Amigos que morreram ligaram ao 112 “mal dispostos por terem comido plantas”

(dr)

Filipe Namora e Ricardo Marques

Filipe Namora e Ricardo Marques

Os dois amigos que morreram no sábado, em Santarém, quando faziam uma caminhada de resistência, relataram por telefone momentos de “desorientação e indisposição após ingestão de ervas”, disse esta terça-feira o comandante dos bombeiros de Pernes.

Em declarações à Lusa, o comandante José Viegas disse que os dois homens, de 35 e 43 anos, caminhavam em zona rural quando pediram auxílio pelo 112, cerca das 15h40, tendo uma das vítimas relatado ao telefone que “ambos tinham comido umas plantas” e que se estavam “a sentir mal, com sintomas de indisposição, convulsões e desorientação”, tendo dado como referências de localização “um marco da linha de água e que estavam perto da localidade de Pernes”, a poucos quilómetros de Alcanhões, no concelho de Santarém.

“Quando tentei ligar de volta o homem já não atendeu mais”, disse o comandante, tendo relatado que foram enviados para o terreno quatro viaturas e oito homens que viriam a encontrar os dois amigos, já sem sinais de vida, perto das 17h00, “a uma distância superior a cinco quilómetros”, algures entre Pernes e Alcanhões.

“O relato de ingestão de plantas com estas consequências é uma situação muito estranha, nunca aqui aconteceu, mas o que se passou ao certo é uma situação que só a autópsia poderá revelar”, observou Viegas, tendo avançado que os corpos dos dois homens “não apresentavam sinais de violência ou sinais de agressões”.

Segundo o Correio da Manhã, os dois amigos chegaram a brincar com o facto de estarem a comer ervas selvagens nas redes sociais. Uma das vítimas, Filipe Namora, escreveu no Facebook: “Ando a funcho e cenouras do mato eheh. O teu marido ainda me envenena com estas ervas”.

De seguida, Filipe partilhou uma fotografia da raiz de uma planta que estavam a escavar, no que aparenta ser uma cenoura do mato. “Esta planta (daucus pusillus) pode ser facilmente confundida com a cicuta (conium maculatum), que é altamente venenosa e que apresenta algumas semelhanças com o aipo, funcho ou mesmo a salsa”, escreve o CM.

Os dois amigos estariam a praticar ‘geocaching’, um jogo em que os participantes seguem a pé as coordenadas indicadas por GPS até encontrarem uma caixa, tendo o comandante dos bombeiros referido que o primeiro dos homens a desfalecer era o que estava equipado com o sistema de georreferenciação.

“O homem que telefonou não estava equipado com o sistema de georreferenciação, as indicações eram um pouco vagas, e a busca foi uma luta contra o tempo. Demorámos cerca de uma hora a encontrar os dois homens, que estavam num caminho rural que acompanha a conduta da linha de água da EPAL, que liga a nascente do Alviela a Lisboa, e estavam próximos um do outro, mas já cadáveres”, acrescentou.

Fonte do Instituto de Medicina Legal disse à Lusa que a autópsia, que deverá ajudar a perceber as circunstâncias em que ocorreram as mortes, “vai decorrer no hospital de Vila Franca de Xira”, não tendo precisado a data de realização da mesma.

A investigação está a decorrer sob a responsabilidade da Polícia Judiciária de Lisboa.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Há três datas prováveis para o Apocalipse. Duas das quais ainda este século

A humanidade corre o risco de ser extinta devido à colisão da Terra com um corpo celeste, a uma catástrofe natural ou até tecnológica. Este cenário não é uma fantasia saída dos filmes de Hollywood, …

Tondela vs Porto | Dragões garantem vantagem para o Clássico

O FC Porto fez o que lhe competia para garantir que chegava ao “clássico” do próximo sábado, com o Benfica, no primeiro lugar do campeonato. Na visita ao Tondela, os “dragões” não deram grandes veleidades …

Enfermeiras suspeitas de sabotar hospital com baratas. Queriam emprego melhor

Enfermeiras das emergências de um hospital italiano terão, alegadamente, libertado baratas no seu departamento. O objetivo era conseguirem uma transferência para outro hospital. As autoridades sanitárias da região de Nápoles abriram uma investigação a um caso …

Cancro do colo do útero pode ser extinto até 2100

Todos os anos, o cancro do colo do útero é a causa de morte de mais de 300 mil mulheres em todo o mundo - mas pode ser extinto até 2100. No ano passado, o diretor-geral …

Fortnite retira anúncios do YouTube para fugir aos predadores sexuais

A produtora de videojogos que criou o Fortnite, muito popular entre jovens e crianças, decidiu retirar os anúncios publicitários do YouTube por temer que estes apareçam ao lado de comentários publicados por pedófilos. A empresa norte-americana …

O alpinista sem pernas que chegou ao cume do Everest foi premiado com o "Momento do Ano"

Um alpinista chinês de 69 anos, que tem ambas as pernas amputadas, conseguiu chegar ao topo do Evereste em maio de 2018. A perseverança de Xia Boyu valeu-lhe nesta semana um prémio.  Em 1975, Xia Boyu …

Numa empresa neozelandesa só se trabalham quatro dias por semana (mas a produtividade aumentou)

Em março e abril do ano passado, uma empresa neozelandesa implementou um novo modelo laboral: trabalhar apenas quatro dias por semana. O estudo final foi publicado esta terça-feira e as conclusões mostram resultados animadores. Quase um …

Portugueses não sabem fazer queixa contra discriminação (e acham que não vale a pena)

Quase toda a gente já ouviu falar de discriminação ou crimes de ódio, mas a maioria tem dificuldade em distinguir os conceitos, desconhece o que fazer perante um caso ou a quem recorrer para fazer …

Imigrantes que entraram ilegais em Portugal terão visto desde que tenham um ano de descontos

Os imigrantes que se encontram em Portugal a trabalhar e a descontar para a Segurança Social há pelo menos 12 meses vão poder ter a autorização de residência mesmo que não tenham entrado no país …

Estudantes no Porto até aos 15 anos vão andar gratuitamente de metro e autocarro

A Câmara do Porto vai garantir passes gratuitos para residentes estudantes na cidade até aos 15 anos, complementando a medida do Governo que prevê a gratuitidade do título de transporte até aos 12 anos. O anúncio …