A primeira bateria doméstica de hidrogénio armazena três vezes mais energia do que uma da Tesla

Para usar energia solar doméstica, é preciso gerar energia quando o Sol brilha e armazená-la quando não aparece. Para isto, as pessoas usam normalmente sistemas de bateria de lítio. Porém, a empresa australiana Lavo construiu um quadro que pode ficar na lateral das casas e armazenar o excesso de energia como hidrogénio.

O Sistema de Armazenamento de Energia Lavo Green mede 1.680 por 1.240 por 400 milímetros e pesa 324 quilogramas, de acordo com o NewAtlas.

O sistema é ligado ao inversor solar – deve ser híbrido – e à água de rede através de uma unidade de purificação e usa o excesso de energia para eletrolisar a água, libertando oxigénio e armazenando o hidrogénio num hidreto metálico “esponja” a uma pressão de 435 psi.

O sistema armazena cerca de 40 quilowatts por hora de energia, três vezes mais do que o atual Powerwall 2 da Tesla e o suficiente para manter uma casa média durante dois dias.

Quando a energia é necessária, o sistema usa uma célula de combustível para fornecer energia à casa, adicionando uma pequena bateria tampão de lítio de 5 quilowatts por hora para resposta instantânea. Há ligação Wi-Fi e uma aplicação de smartphone para monitorização e controlo.

Além disso, as empresas com maior necessidade de energia podem executar vários sistemas em paralelo para formar uma “central de energia virtual inteligente”.

Segundo a empresa australiana, este sistema dura muito mais do que um sistema de bateria – até 30 anos em vez de 15 com uma configuração de bateria de lítio. Não há produtos químicos tóxicos que pudessem ser descartados e um sistema é mais compacto do que uma quantidade equivalente de armazenamento de bateria.

Segundo a Lavo, uma fuga aumentará e dispersar-se-á tão rapidamente que haverá baixas hipóteses de um incêndio ou explosão e o hidrogénio “não é inerentemente mais perigoso do que outros combustíveis convencionais, como gasolina ou gás natural”.

Por outro lado, as baterias armazenam e libertam energia com perdas mínimas. Para cada quilowatt por hora gerado pelo seu sistema de cobertura e colocado numa bateria, recebe-se de volta mais de 90% dele. Porém, o processo de hidrogénio por eletrólise usando uma membrana de troca de protões é apenas cerca de 80% eficiente.

Além disso, o sistema perde cerca de metade do que armazenou no processo de conversão do hidrogénio em energia através de uma célula de combustível.

Outro problema é a potência máxima contínua do sistema de 5 quilowatts por hora, presumivelmente limitada pelo rendimento da célula de combustível. Existem sistemas de ar condicionado de sistema único dividido – pouco extravagantes – que consomem mais de 7 quilowatts por hora.

Ainda assim, ainda é cedo e o hidrogénio é o assunto mais quente no setor de energia de momento. Não é inviável pensar que unidades de armazenamento doméstico podem começar a fazer sentido no futuro.

Este sistema custa 26.900 dólares e deverá estar disponível internacionalmente no último trimestre de 2022.

  Maria //

PARTILHAR

13 COMENTÁRIOS

  1. Bem feitas as contas não chega para uma casa média (84,5 kW x h) o que corresponde a uma potência continua de 3,52 kW.
    Relativamente à pericolosidade, “não é inerentemente mais perigoso do que outros combustíveis convencionais, como gasolina ou gás natural”, não é bem assim. De facto o hidrogénio é mais perigoso porque não tem cheiro, é dificil perceber uma fuga e arde mais violentamente em contacto com o oxigénio do ar.

RESPONDER

Bloco diz que as suas nove propostas foram rejeitadas. Governo aponta avanços em sete

O Bloco considerou, esta sexta-feira, que o Governo recusou as suas nove propostas para chegar a acordo no Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). O Executivo, por sua vez, considera que há avanços negociais em …

Comissão de inquérito ao Novo Banco. PSD frisa "maioria popular", PS queixa-se de "partidarite"

Os partidos apreciaram, esta sexta-feira, o relatório final da comissão de inquérito ao Novo Banco, aprovado em julho, com o PSD a destacar a "maioria popular" nas conclusões e o PS a criticar a "partidarite" …

"Falta de respeito". Patrões abandonam Concertação Social e pedem audiência a Marcelo

As quatro confederações patronais suspenderam, esta sexta-feira, a sua participação nas reuniões da Concertação Social e decidiram solicitar uma audiência ao Presidente da República, perante a "desconsideração do Governo pelos parceiros sociais" na discussão sobre …

Parlamento aprova diplomas para alargar gratuitidade das creches e "direito ao esquecimento"

O Parlamento aprovou, esta sexta-feira, um projeto-lei para o alargamento da gratuitidade das creches e de soluções equiparadas e ainda um diploma que consagra o "direito ao esquecimento". A Assembleia da República aprovou um projeto-lei do …

Costa está muito empenhado num acordo pelo OE, mas não "a qualquer preço"

O primeiro-ministro disse, esta sexta-feira, que o Governo vai fazer tudo ao seu alcance para chegar a um acordo sobre o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022), mas advertiu que "um acordo não se obtém …

Evergrande escapa por um triz ao default e garante o pagamento de juros de 71.7 milhões de euros

A gigante imobiliária chinesa conseguiu cumprir com o pagamento dos juros no limiar do fim da extensão do prazo. No entanto, persistem os receios sobre a possibilidade da crise na China contagiar a economia mundial. A …

Pessoas a andar na rua em Viena, Áustria

Em caso de apagão geral, Áustria é o primeiro país europeu a ter um Plano B(lackout)

E se houvesse um apagão que afetasse todo o continente europeu? O cenário é o argumento que o Ministério da Defesa austríaco tem usado para enviar um aviso à população desde o início deste mês. A …

Só um terço das empresas em Portugal têm gestores com um curso superior

O estudo da Fundação Francisco Manuel dos Santos refere que este valor é negativo para o país já que a formação superior dos gestores está associada à produtividade e há maior probabilidade da empresa começar …

Governo avança com desconto de 10 cêntimos por litro nos combustíveis para as famílias

O Governo vai criar um desconto de dez cêntimos por litro nos combustíveis para todas as famílias, até 50 litros por mês. Uma medida que estará em vigor entre novembro deste ano e março do …

Inês Sousa Real, porta-voz do PAN

PAN já enviou memorando de entendimento ao Governo

O partido Pessoas–Animais–Natureza enviou ao Governo, esta sexta-feira, o memorando de entendimento com cerca de 60 propostas, no âmbito do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). "O PAN fez chegar ao Governo um memorando do qual …