Angela Merkel contente com Alexis Tsipras

European Council / Flickr

Angela Merkel com Alexis Tsipras numa reunião do European Council

Angela Merkel com Alexis Tsipras numa reunião do European Council

A chanceler alemã, Angela Merkel, congratulou-se hoje com o facto de o Governo grego ter “trabalhado de forma completamente diferente” do que nos meses anteriores para chegar a acordo sobre uma nova ajuda internacional sujeita a condições rigorosas.

“Há alguma esperança” de que o terceiro plano de ajuda internacional de 86 mil milhões de euros, adotado sexta-feira pelos ministros das Finanças da zona euro, possa resolver o problema grego, afirmou Angela Merkel numa entrevista à cadeia pública de televisão ZDF, citada pelas agências AFP e EFE.

“O que temos visto entre a primeira sessão especial (o parlamento alemão aprovou a 17 de julho o princípio de uma nova ajuda à Grécia) e o resultado das negociações (entre Atenas e os seus credores a 11 de agosto), é que o Governo grego tem trabalhado de forma completamente diferente do que nos meses anteriores”, acrescentou.

O Governo do primeiro-ministro Alexis Tsipras “entendeu que o país poderia recuperar se as reformas fossem mesmo feitas”, adiantou.

Angela Merkel, no entanto, insistiu que serão ainda necessários “muitos passos” para a Grécia implementar as muito exigentes reformas, de forma a beneficiar do ‘balão de oxigénio’ financeiro.

A chanceler disse que as novas reformas serão difíceis e terão de ser feitas se o país “quiser ver a luz ao fim do túnel”, numa altura em que a população, já duramente afetada por rigor seis anos sem resultados tangíveis, terá ainda que fazer grandes sacrifícios.

Angela Merkel assegurou que a Alemanha não quer uma Europa alemã, como alguns analistas criticaram após as negociações tempestuosas em Bruxelas em meados de julho para um terceiro pacote de ajuda após os de 2010 e 2012 no montante de 240 mil milhões de euros.

“Contámos com muito, muito apoio”, por exemplo por parte da Irlanda e de Portugal, respondeu Merkel à pergunta se a imagem da Alemanha tinha sido prejudicada pela dura postura do seu Governo.

A mudança de atitude de Atenas foi possível graças à “dureza dos outros países europeus, mas também por Wolfgang Schäuble, ministro das Finanças alemão, e do governo”, disse ela.

Horas após o parlamento grego ter aprovado a ajuda, os ministros das Finanças da zona euro deram luz verde na sexta-feira à noite ao plano, ainda que seja necessário ser aprovado por vários parlamentos nacionais, incluindo o alemão.

/Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. “… “Contámos com muito, muito apoio”, por exemplo por parte da Irlanda e de Portugal…” Ahahah!! O “rafeiro” português portou-se bem com a dona!! 🙂

    • O distinto representante do povo irlandês fez o que achou devido a favor do seu povo e do da Grécia…Quanto a Portugal, na mesma linha diplomática, fez pela Grécia e pela união o que lhe competia.
      Para alguns fogosos “diplomatas” de aviário por aqui perdidos, o caminho encontrar-se-á na viela da última tasca guiados pelo cheiro feito ‘GPS’

RESPONDER

O maior avião do mundo vai ser uma plataforma de lançamento para veículos hipersónicos

A empresa que criou o maior avião do mundo, que apenas voou uma vez, encontrou uma nova funcionalidade para a aeronave: será usado como plataforma de lançamento para veículos hipersónicos, o que poderá revolucionar a …

Sondas da missão a Mercúrio vão passar pela Terra (e vão ser visíveis a olho nu)

A missão conjunta europeia e japonesa BepiColombo está a caminho de Mercúrio. Porém, para chegar lá, terá de passar novamente pela Terra. Este evento acontecerá em 10 de abril e as pessoas nas latitudes do sul …

Xiaomi lança máscara elétrica que carrega via USB

A pandemia de Covid-19 tem impulsionado o surgimento de alguns recursos melhorados para fazer face ao combate do novo coronavírus. É o caso da nova máscara de esterilização elétrica da Xiaomi, que carrega via USB. A …

Em paradeiro incerto, ministra da Guiné-Bissau diz correr perigo de vida

Ruth Monteiro, ministra da Justiça e dos Negócios Estrangeiros no Governo da Guiné-Bissau deposto no golpe do dia 27 de fevereiro, está em parte incerta e diz correr perigo de vida. De acordo com o semanário …

Ovelhas e bactérias estão a ajudar a combater o coronavírus

Anticorpos que podem ajudar a combater o SARS-CoV-2, o vírus que causa a covid-19, estão a ser testados em ovelhas. Estes podem ser usados para desenvolver testes de diagnóstico. O SARS-CoV-2, o vírus que causa a …

Marcelo sai uma vez por semana, usa máscara e luvas nas compras (e passa a Páscoa em Belém)

O Presidente da República afirmou este sábado que, para se proteger do surto de covid-19, só sai em trabalho uma vez semana, usa máscara nas compras e vai passar a Páscoa confinado no Palácio de …

A procura por sumo de laranja está a disparar (e a culpa é do coronavírus)

A procura por sumo de laranja tem disparado nos últimos tempos, muito devido à pandemia de covid-19. As pessoas querem reforçar o seu sistema imunitário. Já quase ninguém está indiferente à ameaça da pandemia de covid-19, …

Nove pessoas com covid-19 curadas após receberem plasma de doentes recuperados

Pelo menos nove pessoas internadas nos cuidados intensivos em Itália com covid-19 já foram curadas, depois de receberem plasma de pacientes recuperados. De acordo com o jornal italiano Corriere della Sera, os doentes receberam o plasma …

Grace tem seis anos e pode ser a autora mais nova de sempre de um artigo científico

Uma menina de seis anos, que vive na Austrália, pode ser a autora mais nova de sempre a ter um artigo científico publicado numa revista da especialidade. Grace Fulton tem uma enorme paixão por animais e, …

Geco encheu Lisboa com autocolantes (e a polícia de Roma está a pedir ajuda para o encontrar)

A polícia de Roma está a pedir ajuda à Associação Vizinhos de Lisboa para encontrar o graffiter Geco, cujas pinturas e autocolantes se podem ver por toda a capital portuguesa, e que está em investigação …