“Não abdico de dar uso à minha cabeça”. Ana Gomes responde ao PS

European Committee of the Regions / Flickr

Ana Gomes, ex-eurodeputada do Partido Socialista

A antiga eurodeputada do PS respondeu, esta sexta-feira, ao presidente do partido, considerando que não é um “apparatchick” e que não abdica de dar uso à sua cabeça.

A ex-eurodeputada socialista, Ana Gomes, respondeu esta sexta-feira ao presidente do seu partido, Carlos César, que ontem se distanciou das suas declarações a propósito da transferência de João Félix para o Atlético de Madrid, dizendo que as opiniões “refletem apenas uma posição pessoal“.

Em causa está a carta enviada pelo presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, que pedia que o partido tomasse uma posição pública sobre o comentário da ex-eurodeputada, que questionou se a transferência do jovem jogador para Espanha não se trataria de um “negócio de lavandaria”.

Através da sua conta no Twitter, Ana Gomes escreveu: “Agradeço ao presidente Carlos César o afã de esclarecer o óbvio: não represento o PS e o que digo e escrevo só me vincula. Sendo socialista, e não apparatchick, não abdico de dar uso à minha cabeça… Já César, usa o que pode face a Vieira: a César, o que é de César. E viva o Partido Socialista”.

De acordo com o Observador, a antiga eurodeputada usou o termo que caracterizava os profissionais zelosos do aparelho comunista soviético, e que respondiam a ordens superiores, para lembrar que pensa pela sua cabeça e é independente apesar da militância política.

Já a expressão “usa o que pode face a Vieira” parece sugerir, de acordo com o jornal online, algum condicionamento das posições oficiais do PS face ao presidente dos encarnados.

No início deste mês, o clube anunciou que vai avançar com um processo contra a socialista, uma vez que “a declaração em causa não configura um caso de mero exercício da liberdade de expressão” mas que, pelo contrário, “tem o exclusivo propósito de denegrir o nome do Benfica e dos membros dos seus órgãos sociais”.

A ex-eurodeputada tem saído em defesa do hacker Rui Pinto, em prisão preventiva desde março, e apelou à investigação das transferências no futebol português, tendo enviado a várias entidades nacionais e europeias documentação do Football Leaks que “exemplifica esquemas de triangulação e de bridge transfer”.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Muito bem dito. Os outros não devem ser responsabilizados pelas palavras pessoais e aguentar com a pastilha sozinha.

  2. Se todos os políticos mais os que são deputados pensassem pelas suas cabeças e não andassem há voz dos donos dos partidos o País não tinha chegado ao ponto que chegou, já houve tempo em que os deputados quando votavam contra as suas consciências faziam a declaração de voto onde diziam porque tinha votado contra as suas consciências mas votado pela ordem dos chefes dos partidos, agora parece que os eleitores não votam em pessoas mas em carneiradas.

RESPONDER

Carlos Moedas "tem uma costela liberal". IL pondera apoio ao candidato à câmara de Lisboa

O líder da Iniciativa Liberal (IL), João Cotrim de Figueiredo, disse que Carlos Moedas, candidato à câmara de Lisboa apoiado pelo PSD, tem um "perfil liberal", mas que o partido precisa de perceber projeto do …

Primeiro-ministro da Arménia acusa militares de tentativa de golpe de Estado

O primeiro-ministro da Arménia referiu-se hoje a "tentativa de golpe de Estado" depois de o Estado Maior ter pedido o afastamento do governo num contexto de protestos por causa da derrota no último conflito com …

EUA condenam Coreia do Norte a indemnizar militares torturados em 1968

A Justiça dos Estados Unidos (EUA) condenou Pyongyang a indemnizar em 2,3 mil milhões de dólares (cerca de dois mil milhões de euros) os tripulantes de um navio da Marinha norte-americana, que foram capturados e …

Ex-gestores do Novo Banco seguem para Banco do Fomento e para CGD

Os gestores Vítor Fernandes e Jorge Freire Cardoso, que saíram do Novo Banco em divergência com a estratégia da Lone Star, vão desempenhar as funções de presidente do Banco de Fomento e de administrador na Caixa …

EUA acusado de prometer contrapartidas a Cabo Verde pela extradição de testa-de-ferro de Maduro

O antigo juiz espanhol Baltasar Garzón, que coordena a defesa de Alex Saab, detido em Cabo Verde e considerado testa-de-ferro do Presidente venezuelano Nicolás Maduro, acusou na quinta-feira os Estados Unidos (EUA) de prometerem contrapartidas …

Bispo italiano sugeriu a padre que pagasse 20 mil euros a vítima de pedofilia

O bispo católico de Como, em Itália, afirmou ter sugerido a um jovem padre suspeito de pedofilia que pagasse 20 mil euros à suposta vítima para encerrar uma investigação interna ao caso ocorrido numa residência …

Governo reforça financiamento de projetos LGBTI com 50 mil euros

O Governo vai reforçar em 50 mil euros o financiamento de projetos de organizações que atuem na defesa dos direitos das pessoas lésbicas, gays, bissexuais, trans e intersexo (LGBTI), anunciou o gabinete da secretária de …

CDS pede ao Governo "um plano de desconfinamento controlado, à inglesa"

Francisco Rodrigues dos Santos quer que o Executivo apresente um plano de desconfinamento que permita a retoma da atividade de alguns setores. Esta sexta-feira, o presidente do CDS-PP insistiu na necessidade de o Governo apresentar um …

Para os idosos que estão em lares, visitar a família sem isolamento poderá acontecer em maio

A CNIS estima que, com todos os idosos residentes em lares vacinados, maio possa ser o mês da libertação depois de mais de um ano de pandemia, confinamentos e restrições apertadas. DGS diz que orientações …

UE retalia e declara chefe da missão venezuelana "persona non grata"

A União Europeia (UE) decidiu, esta quinta-feira, declarar a chefe da missão venezuelana em Bruxelas persona non grata, respondendo ao anúncio feito por Caracas de dar 72 horas à embaixadora comunitária para abandonar o país. "Por …