Ataque aéreo a um centro de detenção de migrantes na Líbia causa pelo menos 40 mortos

United Nations Photo / Flickr

Pelo menos 40 pessoas morreram na sequência de um ataque aéreo que atingiu, na noite de terça-feira, um centro de detenção de migrantes nos arredores de Tripoli, a capital da Líbia, informaram as autoridades, em novo balanço.

O porta-voz do Ministério da Saúde líbio, Malek Merset, informou que o ataque contra o centro de detenção de migrantes em Tajoura, a sul de Tripoli, também provocou 80 feridos, noticiou esta quarta-feira o Observador, citando a agência Lusa. Um balanço anterior apontava para 10 mortos e 50 feridos.

Em comunicado, o Governo apoiado pela Organização das Nações Unidas (ONU) já responsabilizou o Exército Nacional Líbio (ENL, do marechal Khalifa Haftar) pelo ataque.

Em abril, as forças lideradas pelo marechal Khalifa Haftar, o homem forte da fação que controla o leste da Líbia e que disputa o poder político, lançaram uma ofensiva contra Tripoli, onde está o Governo de Acordo Nacional (GAN), estabelecido em 2015 e reconhecido pela comunidade internacional.

Segundo informou a BBC, os últimos anos a Líbia têm sido um trampolim de passagem para muitos migrantes africanos que procuram fugir para a Europa. Desde a destituição e execução de Muammar Gaddafi que o país tem vivido num caldeirão de violência.

Osama Ali, um porta-voz dos serviços de emergência líbios, contou à AFP que estariam cerca de 120 migrantes no edifício que foi atingido pelo ataque. Acrescentou ainda que o número de mortos pode vir a aumentar, já que os dados que têm até agora são ainda “contagens preliminares”.

O GAN, liderado pelo primeiro-ministro Fayez al-Serra, atira as culpas deste ataque para o ENL, afirmando que o ataque foi “premeditado”, “preciso” e um “crime hediondo”.

O ENL tem lutado contra as forças do governo nas redondezas do local que foi atacado. O grupo anunciou na passada segunda-feira que iam levar a cabo uma série de raids aéreos pesados em Tripoli.

Contudo, o porta-voz do ENL disse à Reuters que o grupo não é responsável pelo ataque no centro de detenção. A Agência das Nações Unidas para os refugiados afirmou-se “extremamente preocupada” com estes ataques.

Centenas de pessoas passam por centros desse género, geridos pelo governo, muitos deles localizados junto às linhas da frente do conflito armado. As fracas condições desses estabelecimentos já foi várias vezes alvo de reprovação por parte de grupos de defesa dos direitos humanos.

A União Europeia intensificou a cooperação com a Guarda Costeira da Líbia, de forma a intercetar barcos de migrantes. Mesmo assim, gangs de tráfico de pessoas continuam a florescer por entre o caos político deste país.

TP, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Coreia do Norte anuncia "teste muito importante" em local de lançamento de mísseis

A Coreia do Norte anunciou ter realizado um "teste muito importante" no local de lançamento de mísseis de longo alcance, defendendo que terá um efeito fundamental na futura posição estratégica do país. A Agência Central de …

Balas que assassinaram John F. Kennedy preservadas em modelo 3D

A partir do próximo ano, os Arquivos Nacionais dos Estados Unidos vão disponibilizar, no seu catálogo online, imagens 3D das balas que assassinaram o antigo presidente norte-americano John F. Kennedy. Para criar os modelos das …

Pela primeira vez, neurónios artificiais foram criados para curar doenças crónicas

Uma equipa de investigadores conseguiu recriar as propriedades biológicas dos neurónios em chips, que podem ser úteis ajudar na cura de doenças neurológicas crónicas. Naquele considerado um feito única na ciência, investigadores da Universidade de Bath …

Cientistas encontram uma relação negativa "muito forte" entre inteligência e religiosidade

Uma equipa de investigadores sugere que pessoas religiosas tendem a ser menos inteligentes do que pessoas sem crenças religiosas. O estudo tem gerado uma grande controvérsia. A religião é um tema forte, capaz de juntar ou …

Descoberta nova espécie de tubarão pré-histórico que podia chegar aos sete metros

Uma nova espécie de tubarão pré-histórico foi descoberta no Kansas, nos Estados Unidos. Este predador podia crescer até quase sete metros de comprimento. De acordo com a revista Newsweek, Kenshu Shimada, da Universidade DePaul, e Michael …

Conhecido medicamento para diabetes pode conter um carcinógeno

A Food and Drug Administration, agência federal e reguladora do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, está a testar amostras de metformina, um medicamento para diabetes que pode conter o carcinógeno N-Nitrosodimetilamina …

Nobel da Física diz que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra

Didier Queloz disse, este sábado, estar convencido de que o ser humano não está concebido para viver fora da Terra, razão pela qual está "zangado" com alguns argumentos do cofundador da Tesla, Elon Musk. Os suíços …

Ford está a reciclar palha de café do McDonald's. Quer transformá-la em peças de carro

https://vimeo.com/377768195 A Ford está a fabricar peças de carro através de palha de café reciclada do McDonald's. A iniciativa contribui para a redução da pegada ecológica e do desperdício alimentar. O combate às alterações climáticas cabe um …

Comité da ONU preocupado com condições das prisões em Portugal

As condições de detenção, a sobrelotação das prisões, o alegado uso da força e outros abusos contra pessoas pertencentes a grupos raciais e étnicos são as principais preocupações do Comité da ONU contra a Tortura …

Cientistas identificaram organismo que prospera ao comer meteoritos

O micróbio Metallosphaera sedula tem uma propensão para comer minerais. E não estamos a falar de granito ou giz, mas de rochas muito mais especiais como meteoritos. Segundo o Science Alert, uma equipa internacional de cientistas …