Adicional ao IMI chega em setembro para 211 mil contribuintes

Manuel de Almeida / Lusa

O ministro das Finanças, Mário Centeno

211.690 contribuintes vão começar a pagar, a partir de setembro, o novo adicional ao Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI).

Criado para substituir o anterior imposto do selo sobre os chamados prédios de luxo, este adicional destina-se a imóveis de empresas afetos à habitação e o património dos particulares quando o seu valor tributário total excede os 600 mil euros, escreve o Diário de Notícias.

Em resposta ao DN, fonte oficial do Ministério das Finanças explicou que foram contabilizadas 56.412 empresas e 15.873 particulares que vão ser sujeitos a esta medida, juntando-se ainda a estes números 2.004 heranças indivisas.

Os restantes 137 mil que vão pagar este adicional ao IMI, escreve o jornal, correspondem aos verbetes, isto é, património que está registado em nome dos respetivos proprietários, mas cujos dados da matriz predial estão incompletos ou desatualizados.

O imposto é pago de uma só vez, já no próximo mês, tendo por referência as liquidações realizadas pela Autoridade Tributária e Aduaneira ao longo do mês de junho.

Os particulares estão sujeitos a uma taxa de 0,7% sobre a parcela do seu património cujo valor excede os 600 mil euros e, quando supera um milhão de euros (ou dois se se tratar de um casal), será aplicada uma taxa marginal de 1% (lógica que também abrange as heranças indivisas).

Relativamente às empresas com imóveis classificados como habitacionais, é aplicada uma taxa de 0,4% sobre a soma do valor patrimonial tributário.

De acordo com o DN, o Governo estima que esta medida possa gerar uma receita anual na ordem dos 130 milhões de euros, verba que está consignada à Segurança Social.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. O que é preciso para obter um visto Gold? Ouvi dizer que dá direito à isenção de impostos… ah, esqueçam… temos de não ser tugas… acho que vou pedir a nacionalidade a outro país qualquer e depois pedir um visto gold… pode ser que assim consiga cá viver… ah, esqueçam… não tenho “sustentabilidade” para isso (leia-se: sou teso). Será que vão criar fundos comunitários para se poder cá viver?
    Estamos perdidos…

  2. O texto é claro, o adicional IMI é atribuído à taxa de 0,7% e 0,4% a imóveis cujo valor patrimonial seja superior a 600 mil euros, particulares ou empresas por isso, paga quem pode… se o país tem de cumprir determinadas metas orçamentais é mais justo medidas deste género do que tributar bens de primeira necessidade ou baixos rendimentos das famílias.

RESPONDER

"Dirty Dancing" está de volta e conta com Jennifer Grey

John Feltheimer, CEO da Lionsgate, confirmou ao The Guardian que a produtora está a desenvolver uma sequela de Dirty Dancing. O clássico dos anos 80 que agora regressa foi protagonizado originalmente por Patrick Swayze e …

A Bugatti está a vender um carro elétrico "para crianças". Chama-se Baby II e custa 30 mil euros

A Bugatti e a Little Car Company, sediada em Londres, uniram-se para criar 500 Bugattis elétricos em miniatura para crianças. Agora, fruto dos desenvolvimentos mundiais, alguns veículos ficaram disponíveis para compra. O mais recente brinquedo da …

50 anos de monarquia e uma guerra de dias. A pandemia "matou" a micronação mais antiga da Austrália

O reinado de 50 anos de uma micronação na Austrália chegou ao fim devido ao impacto económico da pandemia de covid-19, que fez com que o autodeclarado principado se rendesse ao país. Hutt River, um principado …

NASA vai rebatizar planetas e outros corpos celestes com nomes ofensivos

A agência espacial norte-americana (NASA) anunciou que vai rebatizar alguns planetas, galáxias e outros corpos celestes que possuem nomes "ofensivos". Em comunicado publicado esta quinta-feira, a NASA explica que vai abandonar os nomes "não-oficiais" a …

O maior parque de crocodilos da Índia está à beira da falência. Abriga mais de 2.000 animais

O maior parque de crocodilos da Índia, localizado perto da cidade de Chennai, no sul do país asiático, encontra-se à beira da falência depois de a pandemia de covid-19 ter obrigado a fechar o espaço …

Campanha científica acrescenta mais de 37 mil quilómetros quadrados ao mapa do mar português

A campanha científica que o navio hidro-oceanográfico D. Carlos I da Marinha Portuguesa realizou durante nove semanas nos Açores, para levantamentos hidrográficos, permitiu “acrescentar cerca de 37.500 quilómetros quadrados sondados ao mapeamento do mar português”. Numa …

Apesar dos alertas, houve quem plantasse as sementes misteriosas da China (e já começaram a crescer)

Durante as últimas semanas, pessoas em todo o mundo têm recebido, sem ter encomendado, nas suas caixas de correio sementes com origem na China. Apesar dos avisos em contrário, houve quem plantasse os misteriosos presentes. As …

Marcelo veta redução de debates sobre a Europa. Não foi uma "solução feliz"

O Presidente da República vetou esta segunda-feira a redução do número de debates em plenário para o acompanhamento do processo de construção europeia de seis para dois por ano, defendendo que não foi uma “solução …

Boris Johnson admite alargar quarentena a mais países

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, admitiu esta segunda-feira alargar o sistema de quarentena a pessoas que cheguem de países atualmente isentos para reduzir o risco de infeção com a doença covid-19 no Reino Unido. "No contexto …

Novo lay-off. Ajuda da Segurança Social para pagar subsídios de Natal pode chegar só em 2021

O apoio ao pagamento do subsídio de Natal previsto pelo Governo para apoiar as empresas no âmbito do novo regime de lay-off, que entrou em vigor em agosto, poderá só ser pago pela Segurança Social …