“Vergonha e arrependimento”. Papa escreve carta a condenar abusos sexuais

Mazur / Catholic Church England and Wales

Papa Francisco

O Papa Francisco publicou, esta segunda-feira, uma carta dirigida a todos os católicos do mundo, condenando o crime de abuso sexual por parte de padres e o seu encobrimento e exigindo responsabilidades.

A carta do Papa Francisco surge numa altura em que foram feitas novas revelações de casos de abuso sexual de menores por parte de padres dos EUA, que teriam ocorrido durante décadas.

Na carta, o Papa pede perdão pela dor sofrida pelas vítimas e diz que os leigos católicos devem envolver-se em qualquer esforço para erradicar o abuso e o seu encobrimento. E criticou a cultura clerical que tem sido responsabilizada pela crise, com os líderes da Igreja mais preocupados com a sua reputação do que com a segurança das crianças.

“Com vergonha e arrependimento, reconhecemos, como uma comunidade eclesial, que não estávamos onde devíamos estar, que não agimos da melhor forma, percebendo a magnitude e a gravidade dos danos que causámos a tantas vidas”, escreveu Francisco na carta, acrescentando: “Nós não protegemos os mais pequenos, nós abandonámo-los“.

A carta divulgada pelo Vaticano, de três páginas, é conhecida poucos dias antes de Francisco viajar até à Irlanda, um país católico onde a credibilidade da Igreja também foi destruída após a revelação de que padres abusaram sexualmente de crianças durante muitos anos, com o conhecimento e encobrimento dos seus superiores.

No domingo, o arcebispo de Dublin, Diarmuid Martin, já tinha pedido ao Papa que falasse “abertamente e com franqueza” do passado da Igreja na Irlanda, defendendo que “não basta pedir perdão”.

O Papa Francisco estará no país nos dias 25 e 26, no final de uma semana em que se celebra em Dublin o X Encontro Mundial das Famílias, 39 anos depois da visita de João Paulo II ao país, a primeira e única de um Papa até hoje.

A questão dos abusos sexuais na Igreja assumiu novas dimensões após revelações, nos EUA, de que um dos cardeais de confiança do Papa, o arcebispo reformado de Washington, Theodore McCarrick, terá abusado sexualmente e perseguido menores e seminaristas adultos.

Um relatório de um grande júri da Pensilvânia informou, na semana passada, que pelo menos mil crianças foram vítimas de 300 padres nos últimos 70 anos, e que gerações de bispos falharam repetidamente na tomada de medidas para proteger a comunidade e punir os violadores.

Na carta, publicada em sete línguas, Francisco refere-se ao relatório da Pensilvânia reconhecendo que nenhum esforço para pedir perdão às vítimas será suficiente e prometendo: “nunca mais”.

E disse, pensando no futuro: “nenhum esforço deve ser poupado para criar uma cultura capaz de impedir que estas situações se repitam, mas também para evitar a possibilidade de serem encobertas e perpetuadas”.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

PSD a 3 deputados da maioria na Madeira. CDS afasta geringonças

Miguel Albuquerque, político experiente, apreciador de música e apaixonado por rosas, voltou hoje a vencer as eleições regionais da Madeira, mas tem agora pela frente a ‘espinhosa’ tarefa de negociar um entendimento que garanta estabilidade …

Porto 2-0 Santa Clara | E vão cinco vitórias consecutivas na Liga

O FC Porto respondeu ao triunfo do Benfica no sábado em Moreira de Cónegos com a quinta vitória consecutiva na Liga, na recepção ao Santa Clara, por 2-0. Num jogo morno, com uma segunda parte mal jogada …

Mazda entra na corrida e prepara lançamento do seu primeiro carro elétrico

A Mazda garantiu o lançamento do seu primeiro carro elétrico já no próximo ano. O veículo será apresentado no Salão Automóvel de Tóquio. A corrida dos veículos elétricos acelera a todo o vapor e a Mazda …

Descobertas evidências de um reino bíblico em pleno deserto israelita

A bíblia faz referência a um reino de Edom, do século X antes de Cristo. Novas evidências sugerem que este reino poderá ter estado assente no deserto de Arava, no Israel. A análise de arqueólogos a …

PSD vence regionais na Madeira mas perde maioria absoluta

O PSD venceu hoje as eleições legislativas regionais na Madeira, com 37% a 41% dos votos, o que lhe retira a maioria absoluta no parlamento, segundo a projeção da RTP/Católica. O Partido Social Democrata venceu as …

No Afeganistão, há mulheres a arriscar a vida por um golo

As jogadores da seleção de futebol feminino do Afeganistão não treinam no seu país por razões de segurança. Muitas sofreram abusos sexuais e correm risco de vida para poderem jogar futebol. Pelo menos alguma vez na …

Cientista diz que avanços científicos podem levar à extinção humana

A evolução da ciência e tecnologia pode ser fundamental para evitar catástrofes, mas, ironicamente, pode também ser a causadora do fim da nossa espécie. O estudo das mudanças climáticas baseia-se em simulações cada vez mais de …

A ilha mais remota do mundo tem nome português

Tristão da Cunha é uma ilha com apenas 250 habitantes, onde ninguém fala português. Não há hotel nem aeroporto. Há quem parta em busca de um lugar sossegado para evitar as grandes multidões turísticas. Caso esteja …

Costa não tinha dúvidas. O parecer da PGR sobre familiares é “absolutamente inequívoco”

O secretário-geral do PS, António Costa, defendeu hoje que o parecer da Procuradoria-Geral da República (PGR) sobre as incompatibilidades entre governantes e negócios com empresas de familiares é “absolutamente inequívoco”. “O parecer é absolutamente inequívoco sobre …

Jovens do mundo inteiro ocupam a ONU em inédita Cimeira do Clima

Mais de 500 jovens, representantes de mais de 140 países, ocuparam este sábado o espaço habitualmente destinado aos diplomatas da ONU. A United Nations Youth Climate Summit, primeira cimeira da juventude sobre o clima, em Nova …