Afinal, a ilha da Noruega não quer abolir os relógios. Era um golpe publicitário

Afinal, a ilha norueguesa que os habitantes queriam transformar no primeiro local do planeta sem relógios ou fuso horários não existe. 

Tudo não terá passado de uma campanha publicitária para atrair visitantes, segundo reconheceram esta quinta-feira as autoridades do país envolvidas no acontecimento, que já pediram desculpas.

“Toda a história nasceu de uma proposta para lançar uma campanha publicitária. Os habitantes de Sommarøy mostraram-se bastante entusiasmados com a ideia e quiseram participar. O problema foi não termos deixado claro que a nossa agência estava por trás e que esta não era uma iniciativa exclusiva dos moradores”, disse Kjetil Svorkmo Bergmann, porta-voz da agência à agência de notícias espanhola EFE.

De acordo com a mesma fonte, a Innovation Norway, empresa pública dedicada ao apoio a empresas e indústria, projetou toda a campanha que tinha como objetivo promover o turismo na região Norte da Noruega. Como mote, a empresa utilizou a ideia de um local “sem tempo” e os esforços dos moradores da ilha onde o sol não se põe entre 18 de maio e 26 de julho, completando um ciclo de 69 dias.

“Entendemos as críticas e é lamentável o que aconteceu. Pedimos desculpa, mas a nossa intenção não era enganar ninguém” disse Bergmann.

A associação de imprensa norueguesa, também afetada pelo acontecimento, além de vários organismos empresariais do país, já criticaram a iniciativa, uma vez que consideraram que se trata de um truque e que retira toda a credibilidade à iniciativa da ilha e dos seus moradores.

Kjell Ove Hveding, o morador da ilha que se tinha tornado no rosto da iniciativa, disse ao canal de televisão pública norueguês NRK que o projeto não se tratou apenas de um “truque” publicitário, e que os habitantes queriam de facto acabar com os horários na ilha, pelo menos durante o verão. “Se isto fosse apenas um truque teríamos dito ‘não, obrigado’. O plano era tornar Sommarøy na embaixadora de turismo de toda a região Norte da Noruega”, disse.

No entanto, um e-mail enviado pela Innovation Norway ao Ministro do Comércio e da Indústria do país conta uma história diferente. Em maio, a agência contactou o ministério no sentido de convidar o ministro Torbjorn ​Røe Isaksen​ a participar num vídeo promocional de Sommarøy.

“A ideia é divulgar fotografias e um vídeo da iniciativa onde Kjell Ove Hveding, o rosto da campanha, entrega as assinaturas dos moradores de Sommarøy que querem acabar com os horários na ilha, algo que já fazem de qualquer maneira no verão. O abaixo-assinado é apenas uma forma de formalizar a iniciativa. O vídeo deve mostrar o brilho nos olhos dos moradores e ser usado para documentar toda a iniciativa. Não é um desejo real, mas sim uma maneira de promover o solstício de Verão junto dos visitantes estrangeiros.” Isaksen acabou por recusar o convite da empresa por se tratar de um truque publicitário.

Marianne Mork, chefe do departamento comercial da Visit Norway, o organismo oficial de turismo do país, confirmou à CNN que a iniciativa da ilha “sem tempo” teria partido dos ilhéus, com Kjell Ove Hveding a representar o grupo. No entanto, a equipa da Innovation Norway acabou por pegar na ideia e trabalhá-la com os habitantes para a capitalizar e transformar numa campanha de turismo.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas reverteram principal sintoma da esquizofrenia em camundongos

Um medicamento que está atualmente a ser desenvolvido para tratar a leucemia reverteu (em camundongos) um sintoma de esquizofrenia anteriormente intratável: o enfraquecimento da memória de trabalho. A memória de trabalho é um processo cerebral fundamental usado …

Para as criaturas marinhas, as doenças infecciosas são a sentinela da mudança

Uma recente investigação analisou as mudanças nas doenças relatadas em espécies submarinas num período de 44 anos. A conclusão não surpreende: a saúde dos oceanos está a piorar a passos largos. A compreensão das tendências oceânicas …

Solidariedade e ambiente. Nos EUA, já é possível doar as suas peças Lego

Nunca somos demasiado velhos para brincar com peças Lego. No entanto, se estiver a ficar sem espaço para as arrumar e estiver à procura de uma forma de garantir que os seus blocos acabam em …

Eis os primeiros smartphones pensados e fabricados em África

https://vimeo.com/365789486 No Ruanda nasceram os primeiros rebentos do grupo Mara, que anunciou o lançamento dos seus dois primeiros smartphones. São os primeiros a serem totalmente fabricados em África. Estes são os dois primeiros smartphones totalmente fabricados em …

Siza Vieira recebe Grande Prémio da Academia de Belas-Artes francesa

O arquitecto Álvaro Siza Vieira recebeu o Grande Prémio de Arquitetura da Académie des Beaux-Arts, pelo conjunto do seu percurso, no valor de 35 mil euros. “É uma grande honra, porque é um prémio importante. É …

Para os jovens refugiados, um telemóvel pode ser tão importante quanto comida ou água

Entre 2015 e 2018, mais de 200.000 jovens não acompanhados reivindicaram asilo na Europa. Muitos deles, agora na União Europeia, têm uma coisa em comum: os seus smartphones. Não são apenas ferramentas para entretenimento nem uma …

Cientistas observaram pela primeira vez porcos a usar ferramentas

Uma equipa de cientistas registou pela primeira vez uma família de javalis das Visayas, num jardim zoológico em Paris, a usar paus para cavar e construir ninhos. Os porcos não gostam só de chafurdar na lama …

Transição verde: o mundo tem muito a aprender com uma pequena cidade na Islândia

Uma pequena cidade no norte da Islândia tornou-se quase neutra em dióxido de carbono (CO2). Uma equipa de cientistas viajou até ao país insular nórdico para descobrir como podemos aprender com esta cidade. Atualmente, as cidades …

Adolfo Mesquita Nunes não será candidato à liderança do CDS

Adolfo Mesquita Nunes anunciou este domingo que não será candidato à liderança do CDS. A garantia foi deixada pelo próprio, na sua página pessoal de Facebook, depois de ter sido desafiado por António Pires de …

Afastado desde a noite eleitoral, Rui Rio volta para lançar suspeitas sobre a RTP

Afastado dos holofotes desde a noite eleitoral e sem dizer se se vai recandidatar à liderança do PSD, Rui Rio recorreu ao Twitter para comentar as suas suspeitas sobre a RTP. O líder social-democrata recorreu às …