Abusos sexuais marcam visita do Papa Francisco à Irlanda

Mazur / Catholic News

O Papa Francisco iniciou, este sábado, uma viagem de dois dias à Irlanda para participar no Encontro Mundial das Famílias, em Dublin, onde irá abordar, entre outros temas, os abusos sexuais contra menores e mulheres cometidos pelo clero.

O avião da Alitália que levou o Papa Francisco à Irlanda desembarcou às 09h26 locais no aeroporto de Dublin, de onde será transferido para a residência do Presidente irlandês, Michael D. Higgins, para a cerimónia oficial de boas-vindas.

A primeira e única visita de um Papa à Irlanda até hoje foi feita por João Paulo II em 1979. Francisco chega a um país diferente, no qual a Igreja Católica perdeu influência e apoio devido aos milhares de casos de abusos cometidos há décadas por religiosos contra menores e mulheres.

Esta é a 24ª viagem ao exterior do Papa Francisco, que ocorre num momento que está a abalar a Igreja Católica, com revelações, na semana passada, de antigos abusos sexuais perpetrados pelo clero nos Estados Unidos.

Segundo indicou na terça-feira o porta-voz do Vaticano, Greg Burke, o Papa Francisco vai encontrar-se com vítimas de abusos sexuais durante a viagem à Irlanda.

O diretor do gabinete de imprensa do Vaticano reconheceu que o escândalo dos abusos cometidos no passado por eclesiásticos na Irlanda é um tema incontornável na deslocação.

Oficialmente, o Papa vai encerrar em Dublin o IX Encontro Mundial das Famílias, que começou na terça-feira.

“Qualquer viagem à Irlanda não seria apenas sobre a família“, admitiu Greg Burke, acrescentando, no entanto, que o Papa vai falar sobre a família.

O enorme escândalo de pedofilia, revelado na semana passada no seio do clero católico dos EUA, levou na segunda-feira o Papa Francisco a dirigir uma carta ao “Povo de Deus”.

“Reconhecemos que não estivemos lá, onde devíamos, que não agimos em tempo útil ao reconhecer a amplitude da gravidade dos danos infligidos a tantas vidas. Negligenciámos e abandonámos as crianças“, escreveu na missiva.

Uma investigação dos serviços da procuradoria da Pensilvânia divulgada na semana passada revelou os abusos sexuais, encobertos pela igreja católica daquele estado norte-americano e perpetrados por mais de 300 “padres predadores”, de que foram vítimas, pelo menos, mil crianças.

O Encontro Mundial das Famílias – organizado a cada três anos e que alia celebrações a mesas redondas temáticas – termina na presença do Papa com um “festival de famílias” no sábado e uma missa solene no domingo.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Bater com um cutelo e espezinhar. A massagem que promete livrar de todas as dores

Santiago Terrases oferece uma massagem única, na qual calca as pessoas com os pés e bate-lhes com um cutelo. O norte-americano garante que consegue tirar todas as dores. No estado de Nevada, nos Estados Unidos, está …

"Choveram" propostas de empréstimo por Marega

O emblema portista recebeu vários proposta de empréstimo por Moussa Marega, mas acabou por as rejeitar. O FC Porto apenas abre mão do jogador caso seja paga a cláusula de rescisão. A imprensa francesa avança esta …

Crise de saúde mental nos jovens. Há um sexo mais em risco do que o outro

O uso regular de redes sociais pode afetar a saúde mental dos jovens. No entanto, os seus efeitos podem-se manifestar mais drasticamente em raparigas do que em rapazes. Desde 2010, as taxas de depressão, automutilação e …

PS quer limitar "vistos Gold" aos municípios do interior e às regiões autónomas

O PS entregou hoje uma proposta de alteração ao Orçamento em que limita a concessão dos "vistos Gold" a investimentos feitos por estrangeiros em municípios do interior ou nas regiões autónomas dos Açores e da …

Mais acidentes, afogamentos e suicídios num mundo mais quente

As temperaturas mais elevadas vão provocar mais acidentes rodoviários, afogamentos, agressões e suicídios, revelou uma nova investigação. Até ao momento, a grande parte das pesquisas em torno das alterações climáticas centrou-se nas mortes por doenças transmitidas …

Jóias de ouro e prata com plástico. Justiça não vê mal nenhum e iliba marca Tous

O processo de investigação aberto à marca TOUS por alegada fraude com jóias de ouro e plástico contendo plástico no seu interior, foi arquivado. A Justiça espanhola entende que, apesar de as jóias conterem plástico, …

Provas do caso Luanda Leaks podem ser nulas em Portugal

A Constituição da República Portuguesa determina que as provas obtidas mediantes violação de correspondência são consideradas nulas. Desta forma, os documentos conseguidos por Rui Pinto no caso Luanda Leaks podem vir a ser nulas aos …

Rui Pinto "tropeçou" nos Luanda Leaks sem querer

Foi quando estava à procura de "segredos do futebol" no âmbito dos Football Leaks que o hacker Rui Pinto "tropeçou" nos documentos que incriminam Isabel dos Santos nos Luanda Leaks. É o seu advogado, o …

Líder do assalto às armas de Tancos libertado

João Paulino estava preso preventivamente desde 28 de setembro de 2018. Esta segunda-feira foi libertado por excesso de prisão preventiva. O ex-fuzileiro João Paulino foi hoje libertado por excesso de prisão preventiva. A notícia foi confirmada …

Investigadores desenvolvem tecnologia que permite datar as impressões digitais

Encontrar as impressões digitais numa cena de crime nem sempre é suficiente para haver condenação, podendo os suspeitos alegar que as mesmas foram deixadas antes de o crime ocorrer. Essa realidade pode estar prestes a …