retalia com ataque nuclear a Washington

(dv) KCNA / YONHAP

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

A Coreia do Norte ameaçou  os Estados Unidos com um ataque nuclear caso Washington tente derrubar o seu líder, em resposta à recente insinuação do diretor da CIA, a agência central de inteligência dos EUA, de promover uma mudança de regime no país comunista.

“Se os EUA se atreverem a mostrar o menor sinal de uma tentativa de eliminar o nosso líder supremo, atingiremos sem piedade o coração dos Estados Unidos com o nosso poderoso martelo nuclear, aperfeiçoado e fortalecido com o tempo”, afirmou um porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros da Coreia do Norte em declarações à agência oficial do país, “KCNA”, veiculadas pela sul-coreana “Yonhap”.

O diretor da CIA, Mike Pompeo, aludiu a semana passada à possibilidade de uma mudança de regime em Pyongyang, ao dizer que o mais importante que Washington poderia fazer é “separar a capacidade nuclear de alguém com um propósito nuclear”.

Segundo a Coreia do Norte, os EUA “estão a ultrapassar os limites, e agora está claro que o último objetivo do governo Trump é a mudança de regime”, afirmando que se Pyongyang vir o seu futuro comprometido, “deverá aniquilar de maneira preventiva os países e entidades que estejam direta ou indiretamente envolvidos, mobilizando todo o tipo de ataques, inclusive nucleares”.

Estas declarações representam uma subida de tom nas recorrentes ameaças norte-coreanas de que poderá realizar um ataque nuclear preventivo contra os Estados Unidos, e após sucessivos ensaios nucleares que parecem demonstrar nos últimos meses uma notória evolução da capacidade, alcance e sofisticação do seu armamento nuclear.

As palavras do porta-voz norte-coreano vêm também à tona no mesmo dia em que a Coreia do Norte anunciou a visita ao seu território de Oleg Burmistrov, o segundo encarregado da Rússia nas paralisadas negociações a seis lados para a desnuclearização do país, disse a “Yonhap”, que cita fontes da agência norte-coreana “KCNA”.

Burmistrov terá iniciado uma visita de quatro dias no sábado para discutir com as autoridades locais a situação de tensão na península coreana e, durante a sua estadia no país, terá tido uma reunião com o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros e com uma pessoa responsável pelos assuntos relativos à América do Norte.

“Dissemos ao representante russo que, se Washington não abandonar a sua política hostil para o Norte e se não acabar com as suas ameaças nucleares, os mísseis balísticos e as armas nucleares não serão tema de discussão”, disse a “KCNA”.

Pyongyang também deixou claro a Burmistrov que “não vai ceder nem um centímetro” na sua vontade de fortalecer o seu potencial nuclear.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

    • Não é preciso o diabo para escolher, as palhaçadas a que se refere são “controláveis” como se tem visto, agora Pyongyang é muito perigoso para o Mundo e perfeitamente descontrolado.

    • Não tem nada a ver um com o outro. Muito melhor a palhaçada de Trump do que o regime ditador de Kim Jong-un (Pyongyang é a capital e não o ditador).

  1. E se entretanto ao primeiro golpe o Kimzinho cair logo no ringue e já não reagir mais, como é que vai ser depois?.

  2. Não façamos comparações com este doido Pyongyang com o Trump.
    A Coreia do Norte, é um povo de miséria e que passa fome e maus tratos, e este doido só pensa em guerras e armas nucleares para destruir o mundo e pessoas inocentes. O povo está a morrer e na miséria, não tem condições, nem qualidade de vida. Só me faz confusão porque ainda não lhe deram um tiro nos miolos. Tanto o povo, como o resto dos países mundiais.
    O Trump, é apenas um pouco amalucado, Mas a América, não morre de fome e é um país democrata, não vamos fazer comparações destas.
    Mas que temos de ter muito cuidado e atenção com este doido Pyongyang, isso temos. Porque de um momento para o outro pode destruir o mundo.

RESPONDER

Cabify deixa de operar em Portugal a partir de 30 de novembro

A Cabify, que estava no mercado português desde 2016, vai deixar de operar em Portugal a partir do próximo dia 30 de novembro. "Queremos partilhar consigo que o próximo dia 30 de novembro será o nosso …

Presidente da federação russa de atletismo suspenso por obstruir investigação

O presidente da federação de atletismo da Rússia e outros seis elementos da federação foram, esta quinta-feira, suspensos, devido a irregularidades relacionadas com uma investigação antidoping. O presidente da federação de atletismo da Rússia, Dmitri Shliajtin, foi …

Avó e tios do bebé deixado no lixo estão a tentar a guarda da criança

O embaixador de Cabo Verde em Portugal explicou, esta sexta-feira, que a mãe e os irmãos da cabo-verdiana suspeita de abandonar o filho num ecoponto estão a tentar obter a guarda da criança por acreditarem …

Esta tecnologia de edição de genoma pode mudar o mundo (mas o seu criador tem receio disso)

A inovação de Kevin Esvelt tem potencial para ser usada tanto para o bem como para o mal. Os perigos que pode advir dela, deixam o biólogo reticente em relação a esta tecnologia, que também …

Governo quer "conciliação" entre tribunais criminais e de família em casos de violência doméstica

O Governo quer que os juízes de instrução possam determinar simultaneamente as medidas de coação a um agressor em contexto de violência doméstica e as medidas provisórias relativas às crianças, seja de promoção e proteção …

Sp. Braga critica autarquia por transmitir jogo do Flamengo em ecrã gigante

O Sporting de Braga acusou a Câmara Municipal de Braga de desrespeitar o clube e os seus adeptos por colaborar na organização da transmissão da final da Taça dos Libertadores de futebol, entre Flamengo e …

Hermínio Loureiro pede suspensão de mandatos na FPF e COP

Hermínio Loureiro pediu a suspensão dos mandatos de vice-presidente da FPF e do COP, esta sexta-feira, na sequência da acusação do Ministério Público na operação Ajuste Secreto. Numa carta enviada à FPF, a que a agência …

Oxford escolhe "emergência climática" para Palavra do Ano 2019

A Palavra do Ano 2019 escolhida pelos Dicionários de Oxford foi "emergência climática", "situação na qual é requerida uma ação urgente", revelou na quinta-feira esta componente da editora da Universidade homóloga. A Palavra Oxford do Ano …

Erro no IRS de 2015. Contribuintes podem contestar nova liquidação

O novo apuramento do imposto abrange cerca de dez mil declarações no valor de 3,5 milhões de euros. A Autoridade Tributária e Aduaneira já enviou uma carta aos contribuintes cuja liquidação do IRS relativo a 2015 …

Jesus vai receber título de cidadão honorário do Rio de Janeiro

O técnico português do Flamengo será condecorado, na próxima segunda-feira, com o título de cidadão honorário do Rio de Janeiro. A distinção a ser entregue pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro foi anunciada num cartaz …