Aeroportos de Lisboa e Faro sem combustível. Aviões podem ficar em terra

Comparsa Fotografia / Flickr

Os Aeroportos de Lisboa e Faro já estão a usar as reservas de emergência, depois da interrupção do fornecimento de combustível por parte das empresas petrolíferas, no seguimento da greve dos motoristas de matérias perigosas. Nas próximas horas, podem ficar mesmo sem combustível, o que afectará os voos.

A ANA – Aeroportos de Portugal anuncia em comunicado que as reservas de emergência de combustível já foram atingidas no Aeroporto de Faro, “estando o fornecimento de combustível suspenso, pelas empresas petrolíferas”, desde segunda-feira à noite.

No Aeroporto de Lisboa, o problema de abastecimento devia começar a sentir-se a partir das 12 horas, de acordo com a ANA.

Não tendo sido assegurados os serviços mínimos, e em função do tempo necessário para a requisição civil [efectuada pelo Governo] ter efeitos práticos, os nossos aeroportos podem ter disrupções de serviço ao nível operacional”, aponta a ANA, frisando que está “a acompanhar a situação em permanência”.

O Governo aprovou, em resolução do Conselho de Ministros na manhã desta terça-feira, uma requisição civil dos motoristas de matérias perigosas que estão em greve. A portaria que efectiva a requisição civil já foi publicada em Diário da República e produz efeitos imediatos até ao dia 15 de Maio.

Em declarações à agência Lusa ao início da manhã, Francisco São Bento, do Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP), disse que a estrutura sindical previa que ao início da tarde os aeroportos de Lisboa e Faro ficassem sem combustível.

Segundo os dados do Sindicato, ao início da manhã cerca de 40% a 50% dos postos de abastecimento já estavam sem combustível.

Aeroporto do Porto sem problemas

O Aeroporto do Sá Carneiro, no Porto, não enfrenta problemas pelo facto de ser “abastecido por pipeline desde Leça da Palmeira“, como destaca fonte da ANA ao Eco.

Esta circunstância pode tornar-se numa solução para as companhias aéreas que podem optar por ir abastecer ao Aeroporto do Porto, contornando as dificuldades da greve. Nesse sentido, podem também decidir “regressar a Lisboa com os tanques cheios de combustível”, salienta o Eco.

A ANA recomenda aos passagens com voos marcados para os Aeroportos de Lisboa e Faro para se informarem junto das companhias aéreas, lamentando “o transtorno causado” e deixando o desejo de que “a situação seja resolvida com a máxima urgência pelas autoridades competentes”.

A greve nacional dos motoristas de matérias perigosas começou à meia-noite desta segunda-feira e estende-se por tempo indeterminado, com reivindicações do reconhecimento da categoria profissional específica.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Se é verdade que os motoristas têm salários de 650€, complementados com outros subsídios que passam ao lado da segurança social e respectivas contribuições, provocando que o valor a receber em caso de doença, desemprego ou reforma seja muito baixo, é de uma grande falha do governo que permite estas fraudes, ou de uma incompetência dos mesmos que raia o ridículo.
    Se é mesmo assim, os motoristas têm toda a razão.
    Infelizmente as greves afectam sempre os que menos culpa têm nos factos que lhe deram origem, é um preço injusto a pagar.
    Isso da requisição civil parece-me uma forma de perpetuar a desonestidade com o apoio do governo.

RESPONDER

Índice de transmissibilidade sobe. É de 0,71 em Portugal Continental (e acima de 1 nas ilhas)

O índice de transmissibilidade da covid-19 subiu ligeiramente a nível nacional nas últimas duas semanas. Entre 24 e 28 de fevereiro, o índice foi de 0,71. O índice médio de transmissibilidade (Rt) do vírus SARS-CoV-2 está …

Museu Neandertal responde a Joe Biden. "Eram mais espertos do que pensa"

O Museu Neandertal, na Alemanha, endereçou um convite ao Presidente norte-americano Joe Biden, depois de o governante ter considerado a decisão do governador do Texas de acabar com a obrigatoriedade de utilização de máscara um …

Olhos postos no Senegal. Violentos protestos contra a prisão do opositor do Governo

Os confrontos no Senegal, os piores dos últimos anos, foram desencadeados pela detenção do líder da oposição Ousmane Sonko. Os confrontos eclodiram em Dakar, na quinta-feira, depois de o principal líder da oposição, Ousmane Sonko, ter …

Grupo de cientistas questiona missão da OMS e pede investigação independente na China

Um grupo de cientistas está a pedir uma investigação independente sobre a origem do Sars-CoV-2, com acesso total aos registos da China. Um grupo de cientistas escreveu uma carta aberta, divulgada nos jornais Le Monde e …

Brasil a braços com uma tragédia anunciada. República Checa pede ajuda estrangeira

No Brasil, o número diário de mortes já ultrapassou o dos Estados Unidos. Alemanha, Suíça e Polónia estão a disponibilizar os seus hospitais para receber casos graves de covid-19 da República Checa. Em relação a número …

Iniciativa Liberal diz não a Moedas e avança com candidatura em Lisboa

Este sábado, a Iniciativa Liberal rejeitou integrar a megacolicação encabeçada por Carlos Moedas e anunciou um candidato próprio à Câmara de Lisboa.  Foi este sábado, na Praça do Município, que João Cotrim de Figueiredo, líder do …

Agente da PSP que chamou "aberração" a Ventura suspenso por 10 dias

A Direção Nacional da Polícia de Segurança Pública (PSP) confirmou a suspensão de dez dias a Manuel Morais, o agente que chamou "aberração" a André Ventura. O agente da PSP Manuel Morais vai iniciar, este sábado, …

1.007 novos casos e 26 mortes nas últimas 24 horas

Portugal registou este sábado 26 mortes e 1.007 novos casos de infeção nas últimas 24 horas, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). O boletim epidemiológico deste sábado, divulgado pela Direção-Geral da Saúde, dá conta de 1.007 …

Publicada lista de entidades abrangidas por alargamento da ADSE

A ADSE já publicou a lista de entidades abrangidas pelo alargamento do subsistema de saúde da função pública aos trabalhadores com contrato individual de trabalho. As entidades reguladoras e a maioria das empresas municipais foram …

O "caminho ainda é longo", mas Portugal já administrou um milhão de vacinas

Esta sexta-feira, Portugal ultrapassou o marco do primeiro milhão de vacinas administradas, mas o "caminho ainda é longo". Portugal ultrapassou, esta sexta-feira, um milhão de vacinas contra a covid-19 administradas, uma marca que o secretário de …