Só há 30 psicólogos para 14 mil reclusos em Portugal

Há apenas 30 psicólogos ao serviço nas prisões portuguesas. Recebem cinco euros brutos por hora, a recibos verdes e a maioria “está longe de ter um horário completo”.

A denúncia parte do bastonário da Ordem dos Psicólogos, Francisco Miranda Rodrigues, que em entrevista ao jornal Público denunciou a existência de apenas 30 psicólogos para cerca de 14 mil reclusos em 49 estabelecimentos prisionais.

O bastonário garantiu que a precariedade laboral destes funcionários é “imensa” e compromete a capacidade de se observar melhorias na reinserção social e nos níveis de reincidência dos reclusos.

No entender de Francisco Rodrigues, a única solução é que o Governo não renove contratos com empresas prestadoras de serviços de saúde e psicologia, contratando diretamente estes profissionais – à semelhança do que o PCP propõe, num projeto de lei que será discutido esta sexta-feira no Parlamento.

O Bloco de Esquerda e o PAN, que apresentaram projetos de resolução, também concordam que é urgente acabar com o recurso a este tipo de empresas.

A Direção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais (DGRSP) e o Ministério da Justiça admitem que a contratação de empresas de trabalho temporário é transversal à área de saúde nas prisões.

Atualmente, revela o jornal, estão contratadas, a quatro empresas, mais de sete mil horas semanais a médicos, enfermeiros, psicólogos, técnicos de farmácia, técnicos de radiologia, farmacêuticos e auxiliares de ação médica.

Fazendo as contas, no Estabelecimento Prisional de Lisboa, por exemplo, três psicólogas dividem 50 horas semanais de serviço de psicologia. Já em Paços de Ferreira um psicólogo faz as 19 horas por semana.

O bastonário afirma que “não há justificação para uma situação destas quando os compromissos assumidos pelo Estado, quer na lei, quer perante instâncias internacionais, preconizam a diminuição da reincidência, que os estudos situam nos 50%” e defende a estabilização de um mínimo de profissionais que permita fazer um trabalho eficaz.

Com este “tipo de retribuição e vínculo”, continua, “não é razoável que um psicólogo construa um projeto de vida, nem é credível que um recluso possa trabalhar positivamente a sua reinserção social, por exemplo, com uma pessoa que muda de seis em seis meses”.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

CIA tentou desenvolver um "drone-pássaro" nuclear para espiar a União Soviética na Guerra Fria

Durante a Guerra Fria, a CIA tentou desenvolver um drone nuclear do tamanho de um pássaro para espiar a União Soviética e outros países do bloco comunista. Porém, o projeto nunca foi concluído. De acordo com …

Para combater o desperdício, China acaba com os banquetes tradicionais

Conhecidos pela gastronomia e pelo bom apetite, os chineses terão de adotar a austeridade, invertendo a tradição, que exige que sejam servidos à mesa tantos pratos quantos forem os convidados e mais um. A nova regra …

Com apenas 4 dólares é possível dormir na última Blockbuster. E ainda participa na festa pijama

Já sente saudades de sair de casa para ir alugar um filme e comprar umas pipocas? A última loja da icónica Blockbuster está agora disponível no Airbnb. A antiga loja da cadeia americana pode ser …

Espanha com quase mais 3.000 novos casos. É o maior aumento desde maio

Espanha registou o maior número de infeções de covid-19 desde o final de maio, com 2.935 novos casos nas últimas 24 horas, anunciou o Ministério da Saúde, ressalvando que o balanço inclui dados de Madrid …

Escolas devem reabrir normalmente. Governo preparado para decisões diferentes

As escolas devem reabrir em situação de normalidade e só uma evolução negativa da pandemia levará a decisões contrárias, de maior ou menor alcance, que o Governo disse esta quinta-feira estar preparado para tomar. Na conferência …

Família de ativista saudita teme que esteja a ser torturada na prisão

Familiares de uma importante ativista dos direitos das mulheres da Arábia Saudita, detida desde maio de 2018, temem que esteja a ser torturada na prisão, uma vez que não dá notícias há vários meses. Loujain al-Hathloul, …

Governo disponível para retomar reuniões no Infarmed (mas nega falta de informação)

O Governo manifestou esta quinta-feira “abertura para retomar as reuniões” no Infarmed sobre o ponto de situação da epidemia de covid-19, mas rejeitou falhas na informação ao parlamento e aos partidos. Na conferência de imprensa do …

Israel e Emirados Árabes Unidos alcançam "acordo histórico" mediado pelos Estados Unidos

O Presidente norte-americano, Donald Trump, anunciou esta quinta-feira que Israel e os Emirados Árabes Unidos concordaram em estabelecer relações diplomáticas plenas, como parte de um acordo para impedir a anexação israelita de terras ocupadas pelos …

Em contingência, Câmaras de Lisboa passam a definir horários do comércio. O (pouco) que muda este sábado

A generalidade de Portugal continental continuará em situação de alerta e a Área Metropolitana de Lisboa em situação de contingência até ao final do mês devido à pandemia de covid-19, anunciou o Governo. Segundo explicou esta …

Três meses depois do anúncio, o apoio de emergência às Artes ainda não chegou

Cinquenta das 311 entidades abrangidas pela Linha de Apoio de Emergência às Artes, dotada de 1,7 milhões, ainda não tinham esta quinta-feira recebido o valor que lhes foi atribuído, três meses depois do anúncio dos …