“Vergonha e arrependimento”. Papa escreve carta a condenar abusos sexuais

Mazur / Catholic Church England and Wales

Papa Francisco

O Papa Francisco publicou, esta segunda-feira, uma carta dirigida a todos os católicos do mundo, condenando o crime de abuso sexual por parte de padres e o seu encobrimento e exigindo responsabilidades.

A carta do Papa Francisco surge numa altura em que foram feitas novas revelações de casos de abuso sexual de menores por parte de padres dos EUA, que teriam ocorrido durante décadas.

Na carta, o Papa pede perdão pela dor sofrida pelas vítimas e diz que os leigos católicos devem envolver-se em qualquer esforço para erradicar o abuso e o seu encobrimento. E criticou a cultura clerical que tem sido responsabilizada pela crise, com os líderes da Igreja mais preocupados com a sua reputação do que com a segurança das crianças.

“Com vergonha e arrependimento, reconhecemos, como uma comunidade eclesial, que não estávamos onde devíamos estar, que não agimos da melhor forma, percebendo a magnitude e a gravidade dos danos que causámos a tantas vidas”, escreveu Francisco na carta, acrescentando: “Nós não protegemos os mais pequenos, nós abandonámo-los“.

A carta divulgada pelo Vaticano, de três páginas, é conhecida poucos dias antes de Francisco viajar até à Irlanda, um país católico onde a credibilidade da Igreja também foi destruída após a revelação de que padres abusaram sexualmente de crianças durante muitos anos, com o conhecimento e encobrimento dos seus superiores.

No domingo, o arcebispo de Dublin, Diarmuid Martin, já tinha pedido ao Papa que falasse “abertamente e com franqueza” do passado da Igreja na Irlanda, defendendo que “não basta pedir perdão”.

O Papa Francisco estará no país nos dias 25 e 26, no final de uma semana em que se celebra em Dublin o X Encontro Mundial das Famílias, 39 anos depois da visita de João Paulo II ao país, a primeira e única de um Papa até hoje.

A questão dos abusos sexuais na Igreja assumiu novas dimensões após revelações, nos EUA, de que um dos cardeais de confiança do Papa, o arcebispo reformado de Washington, Theodore McCarrick, terá abusado sexualmente e perseguido menores e seminaristas adultos.

Um relatório de um grande júri da Pensilvânia informou, na semana passada, que pelo menos mil crianças foram vítimas de 300 padres nos últimos 70 anos, e que gerações de bispos falharam repetidamente na tomada de medidas para proteger a comunidade e punir os violadores.

Na carta, publicada em sete línguas, Francisco refere-se ao relatório da Pensilvânia reconhecendo que nenhum esforço para pedir perdão às vítimas será suficiente e prometendo: “nunca mais”.

E disse, pensando no futuro: “nenhum esforço deve ser poupado para criar uma cultura capaz de impedir que estas situações se repitam, mas também para evitar a possibilidade de serem encobertas e perpetuadas”.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

EUA. Mulher é detida após tentar construir uma bomba numa loja da Walmart

Uma norte-americana foi detida numa loja da Walmart, na Florida, Estados Unidos (EUA), após tentar construir uma bomba dentro do estabelecimento comercial. A mulher, que tinha uma criança consigo, foi identificada pelo segurança quando andava sem …

Simeone reitera confiança em João Félix. "Acreditamos totalmente nele"

O técnico do Atlético de Madrid, Diego Simeone, voltou a falar de João Félix esta sexta-feira, reiterando toda a confiança no avançado de 20 anos. "A Supertaça foi mais um passo de experiência para um rapaz …

Ensino Superior com mais concursos para professores em 2019

As instituições de Ensino Superior abriram, em 2019, mais 948 concursos para a carreira docente do que em 2018, anunciou, esta quinta-feira, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. De acordo com uma nota do …

Paulo Gonçalves. Seguradoras atrasam autópsia e trasladação do corpo para Portugal

Paulo Gonçalves faleceu no domingo, aos 40 anos, na sequência de uma queda sofrida ao quilómetro 273 da sétima de 12 etapas do Rali Dakar. Exigências das seguradoras quanto a despistes toxicológicos ao corpo de Paulo …

Estivadores vão fazer greve em Setúbal e ameaçam fazer o mesmo em Lisboa

O Sindicato dos Estivadores e Atividade Logística (SEAL) revelou esta sexta-feira que vai entregar já na segunda-feira um pré-aviso de greve no Porto de Setúbal e ameaça fazer o mesmo no Porto de Lisboa. “Os trabalhadores …

Segundo maior diamante transforma-se em joias Louis Vuitton

Depois de cortado e polido, o segundo maior diamante da história será transformado numa coleção de joias da Louis Vuitton. A Lucara Diamond encontrou o diamante Sewelo, de 1.758 quilates, na sua mina do Botswana, no …

Filho do presidente da Câmara de Pedrógão Grande "sem memória" no caso da reconstrução de casas

O adjunto do presidente da Câmara de Pedrógão Grande, Telmo Alves, que também é filho do autarca, disse em Tribunal que desconhece o processo de reconstrução das casas ardidas no incêndio no concelho, em 2017, …

Joacine não está inscrita no congresso do Livre

De acordo com o semanário Expresso, a deputada única do Livre não se inscreveu na reunião magna do partido, que se realiza este fim de semana, em Lisboa. A deputada do Livre, Joacine Katar Moreira, e …

"Há condições para avançar" com o alargamento da ADSE

"Há condições para avançar" com o alargamento da ADSE aos contratos individuais do Estado e aos precários regularizados no PREVPAP, disse Alexandra Leitão, esta sexta-feira, no Parlamento. A ministra da Modernização do Estado e da Administração …

Países "lutam" por fundos europeus para neutralizar emissões de carbono

Um novo fundo de 100 mil milhões destinado a neutralizar as emissões de dióxido de carbono na Europa até 2050 está em disputa por vários países. A Comissão Europeia quer implementar um fundo de 100 mil …